ECONOMIA E AGRO

Quinta-Feira, 11 de Julho de 2019, 10h:04 | Atualizado: 11/07/2019, 14h:48

Negociação

Comércio requer 11 alterações no projeto que reinstitui os incentivos fiscais em MT

Quinze deputados receberam ontem (10), na sede da Fecomércio, a contraproposta ao projeto de lei complementar que reinstitui os incentivos fiscais no Estado. A sugestão do setor de comércio visa diminuir os impactos do novo regime de tributação, cohecido como conta gráfica, caso passe a vigorar do jeito que foi apresentado inicialmente pelo Governo.

Assessoria

fecomercio

Empresários e 15 deputados debateram proposta do governo, que muda a tributação, durante reunião na Fecomércio

A comissão de representantes do setor do comércio reuniu os deputados e pediu o apoio dos parlamentares, especialmente do Grupo de Trabalho do Comércio da ALMT, sob a coordenação do deputado estadual Thiago Silva (MDB). Os deputados deverão apresentar substitutivo integral contemplando as sugestões  da indústria, agropecuária e energia.

Na contraproposta do comércio, a comissão pede o escalonamento do crédito outorgado para os diversos segmentos que compõem o comércio, possibilitando a manutenção da carga tributária atual. São 10 propostas do setor para a melhoria do PLC, o que permitirá a isonomia tributária e a possibilidade de crescimento das empresas.

O encaminhamento da contraproposta foi encaminhada à Secretaria de Fazenda (Sefaz). Para o presidente da Fecomércio, José Wenceslau de Souza Júnior, a contribuição do setor visa trazer um projeto de desenvolvimento econômico sustentável. “Se vier o aumento de impostos que o Governo está propondo, o comércio vai vender menos, vai haver demissões e quem vai pagar por esse aumento é o cidadão mato-grossense, o consumidor final, que já está muito fragilizado com o seu poder de compra reduzido”.

 A comissão é composta por 13 entidades, são elas: Fecomércio-MT, FCDL-MT, Facmat, Acomac-MT, Adimat, CDL Cuiabá, Sincofarma, Sincalco, SHRBS-MT, Sindcamaf, Sindióptica-MT e Sincad-MT.

Entre as propostas está a devolução de crédito de estoque definido no PLC, com prazo de devolução de oito meses; garantia de segurança jurídica; não atrelar à inadimplência o crédito já garantido; recolhimento do imposto no dia 20 do 2º mês subsequente à comercialização; garantia de remissão plena em relação ao que está sendo questionado na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) que tramita no Tribunal de Justiça e que coloca em dúvida o atual sistema de recolhimento de ICMS pelo critério da presunção.

O setor também pede aumento do teto de incentivos, que hoje está em 25% da receita; definição em relação à substituição tributária, com pedido de manutenção da carga praticada atualmente; revisão das multas acessórias consideradas excessivas; retorno do Refis durante o regime de transiçã; aumento do sublimite do Simples de R$ 3,6 milhões para R$ 4,8 milhões; e crédito autorgado por segmento de empresas para que a carga tributária atual seja mantida no novo regime. 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • aaa | Quinta-Feira, 11 de Julho de 2019, 10h17
    0
    1

    bom

Prefeito coloca secretarias em alerta

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro (foto) colocou em estado de alerta a Defesa Civil e as secretarias municipais de Obras e Serviços Urbanos por causa da chuva torrencial que caiu neste sábado em Cuiabá. Em vários locais, inclusive na região central, como em frente à praça...

Jovem prefeito à reeleição e os Maia

gustavo melo 400 curtinha   Em Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), o mais jovem dos 141 prefeitos mato-grossenses - completa 36 anos no próximo 26 de junho -, está disposto a buscar a reeleição pelo PSB. Mas carrega forte desgaste. O que traz certo conforto para Gustavo é o fato de Maia Neto, que comandou o...

Suposta delação tira sono de Alencar

alencar soares 400 curtinha   A notícia de que o STJ já teria homolagada delação de Sérgio Ricardo caiu como uma bomba. Mesmo depois do ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE vir a público desmenti-la, assegurando não ter motivos para fazer tal colaboração premiada, os efeitos...

SD também deseja Taques ao Senado

pedro taques 400 curtinha   Empolgado com resultado de uma pesquisa interna, na qual estaria bem pontuado, aparecendo entre os preferidos ao Senado, mesmo após deixar o cargo de governador bastante desgastado, Pedro Taques (foto) passou a flertar não só com o Cidadania, conduzido no Estado pelo seu ex-secretário Marco...

Presidente do TJ-MT assume Codepre

carlos alberto tj 400 curtinha   O presidente do TJ-MT Carlos Alberto (foto) foi eleito presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais de Justiça (Codepre) do país. O cargo alça o membro de MT à liderança de discussões nacionais importantes. Dentre as atribuições do colégio...

Brecha pra futuro cassado ir à Justiça

kero kero curtinha 400   Wilson Kero-Kero (foto), ex-SD (socialista) que foi para ex-PSL (direita), anunciou ida para Podemos, mas permanecerá no partido direitista, é o relator do processo de cassação do colega Abílio Júnior, na CCJ da Câmara de Cuiabá. Na Comissão de Ética o...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.