ECONOMIA E AGRONEGÓCIO

Quarta-Feira, 15 de Maio de 2019, 18h:05 | Atualizado: 16/05/2019, 12h:00

MT FORTE

Aprosoja pede extinção do Fethab Milho

Reprodução

Antonio Galvan

Presidente da Aprosoja, Antônio Galvan, durante ato do movimento Mato Grosso Forte

A Aprosoja, por meio do movimento MT Forte, entregou uma pauta de reivindicações na Assembleia e ao governador Mauro Mendes (DEM). No oficio, os produtores de soja e milho também expressaram indignação pelo tratamento que vem recebendo do Executivo.

A lista de reivindicações apresentada pela Aprosoja inclui Imediata extinção do Fethab Milho; destinação de 100% dos recursos arrecadados pelo Fethab commodity (1 e 2) para transporte e habitação; apresentação das medidas concretas que estão sendo tomadas e seus impactos para adequação do tamanho da máquina pública ao crescimento da arrecadação; e desburocratização no âmbito das secretarias de Fazenda e Meio Ambiente, Instituto de Defesa Agropecuária, Instituto de Terras e demais órgãos estaduais que tenham interface com a produção agropecuária.

Além disso, a carta defende a não participação do Estado em quaisquer projetos que envolvam OGNs diretamente ligadas a ações que, segundo eles, limitem direitos dos cidadãos mato-grossenses (Moratória da Soja, Manifesto do Cerrado, PCI - Produzir, Conservar e Incluir etc.). Cobram ainda a viabilização, em lei, da participação efetiva das entidades do setor produtivo nos conselhos de fiscalização da aplicação dos recursos do Fethab, estadual e municipal.

As reivindicações foram apresentadas dias depois da Aprosoja divulgar nas mídias sociais comparativos dos duodécimos da Assembléia e do Tribunal de Justiça (TJ) com o orçamento de secretarias de Estado.  A comparação foi classificada como esdrúxula pelo Legislativo

“Senhor Governador, os produtores do estado de Mato Grosso reafirmam sua disposição para trabalhar em conjunto com os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário pelo desenvolvimento do Estado de Mato Grosso e melhoria da qualidade de vida da população. Convictos de que esse desenvolvimento só será alcançado de forma mais célere com foco estratégico em infraestrutura e certos de sua sensibilidade para a causa, subscrevemos”, diz trecho do ofício.

Argumentos

 No ofício, a Aprosoja argumenta que o Governo vai sobretaxar um setor para resolver problemas sociais crônicos, como os da saúde, mas afirma que a resposta é superficial. Isso porque, segundo a entidade, o problema não é falta de recursos, mas de gestão eficiente.

Lembra ainda a Lei Orçamentária Anual de Mato Grosso, exercício de 2019, que aponta um déficit global estimado de R$ 1,7 bilhão, com destaque para o aumento dos gastos com pessoal e custeio da máquina pública, R$ 790 milhões e R$ 235 milhões em um ano, respectivamente.

“Nota-se que a crise gerada pelo crescimento descomedido da máquina pública é algo que tira o sossego da atual administração, tanto é que recentemente em uma reunião com prefeitos o atual governador expôs números estarrecedores. De 2003 a 2018 a arrecadação total do estado cresceu 342%, por outro lado o gasto com folha de salários dos servidores de todos os Poderes cresceu 678%. Uma equação nefasta que aumenta exponencialmente a necessidade de caixa a cada dia, sendo insuficiente até mesmo crescimentos como os observados em Mato Grosso, por vezes comparados aos da economia chinesa”, diz trecho do documento.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

DEM foca projeto pra eleger vereador

beto 2 a 1 400 curtinha   O secretário de Governo do Estado, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), fez uma leitura racional sobre o que representa o DEM na Capital. Novo presidente do diretório municipal, ele está ser articulando para formar uma chapa forte de candidatos a vereador, inclusive tenta atrair lideranças de...

Morre o diretor do SAAE de Chapada

arison albernaz 400 curtinha chapada   Morreu nesta segunda, em acidente automobilístico, o diretor-geral do Sistema de Água e Esgosto de Chapada dos Guimarães (SAAE), Aryson Augusto Adriano Albernaz (foto), de 27 anos. Ele dirigia o veículo Golf, de cor prata, pela recém-asfaltada MT-020, que liga o...

Fabio diz vencer "homem do paletó"

fabio garcia 400 curtinha   Na reunião do DEM na 5ª, no gabinete do presidente da AL, Eduardo Botelho, com presença de oito integrantes da cúpula (Jayme, Júlio, Botelho, Fabinho, João Celestino, Beto, Cesar Miranda e Domingos Sávio), Fábio Garcia (foto), que provocou a maior crise ao mudar...

Morre presidente do Grupo Barralcool

petroni barralcool curtinha 400   Morreu neste sábado, em Cuiabá, aos 88 anos, o diretor-presidente do Grupo Barralcool, João Nicolau Petroni (foto). Ele foi um dos pioneiros no setor sucroenergético do Estado e o primeiro presidente do Sindicado das Indústrias Sucroalcooleiras de MT (Sindalcool). Era...

Abracrim cita arbitrariedade na SESP

michelle marrie abracrim curtinha 400   Michelle Marrie (foto), presidente da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas do Estado, contesta a nota em Curtinhas entitulada "Secretário, Abracrim e saia-justa", sobre o fato de uma advogada ter se infiltrado na coletiva à imprensa concedida pelo...

Governo monitora crise na segurança

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro monitora de perto a crise instaurada no setor de segurança devido à operação desencadeada na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, para acabar com regalias de presos "da pesada", que comandam o crime organizado de dentro das celas. Houve...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.