Rumo a 2010

Kishi, Taisir e Marcinho estão entre 6 de Cáceres na briga à AL

Wilson Kishi, do PDT   O vice-prefeito Wilson Kishi (PDT) está disposto a recuperar a representatividade política da Grande Cáceres, cidade-pólo do Oeste mato-grossense, na Assembleia Legislativa. São 16 anos sem o município eleger um deputado. O último foi José Esteves de Lacerda Filho, hoje assessor jurídico da AL. “O excesso de candidatos atrapalha muito. Precisamos nos unir”, avalia Kishi, ex-vereador por cinco mandatos e no cargo de vice desde janeiro do ano passado. Ele concorreu na chapa do democrata Túlio Fontes, que assumiu a prefeitura por causa da cassação do mandato do reeleito Ricardo Henry (PP).

     Kishi não considera que os deputados do PP, Airton Rondina, o Português, e Antônio Azambuja, sejam porta-vozes de Cáceres, embora residam da região Oeste. Português é de Araputanga, onde foi prefeito. Azambuja é médico e mora em Pontes e Lacerda, onde exerceu mandato de vereador. A região de Cáceres conta com aproximadamente 200 mil eleitores. Só no município onde Kishi é vice-prefeito são cerca de 60 mil moradores. Hoje há sete pré-candidatos lançados para deputado estadual.

   Apesar de não contar com o apoio do prefeito Túlio Fontes, Wilson Kishi demonstra ser o nome dos postulantes à cadeira de deputado que mais apresenta densidade eleitoral. Até 3 de abril, seis meses antes do pleito, ele vai se afastar do cargo de secretário municipal de Obras para entrar na disputa eleitoral. “Temos que ter maturidade e saber respeitar a posição partidária de cada um e não deixar se levar por intrigas políticas. É preciso estar consciente de que Cáceres precisa de um representante na Assembleia”, diz Kishi, na esperança de convencer os demais a recuarem em apoio ao seu nome.

   Além de Kishi, figuram na condição de pré-candidatos por Cáceres o presidente da Câmara Municipal, vereador Leomar Amarante Mota (PP), o reitor da Universidade do Estado (Unemat), Taisir Karim (PP), o vereador de primeiro mandato Celso Fanaia Teixeira (PSDB), que tem apoio do prefeito Túlio, Márcio Lacerda Filho (PSDB), o Marcinho, filho do ex-senador e ex-vice-governador Márcio Lacerda, o procurador do Estado Bruno Homem de Melo (PMDB) e o servidor da Justiça do Trabalho, Jarbas Carvalho (PSB).

    Esta será a terceira vez que Kishi vai tentar vaga na AL. Em 2002, concorreu pelo PP e teve 9.392 votos. Nas urnas de 2006, já no PDT, sua votação diminuiu. Teve 8.751 votos. Ficou na segunda suplência e, graças à colaboração do titular Otaviano Pivetta, que se licenciou para contemplar os dois suplentes (o primeiro é Carlos Brito), Wilson Kishi atuou como deputado por quatro meses.

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...

Estado paga os servidores nesta 6ª

mauro mendes 400 curtinha   Servidores do Estado recebem salário de fevereiro hoje, dentro do mês trabalho. É a sexta vez seguida que o governador Mauro Mendes consegue pagar a folha dos ativos, inativos e pensionistas antes da virada do mês, depois de promover reformas, redução da máquina e...

Sistema de saúde sob colapso em ROO

Em Rondonópolis, cidade-polo da região Sul, que abrange 17 municípios, não há mais leitos de UTI para socorrer pacientes em quadro grave de Covid-19. Todos os 30 do hospital Santa Casa estão ocupados, inclusive um leito de UTI reservado para atender outros casos, acabou destinado para paciente com o novo coronavírus. Há 10 leitos de UTI no Hospital Regional e todos também estão lotados. Várias pessoas em...

Deputado, Mesa da AL e incoerência

claudinei 400   Claudinei Lopes (foto), delegado de polícia que, na onda Bolsonaro, se elegeu deputado pelo PSL, em 2018, se mostra cada vez mais incoerente. É daqueles que gostam de levantar polêmicas e críticas, mas sem consistência. Ele se manifestou, por exemplo, contra a reeleição à Mesa...

Dilmar ensaia disputa para federal

dilmar dal bosco 400   Todos os deputados estaduais querem buscar a reeleição, com exceção de Dilmar Dal Bosco (foto), que está no terceiro mandato. Integrante da nova Mesa Diretora da Assembleia, como primeiro-vice-presidente, e líder do Governo Mauro, Dilmar não esconde o desejo de disputar cadeira...