ECONOMIA

Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 16h:52 | Atualizado: 05/03/2021, 11h:16

SOJA

Safra de soja é comprometida por chuvas e perdas chegam até 3,5 mi de toneladas

Soja perdida

Alguns produtores que conseguiram colher soja nos últimos 15 dias, vêem parte da produção se perder devido à umidade acima dos 30% além de avarias

O alto volume de chuvas concentrado nos meses de fevereiro e março está causando prejuízos aos produtores de grãos de Mato Grosso. Nos últimos 15 dias algumas propriedades no médio norte do Estado não conseguiram colher a lavoura de soja e o plantio o milho também está atrasado. Foi colhido apenas 50% do que foi plantado em MT e, no mesmo período do ano passado, a colheita avançava em 80%.

Soja perdida

 

De acordo o diretor administrativo da Aprosoja, Nathan Belusso as perdas devem chegar a 20% do que faltaria colher o que representa 3,5 milhões de toneladas. Ano passado, o estado teve recorde na produção que alcançou 35 milhões de toneladas.

“O volume de chuvas é exorbitante agora, mas faltou ainda chuva em setembro, quando o plantio estava ocorrendo, o que já causou prejuízos”, explica.

O atraso no período de chuvas impactou negativamente o setor e muitos que colocaram as sementes no solo, precisaram replantar. Agora, os produtores precisam de uma trégua na chuva para terminar de colher.

Outro problema para quem conseguiu avançar na colheita nos últimos dias é a umidade que passa de 30%, bem acima do aceitável pelos armazéns que é de 20%. A produtividade também pode estar comprometida com a situação, segundo o diretor da Aprosoja.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Dr Luciano Siqueira | Sexta-Feira, 05 de Março de 2021, 07h48
    0
    1

    Bem feito. Barões do agronegócio fazem queimada ilegal pra aumentar produção e DEUS castiga com perda da safra. Adoro quando capitalista se dá mal.

  • Caio junior | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 19h39
    2
    1

    Produtor de soja e chines devem chorar. Esses baroes vendem tudo pra China....danem-se.

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...