RUMO ÀS URNAS

Freire desmente Percival sobre aliança com PSB e elogia Wilson

  O presidente nacional do PPS, Roberto Freire, desmentiu o deputado estadual Percival Muniz, que comanda a sigla no Estado. Segundo ele, a executiva nacional não liberou a sigla para compor com o empresário Mauro Mendes (PSB), que disputará o Palácio Paiaguás em outubro. "Nada está deliberado sobre Mato Grosso e outros Estados como Bahia, Rio Grande do Norte e Tocantins, que se encontram na mesma situação quanto a alianças", pontuou Freire no miniblog Twitter aos ser questionado pelo RDNews sobre a composição partidária. Na última sexta (21), Percival participou de uma reunião com a direção nacional e assegurou que o nome de Mendes foi aceito. “Quero informar que não houve nenhuma liberação do PPS para qualquer aliança diversa da presidencial em qualquer Estado”, ressaltou Freire.

  Logo em seguida, frisa que o apoio ao ex-governador de São Paulo e pré-candidato ao Palácio do Planalto José Serra é unânime. Revela que aguarda a resposta de uma consulta feita junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a interação da campanha nacional com as estaduais na TV e que somente depois poderá haver veto ou não à aliança com o PSB. “Percival erra quanto a alianças contrárias à nacional, como Mato Grosso. Não houve liberação. O PPS ainda decidirá”.

  Além de ser enfático ao afirmar que o PPS ainda não foi liberado a compor com Mendes, Freire, durante um debate político no Twiter, criticou duramente o presidente Lula, defendeu Serra e elogiou o ex-prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB). “Dou testemunho. Wilson é um democrata progressista e não é nem nunca foi lulista”. Assim, permanece indefinida a situação do PPS no Estado.

   Percival, que é tido como um dos principais responsáveis pela saída de Mendes do PR e sua filiação no PSB “bate duro” para permanecer no projeto Mato Grosso Muito Mais. Enfrenta, entretanto, resistência dentro do próprio partido, já que uma ala defende aliança com o Wilson. Entre os que mais articulam em favor dos tucanos está o presidente municipal do PPS vereador Ivan Evangelista. Já um grupo isolado, que conta com o apoio do deputado Pedro Satélite, ensaia união com o governador Silval Barbosa (PMDB), mas eles têm consciência de que esta possibilidade é remota.
 

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.