ECONOMIA

Terça-Feira, 29 de Setembro de 2015, 19h:09 | Atualizado: 29/09/2015, 19h:11

ajustes

Rui Prado pede apoio à bancada de MT contra corte no Sistema S - veja

Gilberto Leite/Rdnews

rui prado_gilberto leite (1).JPG

Rui Prado alerta sobre impacto que o corte de 30% nos recursos do Sistema S podem causar em MT

Para tentar barrar a decisão do governo federal em cortar 30% dos recursos do Sistema S, o presidente do Sistema Famato/Senar, Rui Prado, passou a tarde desta terça (29) percorrendo os gabinetes dos deputados federais e senadores mato-grossenses, em busca de apoio. A intenção foi demonstrar a importância dos serviços oferecidos pelo Senar para formação do trabalhador e do produtor rural de Mato Grosso.

Para isso, Prado entregou um ofício e o relatório das atividades realizadas pela entidade. “Esta é uma instituição que ensina a prática do trabalho e, em última análise, garante o sustento ao trabalhador rural por meio da formação profissional rural”, explica.

De acordo com ele, a aceitação está sendo boa e os parlamentares se mostraram solidários. “Eles entenderam a necessidade de se manter os recursos”, afirma.

Ajuste

Como medida do pacote de ajustes de despesas pelo governo federal, tentando minimizar os impactos da crise econômica, foi anunciado há cerca de duas semanas, o corte de 30% nos recursos das entidades do Sistema S. No caso do Senar, este corte representa cerca de R$ 15 milhões a menos no orçamento.

Em termos de atendimento, o impacto pode ser ainda maior, atingindo em 50% o volume de pessoas que receberam algum tipo de serviço da entidade no ano passado, caindo de 50 mil para 25 mil. “A partir do momento que houver esses cortes, vai impactar fortemente a vida do trabalhador rural de Mato Grosso, que busca no Senar, de forma gratuita, a qualificação, a capacitação para se manter no mercado de trabalho”, alega Prado.

Senar

Atualmente a instituição está presente em 89 municípios e possui em seu portfólio 200 treinamentos, 15 programas e projetos especiais que atendem 15 cadeias produtivas, além de atendimentos na área social, tudo de forma inteiramente gratuita.

Há mais de 20 anos, o Senar investe na qualificação da mão de obra e no atendimento do homem do campo, com programas que levam não só educação, capacitação e qualificação, como também cidadania e mais qualidade de vida.

O Senar-MT faz parte de um conjunto de entidades que formam o Sistema Famato, assim como a Federação, o Imea e os 89 sindicatos rurais do Estado. Estas entidades dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • LUIZ | Quarta-Feira, 30 de Setembro de 2015, 08h20
    3
    0

    TÁ CERTO O PRESIDENTE, SE ELE NÃO DEFENDER SEUS INTERESSES QUEM VAI DEFENDER?? AINDA MAIS COM ESSE SALÁRIO E MORDOMIAS, NEM DEVE LEMBRAR DO TEMPO QUE TRABALHAVA EM CAMPO NOVO. MAS 30% NÃO VAI FAZER FALTA AO SENAR, AFINAL, OQUE SÃO 15 MILHÕES PARA QUEM TEM 70 NA CONTA???

  • edson santos | Terça-Feira, 29 de Setembro de 2015, 21h19
    3
    1

    Tinha que cortar 100% do SENAI, qual é a contra partida que o povo tem?Cursinhos de 14 horas que não qualifica ninguém!!!

  • Landolfo | Terça-Feira, 29 de Setembro de 2015, 20h37
    3
    1

    Se eu ganhasse R$ 50.000 por mês, mais carro e etc, eu também hipocritamente seria contra...Pra pensar.

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...

DEM, bate-cabeça e plano B frustrado

fabinho garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal e empresário Fábio Garcia (foto) acabou deixando o DEM órfão de candidatura a prefeito da Capital. Numa conversa com o governador Mauro, seu padrinho político, Fabinho o assegurou que iria sim disputar o Palácio Alencastro, mesmo pedindo trégua por...

Mauro sofre 2 derrotas para Emanuel

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto), principal estrela do DEM em MT, acabou amargando duas derrotas em Cuiabá para o prefeito Emanuel, neste ano, embora não tenha sido candidato nas urnas. Em princípio, buscou candidatura própria com o seu partido, mas todos os nomes possíveis, como de Gilberto, Gallo,...

Três derrotas do marqueteiro Antero

antero de barros curtinha 400   O ex-senador, jornalista e marqueteiro Antero de Barros (foto) não levou sorte nas campanhas eleitorais as quais coordenou nestas eleições. Em Lucas do Rio Verde, empurrou à reeleição o prefeito Luiz Binotti que, mesmo com o poder da máquina, perdeu para o...

Lideranças jogaram duro contra EP

carlos favaro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro teve uma reeleição sofrida em Cuiabá. Lutou contra os principais líderes políticos, que se juntaram em torno da candidatura de Abílio, uns publicamente, outros nos bastidores. O governador Mauro Mendes, por exemplo, jogou pesado para tentar derrotá-lo....

MAIS LIDAS