Curtinhas

Terça-Feira, 14 de Maio de 2019, 12h:02 | Atualizado: 14/05/2019, 12h:17

Radares e rigor com caminhões

antenor_curtinha

 

O  secretário de Mobilidade Urbana de Cuiabá Antenor Figueiredo, em entrevista ao RDTV e visita à sede do Rdnews, garante que a gestão vai endurecer a fiscalização contra caminhões que circulam, irregularmente, pelas ruas da Capital. Promete que, além do monitoramento por câmeras, vai instalar dispositivos eletrônicos para pesar os veículos e, depois, os multar com base no que prevê a legislação. Antenor destaca que esse é um dos desafios na fiscalização e defende que os radares de controle de velocidade têm se mostrado eficazes. Pondera que houve redução significativa nos acidentes nas vias em que os aparelhos estão.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Jc | Terça-Feira, 14 de Maio de 2019, 23h01
    0
    0

    Só ficar aqui na avenida Antarctica que vai sair a maior arrecadação do ano e recorde da pasta porque é umas 200 carretas por dia inclusive de cimento graneleiro bebidas pedra Combustivel.

  • Sandra | Terça-Feira, 14 de Maio de 2019, 17h46
    0
    0

    Finalmente hein Sr Secretário! Aproveite e aconselhe o Sr Prefeito a dar um "start" na fiscalização dos hot dogs, vulgo baguncinhas. Virou uma verdadeira zorra na cidade, especialmente na Av. do CPA, é uma questão grave de saúde pública, além da bagunça que virou. Aproveite este ano que não é ano eleitoral, para quem sabe moralizar essas atividades na Capital do Estado.

  • perigosíssimo | Terça-Feira, 14 de Maio de 2019, 14h34
    0
    1

    Boa tarde. Demorou. Essas câmeras instaladas na Av. das Torres já dá e uma idéia do quanto esse pessoal desrespeita a legislação. Caminhões bi-trem com 50, 60 ou 70 toneladas circulam normalmente por aqui. Moro nos fundos de um depósito de areia e sei que as carretas deles só andam com cargas muuuito acima, destruindo no há rua que foi asfaltada recentemente. Apesar de ser uma rua eles não respeitam, pior, passam em frente ao postinho policial mas eles não tem poder de fiscais. Quem sabe agora aprendem a respeitar horário e limite de peso.

Matéria(s) relacionada(s):

Câmara adia o parecer sobre denúncia

felipe wellaton curtinha   A Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão, assinou a Resolução número 16, na última terça (21), prorrogando por mais 30 dias o prazo para definir um parecer sobre a representação do servidor público Valmir Molina contra o vereador Felipe Wellaton...

Pacto descumprido à saúde e denúncia

Pedro Taques curtinha   O governador Mauro ingressou com representação junto ao TCE, com pedido de medida cautelar, contra o antecessor Pedro Taques (foto) e o ex-secretário de Saúde Luiz Soares, apontando supostas irregularidades na concessão de R$ 82 milhões do Fundo Estadual de Saúde para...

Ex terá de restituir erário em R$ 11 mil

gisely ex julio pinheiro curtinha   O Tribunal de Contas do Estado manteve, em decisão desta semana, a sanção aplicada à Gisely Carolina Lacerda Pinheiro (foto), viúva do ex-presidente da Câmara de Cuiabá, Júlio Pinheiro, que faleceu em junho de 2016. Julgada à revelia, já que foi...

Xuxu recusa diárias e cala Wilson

xuxu curtinha   Na tribuna da AL, o tucano Wilson Santos tentou ironizar o colega Xuxu Dal Molin (foto), que retornou de missão oficial à Ásia nesta semana, mas acabou se dando mal. Considerando que Xuxu é membro de uma das famílias mais abastadas de Sorriso, Wilson sugeriu que ele poderia ter custeado a viagem e...

TCE já suspende licitação na Câmara

misael galvao curtinha   O TCE determinou que a Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão (foto), suspenda de imediato um pregão para contratar empresa para fornecimento de material de informática e de equipamentos de áudio e vídeo. Técnicos de Controle Externo de Contratações...

Janaina, MDB e o Palácio Alencastro

janaina riva curtinha   A presidente interina da Assembleia Janaina Riva não assume publicamente mas, nos bastidores, alimenta a esperança de ser prefeita de Cuiabá. Para que isso ocorra, em 2020, teria que deixar o seu MDB o prefeito Emanuel que, aliás, já está com um pé no PTB. Na cúpula...

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.