ARTICULAÇÃO

Em indicativo, Henry pede que PP não caminhe com Mendes

   O deputado federal licenciado Pedro Henry afirmou que vai apresentar à direção estadual do PP um indicativo solicitando que o partido não abra espaço para articulações políticas com o empresário e pré-candidato ao governo Mauro Mendes (PSB). Automaticamente, se a solicitação for aceita, atingirá também os partidos que fecharam apoio ao socialista e que compõem o movimento chamado “Mato Grosso Muito Mais”. São eles: PDT, PPS, PV, PRTB, além do PSB.

   Henry está na bronca com o ex-procurador da República e pré-candidato a senador Pedro Taques a quem acusa de compor uma quadrilha de psicopatas que tentam derrubar políticos sem razões coerentes – leia mais aqui. A briga respingou em Mendes principalmente pelo fato do empresário ter saído em defesa de Taques. O pedetista e o socialista também visitam o interior de “braços dados” em caravana. Mendes parece tentar amenizar o debate. Enquanto Henry concedia entrevista ao RDNews, o pré-candidato ao Paiaguás tentava falar ao telefone com ele, que prometeu retornar a ligação.

   O parlamentar espera contar com o apoio do presidente regional do PP, deputado federal Chico Daltro, o que não deve ser difícil devido à ligação dos dois parlamentares. Como suplente, Daltro assumiu a cadeira com a licença de Henry. Ambos se apoiam na corrida eleitoral, já que disputarão a reeleição. O progressista também conta com o fato de ser o 5º vice-presidente da executiva nacional do PP. Considera que sua palavra terá força e que o julgamento que faz de Taques é o mesmo dos colegas de partido. “Vou apresentar o indicativo a todos da executiva. Tenho certeza que eles não serão contrários”, destacou.

   O PP não possui um candidato a governador e ainda não definiu quem vai apoiar nas majoritárias. Segundo Henry, o PP estava aberto a conversar com todos, mas a agora, como consequência da “briga” com Taques, os progressistas podem fechar as portas e janelas ao grupo do socialista. Henry admitiu simpatia pelo nome de Silval. “Eu realmente tenho uma simpatia pelo grupo que está no poder, isso é fato, mas não há nada fechado. Nós temos outras prioridades”, destacou o parlamentar. Para Henry, o PP não deve participar de uma chapa que em que não ganhe a vaga de candidato a vice governador. “Se o PP não participar de uma chapa em que indique o vice, não participará na majoritária”, revelou.

   Embora tenha reforçado que é uma impressão particular, Henry confirma as conversas de batidores, de que o PP supervaloriza o passe para alcançar um espaço maior junto ao governo, caso o grupo que escolha seja eleito.

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...