Rumo às urnas

Julier tem discurso de candidato e diz ter sido seduzido pela luta do PMDB

Com discurso ligth, Julier foca na disputa ao Governo, mas não descarta outros projetos


De Brasília - especial para o Rdnews

Albizia Lebbeck

Julier_assina_filia

Ex-juiz federal Julier Sebastião assina ato de filiação ao lado de Valdir Raupp, em Brasília

O ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva fez um discurso de "candidato" ao governo durante o ato de sua filiação ao PMDB, ocorrido aqui em Brasília, na sala da presidência do PMDB, no Congresso Nacional. Apesar de afirmar que está “à disposição do partido para a candidatura a deputado, senador, suplente e governador”, Julier se pronunciou mesmo como se fosse a cabeça de chapa da aliança que PMDB e PT costuram com mais 10 partidos da base aliada. “Agradeço a todos os partidos dos quais recebi o convite para me filiar, mas escolhi o PMDB por sua estrutura, por sua história de luta e por seu engajamento amplo, que fala com todos, desde o pequeno agricultor até o grande empresário rural; desde o minerador até o grande financista. Este é o PMDB que me seduziu”, afirma.

"A partir de agora não estou
no PMDB. Eu sou o PMDB"

Ressalta também a sua trajetória de militância desde estudante de Direito até como advogado de trabalhadores rurais, época em que militava no PT. “A partir de agora não estou no PMDB. A partir de agora eu sou o PMDB". O ex-magistrado pondera que chega como mais um companheiro e se coloca à disposição para lutar em defesa do povo de Mato Grosso e do Brasil. "Vamos dar continuidade ao governo que trouxe tranquilidade para o povo mato-grossense”, afirmou, se referindo ao governo de Silval Barbosa, que, aliás, foi ausência sentida durante o ato. 

Ao contrário de outros parlamentares do grupo da base governista, como os deputados federais Wellington Fagundes (PR) e Eliene Lima (PSD) e o senador Cidinho Santos, Ságuas Moraes (PT) e Valtenir Pereira (PROS), não compareceram. Eles são defensores da pré-candidatura do petista Lúdio Cabral ao Palácio Paiaguás. O petista deve disputar a vaga de candidato, dentro da base governista, com Blairo Maggi (PR), Julier e Chico Daltro (PSD). 

"PMDB por sua estrutura,
por sua história de luta"

De todo modo, o deputado federal Carlos Bezerra, presidente regional do PMDB, e um dos “padrinhos” da filiação de Julier, disse que o partido vai trabalhar para que o nome do ex-juiz seja referendado pelo grupo de 12 partidos que devem compor a aliança para disputar o Palácio Paiaguás.“Encomendamos uma pesquisa para saber quais os nomes melhor posicionados e estamos discutindo politicamente dentro do fórum dos 12 partidos”, afirma ele ao Rdnews.  Depois, reforçou que o importante é manter a união entre o PMDB e o PT.

 O discurso da unidade dos partidos da base governista, aliás, foi o tom dado pelos líderes partidários presentes ao ato. “Para nós não importa o candidato a governador, que seja do PT ou do PMDB. Nosso compromisso é com a unidade dos aliados”, diz Wellington.  O deputado estadual Alexandre Cesar (PT), por sua vez, lembra a existência de uma resolução da direção nacional do seu partido, segundo a qual os diretórios regionais devem trabalhar pelas seguintes prioridades: 1) construir alianças que favoreçam a campanha da reeleição da presidente Dilma Rousseff; 2) formar um arco de alianças com os partidos da base aliada ao governo federal. “Ela abre até a possibilidade de intervenção nos diretórios que não se enquadrarem nestas normas”, afirmou. Para Alexandre Cesar, o PT de Mato Grosso está suficientemente maduro para seguir à risca a resolução da direção nacional. “Não corremos o risco de haver discordância. No dia 26 de abril o diretório vai decidir qual será o candidato”, afirmou.

Galeria de Fotos

Credito: Albizia Lebbeck
Credito: Albizia Lebbeck
Credito: Albizia Lebbeck

Reunião pra debater viabilidade do VLT

wellington 400 curtinha   Após participar de uma reunião na Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana, o senador Wellington (foto) revelou que no próxmo dia 10 vai ser realizado encontro com o secretário José Carlos Medalia e com integrantes do Governo de MT para discutir a viabilidade do VLT, cujas obras...

Estado reduz número de homicídios

alexandre bustamante curtinha 400   O secretário Alexandre Bustamante (foto), de Segurança Pública, está comemorando a redução do número de crimes em MT.  O Estado fechou 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos 10 anos. Nos 12 meses do ano passado foram contabilizados...

Acerto pra Pivetta se filiar ao Podemos

alvaro dias curtinha   Mais uma demonstração de que o senador Álvaro Dias (foto), líder do Podemos no Congresso, está ignorando a pré-candidatura ao Senado do seu próprio colega de partido, deputado José Medeiros. Álvaro já acertou com Pivetta apoio na disputa à...

Critério para definir candidatura em VG

fabio tardin 400 curtinha   O presidente da Câmara de Várzea Grande e filiado ao DEM, Fabinho Tardin (foto), sonha com a cadeira de prefeito, mas não tem apoio dos Campos para concorrer à sucessão municipal. Como Lucimar Campos não pode buscar o terceiro mandato seguidamente, o grupo liderado pelo senador...

Prefeito de Lacerda, projeto e derrota

alcino curtinha 400 pontes e lacerda   O prefeito de Pontes e Lacerda, Alcino Pereira Barcelos (foto), resolveu dar de ombro para a Câmara Municipal sobre um projeto de grande alcance social e perdeu feio na queda-de-braço. Contrariando a vontade do prefeito, os vereadores aprovaram a proposta, apresentada pelos colegas Pedro Vieira e...

MPE antes e depois de Maluf no TCE

jose antonio borges 400 curtinha   Antes, membros do MPE fizeram esforço para impedir a nomeação de Guilherme Maluf como conselheiro do TCE, sob argumento de que não detinha notório saber jurídico, contábil, econômico e financeiro e ainda carrega vários processos judiciais nos ombros....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.