ECONOMIA E AGRO

Sexta-Feira, 05 de Fevereiro de 2016, 16h:22 | Atualizado: 05/02/2016, 16h:24

inovação

Deputado anuncia investimento de R$ 1 mi para produção de café clonal

Marcos Lopes

silvano_amaral_marcos_lopes.JPG

     Deputado estadual Silvano Amaral "amadurece" produção de café clonal em Mato Grosso

O plantio do café conilon, mais conhecido como café clonal, começa a sair do papel em Mato Grosso. Isso porque um dos maiores apoiadores do projeto, deputado estadual Silvano Amaral (PMDB), buscou recursos junto ao Governo com o objetivo de que a plantação obtenha êxito no Estado. Nesta quarta (3), o parlamentar esteve novamente na secretaria estadual de Agricultura e Regularização Fundiária (Sedraf), onde conseguiu resposta positiva ao plantio.

Segundo o secretário, Suelme Fernandes, os trâmites legais para o processo licitatório estão previstos para maio deste ano. Para isso, haverá um investimento na ordem de R$ 500 mil de iniciativa de Silvano, através de emenda parlamentar, outros R$ 300 mil em emenda pela bancada, além de todo suporte técnico sob responsabilidade da Sedraf, o que deve totalizar um investimento de quase R$ 1 milhão.

Silvano afirma acreditar que este tipo de investimento vai melhorar a vida do homem do campo, através de um produto mais rentável e que produz o dobro que o café tradicional, mesmo que plantado em uma mesma escala.

Na prática, isso significa que enquanto se colhe 70 sacas do café tradicional, com base em um hectare de terra (10.000²), o café clonal poderá render até 150 sacas, ou seja, mais que o dobro da matéria-prima em uma proporção igual de plantio. Em Colniza já existe o projeto em andamento. No ano passado, Silvano esteve na região e, junto com o prefeito Assis Raupp, acompanhou de perto todo processo.

Raupp viabilizou mais de 90 mil mudas, que foram plantadas em uma chácara da região, como projeto-piloto. O município ainda conta com mais 1,2 mil mudas na unidade demonstrativa da secretaria municipal de Agricultura, que também serão doadas, em breve, e servirão de experimento aos produtores da região.

Com essa experiência, Colniza pretende obter dois milhões de mudas, tendo em vista que cada pé produz até dez mudas, e assim pulverizar a região. Vale ressaltar que o café na região Norte do Estado é a segunda matéria-prima que mais gera renda, tendo em vista que o gado de corte lidera o ranking de maior produção.

A ideia, que começou em Colniza, agora se expande para cidades adjacentes, como Aripuanã, Cotriguaçu e Juruena. Conforme o deputado, os municípios de Rondolândia, Juína, Nova Bandeirantes, Nova Monte Verde e Castanheira também serão contemplados.

Café Conilon

O café conilon, por ser uma espécie mais rústica, possui algumas vantagens sobre o café tradicional, como maior resistência às doenças e pragas, maior tolerância à temperatura mais elevada, que é o caso de Mato Grosso, onde os termômetros chegam a registrar 47° C, e à deficiência hídrica.

Além disso, o conilon possui maior teor de cafeína e sólidos solúveis, características importantes para a indústria de café solúvel. Outra vantagem é a elevada produtividade, que, dependendo do material genético, chega a produzir até três vezes mais que o café tradicional. A produtividade média do conilon pode variar, conforme o nível de tecnologia adotado pelo agricultor. O custo de produção desse tipo de café, em algumas fases, supera o do café tradicional, observadas a aquisição de mudas clonais e as podas necessárias durante a condução da lavoura. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • saulo evangelista | Quarta-Feira, 10 de Fevereiro de 2016, 14h09
    2
    0

    parabens deputado trabalhando em prol da agricultura

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

DEM é "suprapartidário" em Cuiabá

wilson santos, 400 curtinha   Para uns, o DEM de Cuiabá se tornou "suprapartidário". Para outros, um partido de aluguel. Além de não ter cabeça de chapa para prefeito, o partido do governador Mauro e dos irmãos Júlio e Jayme Campos enfrenta uma situação inusitada de concorrentes...

Diretório do Podemos-VG dissolvido

mara podemos curtinha 400   A direção estadual do Podemos, sob o deputado José Medeiros, destituiu o diretório municipal de Várzea Grande e anulou o encaminhamento para apoio a Kalil Baracat a prefeito. Agora sob comando provisório da professora Wilcimara Carnelós, a Mara (foto), que está na...

Silvio provoca debandada no PTB-VG

silvio fidelis 400 curtinha   Silvio Fidélis (foto), afilhado político de Chico Galindo e que se tornou fiel escudeiro da prefeita várzea-grande Lucimar Campos, de cuja gestão é secretário de Educação, provocou debandada geral no PTB local. Inconformado com a decisão de Emanuelzinho de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.