ECONOMIA

Terça-Feira, 15 de Setembro de 2020, 15h:28 | Atualizado: 15/09/2020, 16h:01

FOGO AMEAÇA

Produtores pedem chuva para plantio e temem prejuízos com o fogo, diz Galvan

Luciano Muzzi

Plantio de soja

Para não comprometer a safra 2020/2021, os produtores precisam que as chuvas sejam regulares até o final de setembro e ainda temem avanço do fogo

Os produtores de grãos do Estado estão apreensivos com o avanço do fogo em regiões de plantio, principalmente no Nortão. Isso porque, a partir desta quinta (15) que encerra o período de vazio sanitário, está liberado o plantio da soja e muitos produtores já fizeram parte do preparo do solo com fertilizantes e temem perder o investimento caso o fogo alcance as áreas.

“Com a colheita do milho, o solo fica forrado com a palha que vai ajudar no plantio da soja e se o fogo chega ali com esse tempo seco, os prejuízos podem ser grandes. Por isso estamos cautelosos. Como o trabalho de preparo do solo não pode ficar para a última hora, muitos já colocaram os fertilizantes”, explica o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan.

Na última safra, Mato Grosso plantou mais de 10 milhões de hectares de soja e colheu uma safra recorde de 35,8 milhões de toneladas, segundo dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Em todo o país, foram plantados 36 milhões de hectares e a safra foi de 124,8 milhões de toneladas do grão.

Para não comprometer a safra 2020/2021, os produtores precisam que as chuvas sejam regulares até o final de setembro e início de outubro. Mesmo com a liberação para o plantio, os produtores devem aguardar devido à seca e segundo as previsões, as precipitações só devem acontecer na última semana de setembro. Mato Grosso está há mais de 100 dias sem uma gota de chuva. 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • RAIN | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 11h30
    0
    0

    DIZEM QUE A NATUREZA DEVOLVE O QUE TOMAMOS DELA!!!

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

Seduc e microônibus para municípios

alan porto 400 curtinha   A secretaria estadual de Educação, sob Alan Porto (foto), tem buscado parcerias com prefeituras para construir quadras poliesportivas, laboratórios de informática e escolas, além de ampliar salas de aula, adquirir ares condicionados e microônibus escolares, de modo a atender...

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

Emendas ajudam Unemat de ROO

thiago silva 400 curtinha   Em reunião com o reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, e com o pró-reitor Alexandre Porto, o deputado estadual Thiago Silva (foto) tratou da emenda de R$ 1 milhão para manter o curso de direito e abertura do de jornalismo em Rondonópolis neste ano. E, juntos, definiram o modelo de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.