Conjecturas

Ala quer definir Senado, Bezerra diz que é cedo e indica Faiad ao Governo

Três dias após o anúncio do governador Silval Barbosa (PMDB) de que ficará no cargo até dezembro e não concorre a senador, ala governista voltou a se reunir e concentrou os debates em torno de dois temas: Governo e disputa ao Senado. O encontro reuniu 9 partidos (PR, PMDB, PT, PSD, PCdoB, PP, Pros, PSC e PRB), começou às 19h30 e se estendeu até 23h, no hotel Odara. Na oportunidade, lideranças como o deputado federal Valtenir Pereira (Pros) e os estaduais Mauro Savi (PR) e José Domingos Fraga (PSD) defenderam que a ala já indicasse o nome do deputado federal Wellington Fagundes (PR) a senatória.

O presidente do PMDB Carlos Bezerra, entretanto, ponderou que ainda é muito cedo para fechar o assunto. Para ele, é mais fácil começar definindo quem é o nome ao Palácio Paiaguás.  Em meio ao debate, adiantou que, de todo modo, a legenda não abre mão de indicar um nome ao Senado ou Governo. Sendo assim, se fechassem em torno de Wellington, os peemedebistas colocariam o nome de Francisco Faiad (PMDB), ex-secretário de Administração, como opção à sucessão do governador Silval. Não houve consenso e o debate prossegue e será retomado em outros encontros.

A tendência é que o nome de Faiad seja incluído na pesquisa qualitativa encomendada pelo grupo, que deve ficar pronta até o próximo dia 30 e leva em consideração também: o vice-governador Chico Daltro (PSD), Lúdio Cabral (PT), Julier Sebastião da Silva, sem partido, e Maurição Tonhá (PR). 

Aliás, Daltro também aproveitou o encontro para reiterar a vontade de disputar o Palácio Paiaguás. Havia uma expectativa em torno do posicionamento de Daltro porque a decisão de Silval, em ficar no governo, tem vinculação direta com Daltro que se tornaria governador por 8 meses em caso de renúncia, tendo mais facilidade para se “cacifar” e disputar o Governo. Foi assim com Silval, em 2010, quando o então governador Blairo Maggi (PR) decidiu concorrer ao Senado e deixou o Estado nas mãos de Silval.

Apesar da situação, o social social-democrata entende que tem força política para viabilizar o seu nome. Ele aposta no trabalho desempenhado na secretaria de Cidades, especialmente no setor de habitação, para viabilizar o seu nome.

PT

Ainda no encontro, a base governista pressionou o PT para definir a situação dos dois pré-candidatos da sigla, o ex-vereador por Cuiabá Lúdio Cabral, que já percorre municípios do interior para viabilizar seu nome como governador, e o juiz federal Julier Sebastião da Silva que, por sua vez, tem até 5 de abril para deixar a magistratura e se filiar à legenda. Petistas reforçaram que voltam a se reunir no próximo dia 28 e que, em breve, haverá uma definição. 

Contas de prefeita são reprovadas

thelma 400 curtinha   As contas de 2018 da prefeita chapadense Thelma de Oliveira (foto), do segundo ano de mandato, foram reprovadas pelo TCE-MT. Agora, cabe à Câmara Municipal aprová-las ou rejeitá-las. Em seu parecer, o conselheiro interino João Batista apontou 15 irregularidades, sendo 11 delas sobre...

Prefeitos têm de trocar apadrinhados

kleber varzea grande 400 curtinha   Com a decisão do TJ-MT de considerar inconstitucional controlador-geral das prefeituras fora dos quadros efetivos de auditor municipal, muitos prefeitos terão de exonerar seus indicados políticos, vindo a escolher profissionais de carreira, assim como já se tornou prática na...

Controlador-geral agora só de carreira

angelo 400 curtinha   Uma decisão desta quinta do TJ, que julgou procedente, inclusive por unanimidade, uma ADIN proposta pela Associação dos Auditores e Controladores Internos do Estado (Audicom), presidida por Angelo Oliveira (foto), acaba, na prática, com os chamados controladores-gerais dos municípios...

Elogio à compra econômica do Estado

janaina riva 400 curtinha   Embora lançando críticas pontuais de vez em quando, a deputada Janaina Riva (foto) tem feito constantes defesa do Governo Mauro e elogiado ações da administração, especialmente na saúde pública. Sobre a decisão do governo de comprar 120 respiradores da China,...

MDB em clima de racha em Tangará

joao jose 400 curtinha   Em Tangará da Serra, o MDB enfrenta racha. O prefeito Fabio Junqueira, com apoio de filiados históricos, quer lançar à sucessão municipal o seu secretário de Infraestrutura e antigo gestor do Serviço de Água e Esgoto, Wesley Lopes Torres, sobrinho do ex-vereador Daniel...

Advogados disputam cadeira no TJ-MT

andre pozetti 400 curtinha   É extensa a lista de advogados que estão se movimentando, nos bastidores, para a cadeira vitalícia de desembargador do Tribunal de Justiça, sob indicação do Quinto Constitucional da OAB/MT. Caberá ao Colégio de Conselheiros da Ordem, composto por 33 advogados,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.