ECONOMIA

Segunda-Feira, 21 de Setembro de 2020, 14h:00 | Atualizado: 21/09/2020, 14h:13

RODADA DE NEGÓCIOS

Incêndios no Pantanal esvaziam hotéis e pousadas e governo ajuda para retomada

Divulgação

Pousada no Pantanal

Com o fogo alastrado na região do Pantanal, o Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec-MT), estuda ações para recuperação da atividade turística no bioma, incluindo rodadas de negócios. Os incêndios, que já devastaram mais de 1 milhão de hectares no Estado, deixaram as pousadas e hotéis vazios e com baixa projeção de ocupação.

Quarenta pousadas e hotéis, além de 18 barcos hotéis localizados em Cáceres, Barão de Melgaço, Poconé (Porto Jofre) e Rodovia Transpantaneira mantêm o atendimento reduzido e também servem como suporte para as equipes que estão atuando no combate às chamas.

“A situação dos hotéis é delicada. O primeiro impacto que sofremos este ano no setor do turismo foi por conta da pandemia da Covid-19, e agora, com a situação dos incêndios em áreas de preservação e pontos turísticos. Tivemos a atividade abalada ambientalmente e economicamente, mas estamos empenhados em encontrar soluções para fomentar o setor, não apenas para os próximos meses, mas para os próximos anos”, concluiu secretário adjunto de Turismo da Sedec, Jefferson Moreno.

A situação dos hotéis é delicada. O primeiro impacto que sofremos este ano no setor do turismo foi por conta da pandemia da Covid-19, e agora, com a situação dos incêndios em áreas de preservação e pontos turísticos

Jefferson Moreno, adjunto de Turismo de MT

Para reverter esse cenário, o Estado vai fomentar o setor através de rodadas de negócios em uma plataforma desenvolvida pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O objetivo é atrair principalmente turistas que vivem em Mato Grosso e que buscam ao longo do ano por pacotes turísticos destinados a outras regiões do país ou viagens internacionais. Reservas agendadas para o Pantanal até o mês de dezembro de 2020, tiveram registros significativos de cancelamentos e adiamentos, com queda de 90% nos últimos dias.

A Plataforma Integrada de Turismo, do Programa Descubra Mato Grosso também será uma das ferramentas adotadas neste processo. Essa plataforma é uma ferramenta inovadora de gestão virtual da oferta turística dos municípios e regiões, com base na metodologia do inventário da oferta do Ministério do Turismo, que fornecerá informações, organizadas e sistematizadas para o planejamento, gestão e promoção da atividade turística em Mato Grosso.

A previsão é de que parcerias e negociações sejam iniciadas no mês outubro, quando começar o período de chuvas e possível regeneração do meio ambiente. Participam das reuniões o Governo do Estado, donos de hotéis, pousadas, operadores de viagem e agentes de viagem que estejam cadastradas na Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV).

“A Secretaria vem atuando como interlocutor entre as Secretarias de Estado e Centro Integrado Multiagências de Coordenação Operacional (Ciman-MT) para encontrar soluções e dar suporte a médio prazo para os empresários e turistas, principalmente no Pantanal. Fizemos várias reuniões com o Ciman, donos de hotéis e pousadas, Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra), que já está mobilizada para a reconstrução de 10 pontes de madeira queimadas nos incêndios e assim evitar que a população local e visitantes fiquem ilhados”, destacou Moreno. (Com assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • alexandre | Segunda-Feira, 21 de Setembro de 2020, 18h53
    5
    0

    Caro pra burro, turismo pra gringo... espanta mesmo..

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...