ECONOMIA E AGRO

Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020, 20h:11 | Atualizado: 03/08/2020, 21h:43

MERCADO VANTAJOSO

Vendas antecipadas de soja chegam a 40% e de milho 30% na safra 2021 no Estado

Luciano Muzzi

Plantio de soja

Mais de 40% da safra de soja que será plantada a partir de setembro desse ano já está vendida. A demanda pelo grão, tanto no mercado interno como fora do país, tem aumentado e a boa expectativa também se estende ao milho e os produtores já conseguiram negociar 30% produção da safra de 2021.

A avaliação do presidente da Aprosoja-MT, Antônio Galvan, é de que a demanda pelos grãos produzidos no Estado tende a aumentar nos próximos anos. “Comemoramos duas safras recorde, tanto de milho quanto de soja, mas o setor está organizado para garantir a produção nos próximos anos”.

A alta produtividade do milho que chega a 34 milhões de toneladas usando apenas 60% da área destinada à soja, anima o setor. No último ano, o Estado colheu 35 milhões de toneladas de soja em 9,8 milhões de hectares, enquanto a área para o milho foi de 5,3 milhões de hectares.

Empolgados, produtores já estariam negociando a próxima safra de milho, 2022, que deve ser plantada após a colheita da soja que ainda será plantada em setembro desse ano. Mas o presidente da Aprosoja lembra que apesar de parecer tentadora a negociação, é preciso ter cautela.

“É importante saber que vender o produto agora sem saber o custo, pode ser arriscado. Pois o produtor pode fazer negócios em reais e correr o risco uma desvalorização da moeda”, alerta.

Fatores como problemas climáticos nos últimos anos, como excesso de umidade nos EUA, por exemplo, valorizou o grão brasileiro que conta com clima estável. “Vivemos uma situação delicada onde precisamos aumentar a produção, mas esbarramos na preocupação com desmatamento”, diz avaliando ser um dos maiores desafios do agronegócio para os próximos anos.

Imea mostra valorização de soja e milho no Estado

Segundo o último boletim do Imea, enquanto o mercado da soja em Chicago perdeu força na última semana, voltando a ficar com as cotações abaixo dos US$ 9,00/bu, o preço disponível da soja em MT fechou em alta de 0,83%, influenciado pela demanda interna aquecida e pela valorização do prêmio em Santos-SP, que avançou 12,53% na média semanal.

O milho também aumentou na mesma semana, saindo a 6,12% a mais no comparativo semanal, fechando a última sexta cotado em R$ 35,92 pelo indicador Imea.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.