ECONOMIA E AGRONEGÓCIO

Sexta-Feira, 12 de Abril de 2019, 09h:51 | Atualizado: 12/04/2019, 15h:53

Cofre público

Primeira parcela do IPTU em Cuiabá vence hoje; gestão espera arrecadar R$ 168 mi

Rodinei Crescêncio

Ant�nio Roberto Possas de Carvalho

Antônio Possas de Carvalho destaca que gestão quer arrecadar R$ 168 milhões,  R$ 18 milhões a mais que em 2018

Vence hoje a primeira parcela do IPTU 2019 para quem mora em Cuiabá. Quem fez a opção de parcelar em até 8 vezes, precisa quitar ainda nesta sexta (12) para não pagar juros e multas pelo atraso. Os contribuintes que optaram pela cota única também têm até hoje para conseguir o desconto de 10%, caso não tenha pendências tributárias de anos anteriores.

O secretário de Fazenda de Cuiabá, Antônio Roberto Possas de Carvalho, concedeu entrevista ao Rdtv e ao e explicou que, neste ano, houve alteração na forma de emissão do boleto, com direcionamento para pagamento no Banco do Brasil, Lotéricas e Correio - assista entrevista

“O carnê é direcionado o que pode dar problema para quem paga IPTU em valores altos, como acima de R$ 10 mil. Quem tiver dificuldade para realizar o pagamento pode acessar o boleto pelo site da Prefeitura de Cuiabá ou retirar nas lojas de atendimento, como no Centro Integrado de atendimento ao contribuinte (Ciac), na Barão de Melgaço”.

Neste ano, a prefeitura estima arrecadar R$ 168 milhões, cerca de R$ 18 milhões a mais que em 2018. O valor será arrecadado sobre 225 mil imóveis prediais e cerca de 100 mil territoriais, que são aqueles que não possuem construção.

Em 2018, a inadimplência sobre os imóveis prediais girou em torno de 25%, índice que é considerado dentro de uma margem ideal em nível de Brasil. Em relação aos imóveis territoriais, o índice se situou em torno de 50%, que corresponde a cerca de R$ 70 milhões que deixaram de entrar no caixa da prefeitura. Segundo o secretário Antônio Possas, o alto índice de inadimplência nos imóveis territoriais é motivado pela alta especulação imobiliária que existe em Cuiabá.

Neste ano, o valor do IPTU está 4,56% mais caro, em razão da correção inflacionária medida pelo IPCA. Antônio garante que, além disso, não houve aumento dos valores. Já o valor final do imposto também leva em consideração o tipo de imóvel, a estrutura, acabamento e metragem. O contribuinte que não concordar com o valor do IPTU pode requerer revisão só até amanhã (13).

____________________________

Serviço

* Centro Integrado de atendimento ao contribuinte (CIAC) - Rua Barão de Melgaço nº 3814, bairro Centro. Telefone: 3317-5613

* Loja de atendimento ao Cidadão (LAC)- Rua Alenker s/nº, localizada no Espaço Ganha Tempo do CPA I. Telefone: 3619-3355

* Loja de Atendimento ao Cidadão Regional Sul (LAC SUL)- Rodovia Palmiro Paes de Barros S/N (acesso para Santo Antônio do Leverger. Telefone: (65) 3313 3154. E Mail: lacsul.smf@cuiaba.mt.gov.br

* Plantão Fiscal IPTU- CIAC- Rua Barão de Melgaço nº 3814, bairro Centro; E Mail:  iptu@cuiaba.mt.gov.br- Telefone: (65) 3317-5616

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

AGEM entra no facão e é 2ª extinta

A Agência de Desenvolvimento Metropolitano da Região do Vale do Rio Cuiabá (AGEM), que teve como última presidente Tânia Mattos, foi extinta pelo Governo Mauro Mendes. A princípio, o MT-Par assumiria as atividades sistêmicas, os cargos, o patrimônio e as funções, mas isso se tornou inviável por questões jurídicas. Mauro então decidiu que todo o escopo da extinta agência permanecerá sob a...

Foto de Bolsonaro na urna e o arquivo

milene curtinha juiza 190   A juíza da 10ª Zona Eleitoral de Rondonópolis, Milene Aparecida Pereira Beltramini (foto), julgou um caso inusitado na última quarta, dia 15. Foi instaurado inquérito para apurar eventual crime de violação do sigilo do voto de Gerlei Batista de Jesus, que, durante o...

Solenidade da posse foi superfaturada

justino malheiros curtinha   O conselheiro do TCE-MT Luiz Henrique Lima determinou que o presidente da Câmara de Cuiabá, Misael Galvão, suspenda pagamento de R$ 19,9 mil à empresa Capriata de Souza Lima, contratada no ano passado pelo então presidente Justino Malheiros (foto) para organizar a...

Governo vai enterrar de vez o VLT

O VLT vai mesmo morrer sem nunca ter nascido. O Palácio Paiaguás decidiu que não retoma as obras, pois teria que investir mais R$ 1 bilhão, mesmo valor já consumido no projeto, e a manutenção anual chegaria a R$ 50 milhões. Além da problemática financeira de um governo que reclama falta de recursos para investimentos, ainda existe confusão jurídica, um nó muito dificil de desatar. Há três...

Apelo à consciência para evitar greve

mauro mendes curtinha   O governador Mauro Mendes tem grande enfrentamento pela frente, que é o provável indicativo de greve puxado pelo Sintep, categoria que congrega os profissionais da Educação. A categoria apresenta uma extensa lista de reivindicações e a primeira delas é por reajuste salarial e...

Vereador já "colhe" rede de inimizades

abilio 190   Devido à maneira inconsequente como conduz o mandato, gravando conversas e reuniões, invadindo salas, além de manipular dados, dissimular e provocar discussões e brigas, Abílio Júnior (foto) conseguiu, em pouco tempo, ampliar a rede de inimizades em todos os núcleos por onde passa...

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.