ECONOMIA E AGRO

Quinta-Feira, 13 de Junho de 2019, 09h:09 | Atualizado: 13/06/2019, 12h:07

10 dias de embargo

Mapa não vê risco e libera exportação de carne para China, diz deputado - vídeo

Rodinei Crescêncio

Coordenador da bancada federal Neri Geller

Neri Geller pondera que recebeu uma ligação de Tereza

Dez dias após suspender as exportações de carne bovina para a China, o ministério da Agricultura (Mapa) levantou hoje (13) o embargo, garantindo que a comercialização seja retomada. No começo deste mês, foi descoberta uma suspeita da incidência da doença conhecida por “Vaca Louca”, em Mato Grosso. Após comprovação de que se tratava de um caso atípico e isolado, e a comunicação ter sido feita de forma imediata pelas autoridades, o mercado volta à normalidade.

O anúncio foi feito de forma extraoficial pelo deputado e ex-ministro da Agricultura Neri Geller (PP), que, em vídeo, relata ter recebido uma ligação da ministra Tereza Cristina, nesta manhã para noticiar o fim do embargo - assista.

“Essa é uma boa notícia. O ministério da Agricultura agiu rápido, está de parabéns assim como o Indea de Mato Grosso e todos que se envolveram nesta discussão, pois mostrou a competência e a qualidade da defesa sanitária vegetal e animal do nosso querido Brasil”, disse o deputado, entusiasmado, no vídeo.

Em Mato Grosso, o embargo da carne bovina para a China provocou prejuízos médios de US$ 6,7 milhões durante os 10 dias. Isso porque a média de exportação mensal do Estado de carne bovina para a China é de US$ 20 milhões, valor que representa 22,8% das exportações mensais do Estado. Os dados são baseados no Relatório Semanal de Bovinos do Imea.

Às 12h01 - Em nota, Mapa confirma a suspensão

O ministério da Agricultura, em nota, ressalta que a China é o único país, entre os importadores do Brasil, que tem protocolo sanitário que exige a suspensão temporária das importações de carne quando detectado caso atípico de EEB. E que a ministra Tereza Cristina recebeu a notícia da reabertura do mercado chinês nesta madrugada. "A ministra reafirmou que vai continuar negociando um novo protocolo com as autoridades sanitárias chinesas".

Veja, abaixo, a nota

A China vai retomar as importações de carne bovina do Brasil que estavam suspensas desde o dia 3 de junho, por conta da notificação de caso atípico de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), detectado em Mato Grosso.

A China é o único país, entre os importadores do Brasil, que tem protocolo sanitário que exige a suspensão temporária das importações de carne quando detectado caso atípico de EEB. A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, recebeu a notícia da reabertura do mercado chinês nesta madrugada. A ministra reafirmou que vai continuar negociando um novo protocolo com as autoridades sanitárias chinesas.

A doença foi constatada em uma vaca de corte, com idade de 17 anos. Todo o material de risco específico para EEB foi removido do animal durante o abate de emergência e incinerado no próprio matadouro. Outros produtos derivados do animal foram identificados, localizados e apreendidos preventivamente, não havendo ingresso de nenhum produto na cadeia alimentar humana ou de ruminantes. Não havia, portanto, risco para a população.

A Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) encerrou no último dia três, o pedido de informações complementares do Brasil sobre o caso, o que mostrou que não há risco sanitário. As exportações de carne bovina continuaram normalmente para os demais países.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Fatura por média e multa à Energisa

thiago 400 ager curtinha   Após fiscalização no 2º semestre do ano passado, a Ager-MT multou em R$ 14,4 milhões a Energisa. Descobriu-se irregularidades na área comercial da concessionária de energia. Thiago Bernardes (foto), coordenador Regulador de Energia da Agência, explica que, no trabalho...

PS-VG e revolta por falta de médicos

marcondes curtinha 400   Principal calcanhar de Aquiles do 2º maior município do Estado, que registra hoje cerca de 200 mil habitantes, o Pronto Socorro de Várzea Grande não está recebendo pacientes ortopédicos e nem ginecológicos em sua porta de entrada. É que a unidade não tem...

Emanuel, feitos, paletó e a reeleição

emanuel pinheiro 400 curtinha   O núcleo de apoio estratégico do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) está empolgado com resultado de pesquisas realizadas tanto para avaliar como está indo a administração da Capital, pontuando pontos fracos e fortes, quanto sobre se há chance ou não de...

Deputada critica Bruno no Operário-VG

janaina riva 400 curtinha   Acostumada a enfrentar temas polêmicos, dentro e fora da seara política, Janaína Riva foi a única parlamentar a se manifestar publicamente sobre a decisão do Operário de Várzea Grande de contratar o goleiro Bruno, condenado a 20 anos por matar e ocultar o corpo da...

Espólio político de Selma que não virá

otaviano pivetta 400 curtinha   O vice-governador e pré-candidato ao Senado, Otaviano Pivetta (foto), tem encampado um equivocado entusiasmo sobre possível espólio político de Selma Arruda. Mas a tendência, se insistir nessa tese, é de amargar uma tremenda frustração. Pivetta tem dito aos...

Beto decide em maio quem vai apoiar

beto farias 400 curtinha   O prefeito barra-garcense e empresário Beto Farias (foto), que conclui neste ano o segundo mandato consecutivo, não sabe ainda quem apoiar à sucessão municipal. E só tomará uma decisão em maio, já faltando dois meses para as convenções. Até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.