Leitão se reúne com cúpula nacional para debater candidatura ao governo

Embora seja integrante do grupo que articula a viabilização da candidatura do senador Pedro Taques (PDT) ao Palácio Paiaguás, antes, o PSDB precisa debater, com o diretório nacional, a possibilidade de lançar o ex-secretário da Casa Civil, Maurício Magalhães, na gestão de Dante de Oliveira (falecido), como pré-candidato à sucessão do Governo Silval Barbosa (PMDB). Conforme o presidente da legenda no Estado, deputado federal Nilson Leitão, é necessário ouvir a cúpula nacional.

A reunião está agendada para esta quinta (13), em Brasília. Maurício se colocou à disposição do partido em dezembro passado, por meio de uma carta de intenção, na qual externou a sua vontade. O ex-secretário reclama, no entanto, que sua possível candidatura foi tratada com frieza pelos líderes da agremiação. Essa “indiferença” com sua candidatura, contudo, pode ser explicada pelo fato dele estar afastado do cenário político desde a morte de Dante. O ex-secretário foi braço direto do então governador.

De todo modo, Leitão garante que um possível aval para a pré-candidatura de Maurício não afetará a relação com o grupo de oposição (PDT, PSDB, PSB, DEM, PPS, PTB e PV) ao Palácio Paiaguás, encabeçada por Taques. “Maurício será uma nome dentre os possíveis candidatos. E dentro da aliança vamos discutir o melhor para o grupo”, enfatiza.

Reuniões 

A partir de agora, o grupo dos 7 vai começar as reuniões de cada partido para discutir nomes para as eleições deste ano. “Chegou à hora de tratar das resoluções”, enfatiza Leitão. Nesses encontros, segundo o tucano, os interessados nos cargos majoritários e a deputados federal e estadual poderão explanar as suas intenções. A realização dos encontros foi uma das decisões que os líderes dos partidos tomaram durante reunião na semana passada na Capital. Na oportunidade, ficou decidido que entre 20 e 30 de março será realizado um ato pró-Taques para lançar o nome do pedetista ao Governo.

Pré-candidato ao governo avalia atual gestão e diz que dívidas preocupam

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

Um mês no Senado e com um projeto

carlos favaro 400 curtinha   Em um mês como senador, Carlos Fávaro (foto), oficialmente com 12 assessores, por enquanto, fez dois pronunciamentos da tribuna, não atua na relatoria de nenhuma propositura e apresentou um projeto, justamente o que pede socorro financeiro a um dos setores do agronegócio, o algodoeiro. Na...

Desagregador luta pra retornar à Ager

fabio calmon 400   Fábio Calmon (foto), que foi adjunto da Sinfra no Governo Taques e depois nomeado presidente da Ager-MT, não desiste da Agência, mesmo sabendo que ali se tornou uma pessoa non grata por uma série de situações. Foi carimbado de incompetente, burocrata, arrogante e desagregador. O governador...

Oportunismo e na defesa de Bolsonaro

niuan ribeiro curtinha 400   Niuan Ribeiro (foto), presidente do Podemos em MT, agora virou defensor do Governo Bolsonaro. Eis o que o vice-prefeito de Cuiabá escreveu no Instagram, em postagem acompanhada de sua foto, sobre o conteúdo da reunião ministerial de 22 de abril que expôs várias faces do governo. "Apesar...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.