ECONOMIA E AGRO

Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 10h:18 | Atualizado: 15/08/2019, 19h:24

Relação com mercado internacional voltou à estaca zero com Bolsonaro, critica Maggi

O ex-senador e ex-ministro da Agricultura, Blairo Maggi, avalia que o discurso “agressivo” do presidente Jair Bolsonaro (PSL) em relação à área ambiental tem combustível suficiente para cancelar o acordo de livre-comércio entre Mercosul e União Europeria. Em entrevista ao site Valor Econômico, publicada nesta quinta (15), Blairo pontuou que se a retórica de Bolsonaro e seus ministros não for contida no mercado internacional, o agronegócio brasileiro pode voltar à “estaca zero”.

Questionado pelo repórter Cristiano Zaia, sobre como vê a reação negativa no cenário internacional em relação ao discurso do governo Bolsonaro na área ambiental, Blairo disse que é uma verdadeira “confusão”. Lei a reportagem completa aqui.

Antonio Araújo

Blairo Maggi

Ex-ministro da Agricultura Blairo Maggi diz que Brasil é só um player que poderá ser substituído, caso os rumos da gestão Bolsonaro não sejam cumpridos

“O governo não fez nenhuma mudança aqui internamente, não facilitou a vida de ninguém, no entanto, estamos pagando um preço muito alto. Acho que teremos problemas sérios. Não tem essa que o mundo precisa do Brasil. Talvez precisem dos agricultores brasileiros em outros países, mas somos apenas um player e, pior, subistituível. O mundo depende de nós agora, mas daqui a pouco se inverte e ficamos chupando dedo”, disse ao Valor.

O mundo depende de nós agora, mas daqui a pouco se inverte e ficamos chupando dedo

Blairo Maggi

Bleiro disse ainda que “as coisas estão apertando cada vez mais” no cenário do mercado comprador dos produtos brasileiros. E isso se dá porque o Brasil vinha fazendo grande esforço para alcançar os parâmetros de preservação ambiental com produção, o que garantiu a confiança do mercado. Mas o ex-governador pondera que o discurso de Bolsonaro e seu staff já fez o país voltar à estaca zero.

“O Brasil tinha subido no muro e passado a perna para descer do outro lado, agora, fomos empurrados de volta e para longe do muro. Não veja como crítica feroz, mas sim como um alerta”, declara o ex-ministro.

Enquanto ministro, Blairo teve o trabalho reconhecido internacionalmente por demonstrar que o país possui uma produção com respeito ao meio ambiente. O agronegócio, por sua vez, apoiou em peso a eleição de Jair Bolsonaro, convencido de que o discurso de neoliberalismo econômico seria uma realidade. Maggi, inclusive, foi uma das lideranças do agronegócio que declarou publicamente voto ao presidente.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • ELIAS | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 17h09
    9
    2

    devastou varias areas, ganhou ate motosserra de ouro, Querencia devastou uns 500.000 hectares de cerrado, que direito tem de falar de proteçao do meio ambiente. e pra acabar mesmo.

  • Só na zoação | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 13h30
    17
    2

    Bem feito, quem foi que te mandou enfiar a mão no buraco de tatu...agora faz arminha com a mão não mordida pela surucucu do buraco de tatu, que tudo se resolve. KKkkkkkkkkkkKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKkk

  • alexandre | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 12h18
    5
    18

    Tem que adequar preservação ambiental e desenvolvimento sustentável....não ser subordinado , a quem não cuidou das suas florestas..A Alemanha é muito mimim politicamente correto...nós não intrometemos na soberania alemã....

  • elizeu | Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 11h16
    6
    15

    Não podemos admitir outros Países usarem o Brasil como massa de Manobra, temos nosso valor. O ex Ministro e Ex Governador esta apenas preocupado com seu bolso.

Matéria(s) relacionada(s):

Fritado no PDT e buscando o Aliança

antonio galvan 400 curtinha   Fritado no PDT, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), pretende agora procurar espaço em um partido considerado de direita. E está se movimentando para assumir em MT o comando do Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado pelo presidente Bolsonaro. O sojicultor se mostra,...

Lúdio e incógnita sobre quem apoiar

ludio cabral 400 curtinha   Em 2010, com PT rachado, o hoje deputado estadual Lúdio Cabral (foto) não apoiou Carlos Abicalil, do seu partido, para o Senado. Preferiu virar cabo eleitoral de Pedro Taques, que se elegeu. Agora, para este pleito suplementar ao Senado marcado para 26 de abril, para preencher a vacância devido...

Cotado à cadeira de desembargador

francisco faiad 400 curtinha   É forte o movimento nos bastidores entre os juristas, dentro e fora da OAB/MT, pela indicação do nome de Francisco Faiad (foto) pela classe Quinto Constitucional à cadeira de desembargador. Bem articulado e com bom conceito no meio jurídico, Faiad foi presidente da OAB/MT por dois...

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.