ECONOMIA E AGRO

Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2020, 16h:26 | Atualizado: 10/02/2020, 16h:32

GRANDE COMPRADOR

Coronavírus não afeta exportação e Brasil “tem mercado forte e sólido”, avalia Neri

O ambiente de insegurança em torno da epidemia do coronavírus não deve afetar o setor agropecuário do país. Segundo o deputado federal Neri Geller (PP), em entrevista ao nesta segunda (10), o Brasil tem um mercado forte e sólido, com credibilidade e as medidas sanitárias estão sendo tomadas. O país exporta para a China, principalmente, soja e carnes bovina, suína e de frango.

Rodinei Crescêncio

Neri Geller

O deputado federal Neri Geller em entrevista exclusiva na sede do Rdnews, quando avaliou relação com a China, diante do surto de coronavíros

Mato Grosso fechou 2019 no 6º lugar do ranking nacional dos exportadores, respondendo por 7,6% das vendas exteriores brasileiras. A soja ainda é o produto mais vendido, atingindo 55% da participação comercial, seguida do milho com 24%, do algodão com 8,4%, e da carne com 7,7% das vendas.

Neri, que é próximo à titular do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina, contou que a ministra tem tratado do tema com a devida atenção. Na terça (10), ela esteve reunida com o embaixador chinês Yang Wanming para definir alguns pontos da relação comercial entre Brasil e China, tais como parcerias comerciais que devem ser mantidas.

O coronavírus também pode causar infecções em animais, contudo ainda não se pode afirmar as espécies com potencial de ser um reservatório da doença. O que se sabe é que não há relatos do vírus em qualquer espécie animal, além disso a Organização Mundial de Saúde Animal não restringiu a comercialização de produtos e de animais.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

A bronca de Saad com Wilson Santos

ricardo saad curtinha 400   O vereador Ricardo Saad (foto), presidente do PSDB da Capital, resolveu disparar a metralhadora verbal contra colegas tucanos. Sobre o ex-prefeito e hoje deputado Wilson Santos, considera que este nada fez para ajudar o partido a se reestruturar, visando as eleições de outubro. Mesmo sendo vice-presidente...

Janela tira muitos políticos do calvário

gilberto figueiredo curtinhas   O fechamento da janela partidária, que encerrou-se no último sábado, dia 4, marcou o fim de um longo calvário aos partidos, que tiveram que suportar em seus quadros políticos que não estavam mais de “alma”, mas somente de “corpo”. Na Câmara...

Só 2 vereadores não vão à reeleição

felipe wellaton curtinha 400   Apenas dois entre os 25 parlamentares cuiabanos não vão buscar a reeleição. O licenciado Gilberto Figueiredo, que trocou o PSB pelo DEM, quer concorrer a prefeito, assim como Felipe Wellaton (foto), que até trocou de partido, saindo do PV e agora no Cidadania. Pretende disputar...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

Redes sociais, lives e efeito colateral

Em tempo de coronavírus, as redes sociais têm sido fundamentais para disseminar informações. As plataformas são utilizadas, por exemplo, para realização de coletivas, mas, nesta segunda (6), houve um efeito colateral. O governador Mauro Mendes e o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo foram "vítimas" de ferramenta de animação do Facebook. Os dois falavam sobre ações para combater a doença...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.