Rumo às urnas

Julier ingressa no PMDB como oficial graduado, afirma Raupp em filiação

Albizia Lebbeck

julier_filiacao_1

Ao lado de Valdir Raupp e de Carlos Bezerra, Julier assina ato de filiação em Brasília. Também acompanham o evento Eliene Lima e Wallace Guimarães

O ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva acaba de assinar o ato de filiação ao PMDB, em Brasília. No evento, Valdir Raupp, presidente nacional da sigla, afirma em seu discurso que o partido costuma receber novos membros como soldados, mas que “Julier, pela sua história como juiz, militante e pessoa, já ingressa no PMDB como um oficial graduado”.

Julier é cotado para disputar o Governo. Além dele, concorrem internamente no grupo governista Lúdio Cabral (PT) e o vice-governador Chico Daltro (PSD). Há ainda a expectativa de que o senador Blairo Maggi (PR) decida disputar vaga para, se eleito, exercer o terceiro mandato não consecutivo.

Coube a Raupp conduzir todo o ato de filiação, que encerrou há poucos minutos na sede do partido, no Congresso, anexo do Senado. Julier ressaltou que, somente agora, inicia a sua trajetória política e preferiu não polemizar as declarações de Wellington Salgado, senador por Minas Gerais e membro da Executiva nacional do PMDB, que alfinetou o senador e pré-candidato ao Governo Pedro Taques (PDT), em seu discurso, ao dizer que a “criatura vai encantar o criador”. 

Acontece que ambos atuaram de forma conjunta na Operação Arca de Noé, que culminou na prisão do bicheiro João Arcanjo, fazendo com que Taques e Julier ficassem conhecidos em todo o país. O caso favoreceu a entrada de Taques na política devido ao fato dele ter um perfil de homem que combateu à corrupção e o crime organizado, durante o período em que foi procurador da República. Polêmicas a parte, Julier preferiu não entrar na briga. Afirmou apenas que o único criador que conhece é Deus.

O ato de filiação foi acompanhado pelas cúpulas nacional e estadual. Além de Raupp e Salgado, estiveram presentes o deputado federal Carlos Bezerra e o prefeito de Várzea Grande Wallace Guimarães. Já entre as lideranças de outros partidos, se fizeram presentes os deputados federais Wellington Fagundes (PR), Eliene Lima (PSD) e o senador Cidinho dos Santos (PR).

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

Luta por mais leitos de UTI em Sinop

rosana martinelli 400 curtinha   A prefeita de Sinop, cidade pólo do Nortão, Rosana Martinelli (PR), demonstra preocupação com os poucos leitos de UTI do Hospital Regional no município. A unidade atende moradores de mais de 30 municípios da região e só dispõe de 10. Rosana diz esperar...

Priminho Riva deve disputar em Juara

priminho riva 400 curtinha   Dezesseis anos depois de comandar Juara por dois mandatos (1997 a 2004), Priminho Riva (foto) está de volta. Filiado ao PR, ele deve concorrer a prefeito. Político bastante popular e carismático, tende a enfrentar um páreo duro com dois nomes considerados fortes, o do ex-vice e que se tornou...

Contas de prefeita são reprovadas

thelma 400 curtinha   As contas de 2018 da prefeita chapadense Thelma de Oliveira (foto), do segundo ano de mandato, foram reprovadas pelo TCE-MT. Agora, cabe à Câmara Municipal aprová-las ou rejeitá-las. Em seu parecer, o conselheiro interino João Batista apontou 15 irregularidades, sendo 11 delas sobre...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.