RUMO ÀS URNAS

Candidatos não têm propostas para odontologia, diz sindicalista

Gustavo Oliveira    O presidente do Sindicato dos Cirurgiões Dentistas (Sinodonto-MT) Gustavo Oliveira se mostra preocupado com a absoluta falta de propostas dos quatro candidatos ao Governo para a área da odontologia em Mato Grosso. Segundo ele, até agora os pretensos candidatos ao Paiaguás parecem ter ignorado o setor, que precisa ser reestruturado para atender a população. “Não vimos nada no plano de governo. Não sabemos o que eles têm a falar e oferecer para este setor”, pontua o sindicalista, durante visita ao RDNews.

   Ele lembra que o setor é fundamental, inclusive, para combater outras doenças já que pessoas com problemas bucais podem, por exemplo, desenvolver até mesmo problemas cardíacos. “Nós do sindicato estamos aguardando o pronunciamento dos candidatos, porque até agora não existe nada. Isso é sério porque a questão da boca está relacionada ao diabetes, entre outras doenças”, enfatizou o dentista.

   Ainda conforme Gustavo, um dos grandes problemas envolvendo o setor é a falta de clínicas e Centros Especializados em Odontologia (CEO), que são construídos por meio de parcerias com o governo federal, além da existência de muitos contratos irregulares pelo Estado. “Defendemos a realização de concursos. O Estado perde muitos recursos do programa federal Brasil Sorridente e nós podemos ajudar a conseguir essas verbas”, pontua. Ele lembra que para o fortalecimento do setor é necessário que haja um esforço em conjunto entre os municípios, o Estado e o governo federal.

   Cita como algo fundamental para a melhoria da saúde a regulamentação da Emenda 29, que prevê como devem ser os repasses federais para o setor, além da aplicação dos 12% do orçamento do governo, conforme prevê a legislação vigente. “Os municípios acabam tendo que destinar mais que 15%, chegam até 22%, e o Estado precisa entender e cumprir os 12% que a legislação prevê”, cobra o odontólogo.

   Outro ponto questionado por Gustavo é a falta de estrutura no setor de odontologia para a Copa de 2014. "Se um atleta se ferir e precisar de um atendimento mais especializado devido à fratura de um maxilar, por exemplo, será complicado", pontua. Hoje existem apenas 10 clínicas odontológicas na Capital, além de quatro CEOs. Todos os dias são realizados aproximadamente 1,5 mil procedimentos por 270 profissionais. “A prefeitura ameaça demitir 50 dentistas. Isso não pode acontecer antes da realização de um concurso”, defente. Ainda conforme ele, na vizinha Várzea Grande são apenas 30 profissionais trabalhando no setor público, numero considerado baixo para a demanda existente. “Estamos abertos para ajudar todos os candidatos que quiserem saber quais são os principais problemas do setor”, finaliza.

Podemos se alia à esquerda em Barra

sandro saggin 400 curtinha   O direitista Podemos, comandado no Estado pelo deputado Medeiros, fechou coligação com partidos de extrema esquerda em Barra do Garças, como PC do B, PT e Pros. Sandro Saggin (foto), até então pré-candidato a prefeito pelo Pode, recuou e compôs com o grupo liderado pelo...

Coordenador quer mostrar obras de EP

vanderlucio curtinha   Coordenador da campanha de Emanuel Pinheiro à reeleição, Vanderlúcio Rodrigues (foto) garante que o grupo vai focar na divulgação de propostas e não fará ataques pessoais aos 7 adversários. O ex-secretário de Obras Públicas avalia que o grupo...

Tucano ainda com sequelas da Covid

ricardo saad curtinha 400   O vereador cuiabano e presidente do PSDB na Capital, Ricardo Saad (foto), segue na luta para reverter as sequelas deixadas pela Covid-19. Mesmo Dois meses após ser infectado, diz que 53% do seu pulmão ainda está comprometido e que, por isso, sente muita falta de ar. Candidato à...

Tentando golpe político em Tangará

amauri 400 curtinha   O deputado estadual Paulo Araújo (PP) sofreu uma tentativa de golpe vinda de uma pessoa em quem ele confiava totalmente, o seu ex-assessor Amauri Paulo Cervo (foto). Até há poucos dias, Amauri estava lotado no gabinete do deputado, na AL, quando se licenciou com intenção de concorrer...

Regiões e representantes na disputa

nilson leitao curtinha   A maior parte das regiões está bem representada em relação aos cabeças de chapa que disputarão vaga no Senado. Pelo Nortão e Médio-Norte, encaram às urnas o ex-prefeito de Sinop Nilson Leitão (foto) e o senador tampão Carlos Fávaro (PSD). Na...

Candidatos e definição de suplentes

jos� medeiros curtinha 400   Alguns candidatos ao Senado estão batendo cabeça para compor suas suplências ou reedita-las, como é o caso de José Medeiros (foto), que, na primeira convenção (anulada), havia fechado chapa pura do Podemos com o vice-prefeito de Cuiabá Niuan...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.