ECONOMIA

Sexta-Feira, 04 de Novembro de 2016, 15h:23 | Atualizado: 04/11/2016, 15h:24

Mato Grosso tem rebanho 100% livre de animais de origem estrangeira

Reprodução

pecuária

Com morte do animal, MT fica em situação privilegiada de não ter animal com registro de importação

O último animal de origem estrangeira no Estado foi sacrificado por uma comissão de monitoramento e controle de sanidade animal. A ação aconteceu na última semana de outubro, em uma fazenda de Porto Esperidião, indicada para animais que venham de países que registraram casos de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), mais conhecida como “Mal da vaca louca.

Com a morte do animal, Mato Grosso fica em situação privilegiada de não ter nenhuma animal com registro de importação em seu território, conforme explicou o gerente de relações institucionais da Acrimat e médico veterinário, Nilton Mesquita Júnior.

Nos últimos dois anos, a Comissão de Sacrifício Animal de Mato Grosso rastreou, monitorou e sacrificou 11 animais que vieram de outros países para o Estado. O controle de entrada de animais estrangeiros é realizado pela Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SDA/Mapa) e Indea, via SISBOV – sistema de rastreamento bovino.

Desde os primeiros casos da doença, qualquer animal estrangeiro que entra no Estado é avaliado e técnicos orientam o proprietário do animal sobre os protocolos de sanidade.

No caso da vaca de Porto Espiridião, o rastreio vinha sendo feito há anos, acompanhando a vida útil do animal e em contatos constantes com o proprietário. Seguindo o protocolo de sanidade animal, é obrigatória a análise de tecido encefálico para se excluir o risco da doença. A coleta do material se dá quando é feito o sacrifício ou quando o animal morre de causas naturais. “E esse ponto é uma opção do criador. Nesses últimos dois anos, através de um movimento de conscientização realizado pela comissão, os pecuaristas que ainda tinham esses animais, entenderam a importância do controle e análise de material via sacrifício” explica Nilton.

Comissão

Criada em 2001, a Comissão é composta por médicos veterinários do Mapa, Indea e Acrimat e tem como objetivo rastrear, avaliar, sacrificar e abrir o processo indenizatório do animal. Desde 2001, foram 50 animais abatidos no total. O caso em Porto Esperidião era o último acompanhamento de animal estrangeiro em MT. “O monitoramento continua agora nas propriedades e frigoríficos na vigilância contínua da mitigação de risco”, destaca Donizete Mesquita, fiscal federal agropecuário do Mapa, em Mato Grosso. 

Segundo o superintendente da Acrimat e médico veterinário, Francisco Manzi, outro fator decisivo para manutenção do status de risco insignificante no Estado, é sua vocação de “boi a pasto”. “Com 80% dos animais criados exclusivamente em pastagens, as rações não contêm nenhum ingrediente de origem animal, principal fonte de contaminação da doença”, destaca. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

PT, candidata vetada e novo ajuste

bob pt 400 curtinha   O PT em Cuiabá, comandado pelo assessor do deputado Lúdio, Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), terá de ajustar de novo a chapa proporcional, especialmente sobre candidaturas femininas em Cuiabá. Depois que foi intimado pela Justiça a completar a cota de mulheres, sob pena de indeferimento da...

TCE vê superfaturamento em Juara

carlos sirena 400 curtinha   Em plena campanha eleitoral o prefeito de Juara, Carlos Sirena (foto), candidato à reeleição pelo DEM, está tendo que buscar explicações sobre irregularidades apontadas pelo TCE-MT em alguns casos de dispensa de licitação, especialmente nas compras de produtos para...

Doação à campanha a pedido de Jayme

jayme campos 400 curtinha   O senador Jayme Campos (foto) não tirou um centavo do bolso para colocar na campanha de Kalil Baracat, mas é o responsável pela entrada de praticamente a metade dos R$ 1,4 milhão doados ao candidato do MDB à Prefeitura de Várzea Grande. Graças à...