ECONOMIA E AGRO

Sexta-Feira, 08 de Junho de 2018, 16h:02 | Atualizado: 08/06/2018, 18h:36

DEU CHAPA 1

Oposição a Hermes vence na Fecomércio

Assessoria de Imprensa

Fecomércio - Chapa 1 eleita

 Chapa 1 - Renovação, que vai administrar a Fecomércio de 2018 a 2022, nasce da união de comerciantes de todas as regiões de MT e propõe mudanças

A Chapa 01 - Renovação, liderada por José Wenceslau Júnior, foi eleita nesta sexta  (8) para administrar pelo próximo quadriênio (2018-2022) a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio). Nasceu da união de comerciantes de todas as regiões de Mato Grosso em torno de um projeto de mudança não só de pessoas, mas também do modelo de gestão. É oposição ao grupo do atual presidente Hermes Martins, que é ligado ao grupo do ex-secretário Pedro Nadaf, envolvido na Operação Sodoma. A posse do novo presidente será realizada em 2 de julho.

Assessoria de Imprensa

Fecomércio - Chapa 1 eleita

  José Wenceslau Júnior é o presidente eleito para assumir Federação

Chapa eleita diz que a insatisfação com ex-presidência surgiu da omissão de relatórios financeiros da entidade, supostos casos de corrupção e até impedimento de novas eleições. “Estamos unidos em prol da renovação e do resgate do Sistema Fecomércio-MT, SESC e SENAC, para cumprir seu papel de defesa do desenvolvimento econômico e social e também da categoria econômica”, diz José Wenceslau Júnior.

O pleito ocorreu no período da tarde na sede da entidade onde concorreram a Chapa 01 - Renovação e a Chapa 02 - Fortalecimento Sindical, comandada pelo candidato à reeleição Hermes da Cunha. Ressalta-se que a Chapa 02 foi considerada inapta para concorrer às eleições pela diretoria da Federação, mas mesmo assim lhe foi oportunizado concorrer por decisão da presidência da Mesa coletora de votos.

José Wenceslau Júnior é presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Materiais de Construção, Elétrica, Hidráulica, Louças, Tintas, Ferragens e Vidraçaria de Mato Grosso (Sindcomac-MT) e proprietário da Verdão Materiais para Construção, empresa com mais de 23 anos de atuação no segmento.

Propostas

O presidente eleito da Fecomércio-MT, diz que entre suas metas está desburocratizar a política econômica do estado e prestar apoio aos comerciantes do varejo. Na pauta também está tornar os sindicatos autossuficientes e mais participativos nas decisões na mesa diretora por meio de Câmaras Setoriais, além de reformular o estatuto para não existir reeleições.(Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Tato Giraldelli | Sábado, 09 de Junho de 2018, 10h47
    1
    0

    Parabéns Junior a atual gestão boa sorte, Estamos junto Sucesso .Não esquecendo que a gestão passada que perdeu da Fecomercio fizeram muitas coisa principalmente estrutural . Porem poderia ter feito muito mais

  • Alex Rufino | Sábado, 09 de Junho de 2018, 10h14
    1
    0

    Parabéns Presidente Eleito Júnior do Verdão e toda sua nova equipe que vai assumir a Fecomércio!! Sucesso na sua gestão!!

  • vera | Sábado, 09 de Junho de 2018, 07h47
    1
    0

    Parabéns, sucesso a todos. É isso que a sociedade quer, renovação, novo modelo de gestão, cumprir a missão em beneficio da sociedade, que é promover o desenvolvimento profissional na sua forma mais ampla.

Servidores sem pagar os empréstimos

adevair cabral curtinha 400   A Câmara de Cuiabá rejeitou o veto total do prefeito Emanuel e promulgou a Lei 6.547, que suspende por 90 dias o pagamento de parcelas de contrato de crédito consignados tanto dos servidores públicos ativos e inativos da prefeitura quanto da própria Câmara Municipal. A...

Eleição ao Senado junto com municipal

carlos favaro 400 curtinha   A eleição suplementar para uma vaga ao Senado deve ocorrer em MT junto com o pleito municipal, em 15 de novembro. A definição oficial partirá do TSE até o final deste mês. Em princípio, a suplementar estava marcada para abril, mas, por causa da pandemia, foi...

Wellington tem 47 lotados no Senado

wellington 400 curtinha   Com dois meses e meio na cadeira de senador, Carlos Fávaro tem hoje 18 assessores lotados no gabinete, muito aquém do quadro dos colegas Jayme Campos e Wellington Fagundes. O chefe de gabinete de Fávaro é o advogado Irajá Rezende de Lacerda, filho do primeiro-suplente Zé Lacerda....

Cáceres, lockdown e frases de alerta

francis maris 400 curtinha   Em Cáceres, o prefeito Francis Maris (foto) decretou lockdown desde a última segunda, dia 29, como forma de forçar os moradores a permanecer em casa para conter o avanço da Covid-19. Mas as medidas restritivas não estão surtindo tanto efeito na prática. Muitos continuam...

4 prefeitos de MT com coronavírus

luiz binotti 400 curtinha   Pelo menos quatro prefeitos em Mato Grosso já foram diagnosticados com Covid-19. O caso mais recente envolve Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Ele aguarda resultado de exames, mas já se encontra em isolamento domiciliar. Com sintomas do novo coronavírus, Binotti decidiu ficar em casa. De um...

Forçando cuiabanos a ficar em casa

emanuel pinheiro 400 curtinha   Acuado por causa do avanço dos casos de Covid-19, o que tem provocado colapso na rede pública de saúde, principalmente em Cuiabá, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) decidiu adotar medidas mais restritivas para conter circulação e aglomerações de pessoas,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.