ECONOMIA E AGRO

Segunda-Feira, 07 de Outubro de 2019, 14h:25 | Atualizado: 07/10/2019, 14h:37

prejudiciais à saúde

Petista quer proibir agrotóxicos a base de glifosato, 2,4-D e neonicotinóides em MT

Fablicio Rodrigues

L�dio Cabral

O deputado petista Lúdio Cabral, durante discurso na tribuna da AL, em sessão plenária da semana passada

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) apresentou projetos de lei para proibir agrotóxicos a base de glifosato, neonicotinóides e 2,4-D em Mato Grosso. Os projetos proíbem a produção, o armazenamento, a comercialização e o uso de agrotóxicos a base dessas substâncias, que são prejudiciais à saúde.

“Diversos estudos identificaram associação entre problemas de saúde e áreas onde há maior consumo de agrotóxicos. O grande problema é que hoje há um uso indiscriminado de agrotóxicos e esses produtos trazem efeitos nocivos para o meio ambiente e para a saúde humana. A população de peixes vem reduzindo e uma das causas é a contaminação dos rios por agrotóxicos”, disse Lúdio.

O glifosato, ou N-(fosfonometil)-glicina, é apontado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como um possível carcinogênico, ou seja, substância causadora de câncer. O glifosato é largamente utilizado na agricultura em Mato Grosso para eliminar ervas daninhas. Alguns produtos a base de glifosato são popularmente chamados de “mata-mato”.

“O glifosato é vendido como parte do pacote da soja transgênica. Como a soja transgênica é resistente ao glifosato, então ele derruba todo o mato, mas não derruba a soja”, explicou Lúdio. “Há 30 anos, a indústria do veneno dizia que o DDT não produzia mal nenhum, e o DDT está proibido no mundo todo. A avaliação de estudiosos é que o glifosato segue o mesmo caminho do DDT, porque é muito consumido”, completou o deputado.

Os agrotóxicos a base de 2,4-D, ou ácido diclorofenoxiacético, são classificados como extremamente tóxicos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), bastando uma pitada para matar uma pessoa adulta. “O 2,4-D é um herbicida utilizado em pastos. É ingrediente do agente laranja usado na Guerra do Vietnã, com efeito nocivo à saúde das populações”, disse Lúdio.

Na justificativa do projeto, o deputado citou que a substância foi originalmente sintetizada para arsenal de armas químicas no período da Segunda Guerra Mundial. “Contudo, ficou morbidamente celebrizada por integrar, junto com a tetraclorodibenzodioxina (2,4,5-T), o composto conhecido como ‘agente laranja’, despejado pelas tropas americanas para destruir as matas no Vietnã e, junto, matando militares e civis naquele país”, observou.

Os neonicotinóides são inseticidas derivados da nicotina e estão associados à redução da população de abelhas. Na justificativa do projeto, Lúdio cita estudos que associam os neonicotinóides a danos ao sistema nervoso das abelhas e outros insetos essenciais à promoção da biodiversidade. O uso de agrotóxicos a base de neonicotinóides em áreas abertas são proibidas na União Europeia desde abril de 2018.

“As abelhas são responsáveis pela polinização e o impacto nestes seres causam desde desorientação até morte, afetando a agricultura e a produção de mel”, disse Lúdio na justificativa. “O colapso das colônias não significa, portanto, apenas uma produção menor de mel no mundo, mas também um obstáculo para a reprodução de gêneros alimentícios importantes, como tomate, café, maçã e laranja. Isto porque 71% das culturas agrícolas que respondem por 90% da alimentação mundial dependem da polinização das abelhas, segundo dados das Nações Unidas”, citou.

Com o mesmo objetivo de reduzir o impacto negativo dos agrotóxicos em Mato Grosso, Lúdio propôs também um projeto de lei para proibir a pulverização aérea, que é a forma mais prejudicial de aplicação dos agrotóxicos, pois espalha pelo ar, solo e água cerca de dois terços do veneno aplicado. Outro projeto de Lúdio tem com objetivo proibir a renúncia fiscal de agrotóxicos, pois Mato Grosso deixa de arrecadar todos os anos cerca de R$ 800 milhões com a renúncia de impostos para essas substâncias.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Roberto Vagner Pinheiro | Terça-Feira, 08 de Outubro de 2019, 08h23
    0
    0

    Concordo em restringir esses e outros agrotóxicos nocivo a saúde do brasileiro, dentre eles o PT deveria fazer parte da lista.........

Matéria(s) relacionada(s):

R$ 71 mi já estão reservados para 13º

rogerio gallo 400 curtinha   Após os primeiros meses de "choradeira", pintando cenário do caos financeiro e administrativo, o governo estadual consegue, pela primeira vez neste 2019, fechar o mês com recurso provisionado para pagar o 13º dos cerca de 100 mil servidores. O secretário de Fazenda, Rogerio Gallo (foto),...

Jackson, enfim, nomeado ao TRE-MT

jackson 400 curtinha tre   O presidente Bolsonaro, enfim, escolheu, de uma lista tríplice, quem passa a compor o Pleno do TRE-MT no cargo de juiz titular, na categoria jurista, para dois mandatos de mandato. Trata-se de Jackson Francisco Coutinho (foto), que desde o ano passado já atua como juiz-membro substituto no Tribunal. Nos...

Com mais de 60 prefeitos e esposas

mauro mendes virginia 400   Acompanhado do governador e esposo Mauro, a primeira-dama Virginia Mendes recebeu para um jantar no Palácio Paiaguás, na segunda, mais de 60 primeiras-damas, além de prefeitos e outras autoridades. O governador, que promoveu o encontro, aproveitou para expor números, ações e...

UPA do Verdão vai ser entregue - veja

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro programa inaugurar na primeira quinzena de dezembro a UPA do Verdão (próximo à Arena Pantanal), uma nova e moderna estrutura que terá capacidade de atendimento de cerca de 12 mil pessoas por mês - veja aqui o vídeo que mostra a obra em fase...

Capital transmite final da Copa Verde

O Cuiabá Esporte Clube enfrenta o Paysandu hoje, às 20h, pela final da Copa Verde, no estádio Mangueirão. O Dourado precisa vencer por dois gols de diferença para ficar com o título. Caso a vitória seja por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis. A Capital FM 101.9, que acompanha o futebol regional desde início do ano, será a única rádio de Cuiabá que fará a...

Um dos cuiabanos na final Fla x River

leonardo campos curtinha 400   O presidente da OAB-MT, Leonardo Campos, o Leo Capataz, é um dos flamenguistas de Cuiabá que já estão em Lima ou que ainda vão embarcar rumo à capital do Peru para assistir a final da Copa Libertadores entre Flamengo e o argentino River Plate. O confronto será...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.