ECONOMIA E AGRO

Sexta-Feira, 19 de Julho de 2019, 17h:47 | Atualizado: 19/07/2019, 17h:53

ESCOAMENTO

Senador apresenta emenda à LDO e prevê novos recursos para hidrovia em Cáceres

Reprodução

Hidrovia

Wellington defende que o rio é importante eixo de escoamento da produção do Estado

O senador Wellington Fagundes (PR) apresentou uma emenda ao projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) prevendo recursos para a Hidrovia Paraguai-Paraná. O parlamentar defende que o rio é um importante eixo de escoamento da produção do Centro Oeste e com custo menor de frete, além de considerar o modal ambientalmente ideal.

Wellington é presidente da Frente Parlamentar de Logística e Infraestrutura (Frenlogi) e afirma que os recursos para a via “representam um aumento da competitividade, na medida em que reduz o custo para quem quer produzir e auxiliar o Brasil a sair da crise”. A LDO deve ser votada no começo de agosto e, uma vez aprovada a emenda, os valores serão definidos na Lei Orçamentária Anual. 

“Depender apenas de nossas rodovias para levar toda a produção mato-grossense aos portos do país, para exportar, é muito caro. Por isso, queremos que alternativas, como a Hidrovia Paraguai-Paraná, sejam contempladas com verbas garantidas no orçamento do ano que vem. Essa é uma emenda minha, mas uma preocupação de todos aqueles que querem ver obras concluídas e nosso Brasil muito mais forte”.

A Hidrovia Paraguai Paraná envolve os cinco países da Bacia do Rio da Prata: Bolívia, Brasil, Paraguai, Uruguai e Argentina. O projeto originalmente prevê a execução de centenas de obras de intervenção pontuais de dragagem, derrocamento, retificação de curvas em diversos pontos dos leitos dos rios Paraná e Paraguai. A hidrovia começa no município de Cáceres, no Oeste de Mato Grosso, e atravessa 4122 quilômetros até o Uruguai.

A hidrovia passa ainda pelas cidades de Corumbá/MS e Assunción/Paraguai e, de toda a extensão da hidrovia, 1270 km estão em território brasileiro ou em suas fronteiras, sendo 890 km no interior de Mato Grosso do Sul, 48 km na fronteira com a Bolívia e 332 km na fronteira com o Paraguai. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Jovem prefeito à reeleição e os Maia

gustavo melo 400 curtinha   Em Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), o mais jovem dos 141 prefeitos mato-grossenses - completa 36 anos no próximo 26 de junho -, está disposto a buscar a reeleição pelo PSB. Mas carrega forte desgaste. O que traz certo conforto para Gustavo é o fato de Maia Neto, que comandou o...

Suposta delação tira sono de Alencar

alencar soares 400 curtinha   A notícia de que o STJ já teria homolagada delação de Sérgio Ricardo caiu como uma bomba. Mesmo depois do ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE vir a público desmenti-la, assegurando não ter motivos para fazer tal colaboração premiada, os efeitos...

SD também deseja Taques ao Senado

pedro taques 400 curtinha   Empolgado com resultado de uma pesquisa interna, na qual estaria bem pontuado, aparecendo entre os preferidos ao Senado, mesmo após deixar o cargo de governador bastante desgastado, Pedro Taques (foto) passou a flertar não só com o Cidadania, conduzido no Estado pelo seu ex-secretário Marco...

Presidente do TJ-MT assume Codepre

carlos alberto tj 400 curtinha   O presidente do TJ-MT Carlos Alberto (foto) foi eleito presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais de Justiça (Codepre) do país. O cargo alça o membro de MT à liderança de discussões nacionais importantes. Dentre as atribuições do colégio...

Brecha pra futuro cassado ir à Justiça

kero kero curtinha 400   Wilson Kero-Kero (foto), ex-SD (socialista) que foi para ex-PSL (direita), anunciou ida para Podemos, mas permanecerá no partido direitista, é o relator do processo de cassação do colega Abílio Júnior, na CCJ da Câmara de Cuiabá. Na Comissão de Ética o...

Filho de Taborelli assume vaga em VG

Willy taborelli _ curtinha400   O pai coronel Taborelli está fora de combate, mas o filho Willy (PSC), suplente de vereador, vai assumir cadeira na Câmara de VG a partir de 2 de março. Vai atuar na vaga do correligionário Miguel Baracat, que se licencia para fazer tratamento de saúde. O filho do polêmico...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.