Articulação

Lúdio imita Lula e resgata Caravana da Cidadania para percorrer cidades

Instituto Lula

Lula caravana

Nos anos 90, Lula percorreu o país com as chamadas Caravanas da Cidadania

O pré-candidato a governador pelo PT Lúdio Cabral, na tentativa de se consolidar como alternativa do bloco situacionista à sucessão de Silval Barbosa (PMDB), imita o ex-presidente Lula e deve percorrer o Estado com a chamada Caravana da Cidadania. O método de fazer “política de massas” foi utilizado pelos petistas em 1993, 1996 e 2001 até conseguirem conquistar o governo federal, nas eleições de 2002.

Nos anos 90, as Caravanas da Cidadania compostas por lideranças políticas e sindicais, técnicos e especialistas percorreram 359 cidades de 26 Estados. Já em 2001, foram mais sete Estados e 47 municípios. Agora, na esperança de vencer o senador Pedro Taques (PDT), pré-candidato ao Governo da oposição, Lúdio percorrerá Mato Grosso para discutir com a sociedade a elaboração de um plano de governo. O objetivo, segundo o petista, é possibilitar que as pessoas participem da formulação de propostas e apresentem reivindicações locais.

A Caravana será realizada em cidades pólos principalmente nos finais de semana, mas Lúdio aproveitará os eventos para ir pessoalmente aos municípios de cada região. Ele já visitou 63 cidades desde janeiro.  “Queremos ouvir reivindicações e colher propostas para o plano de governo, mas também mostrar o modelo de gestão que a gente sonha implementar no Estado, que é uma administração participativa e que traga as pessoas para compartilhar poder do Estado”.

Com o anúncio de que o senador Blairo Maggi (PR) está fora da disputa pelo Palácio Paiaguás, a pré-candidatura de Lúdio passou a ser a preferida entre os dirigentes do bloco governista, formado por PMDB, PT, PR, PSD, PCdoB, Pros, PP, PRB, PSL, PSC e PEN. Isso porque o petista aparece bem colocado nas pesquisas de intenção de voto e teve participação marcante nas eleições de 2012, quando perdeu a Prefeitura de Cuiabá, no 2º turno. As alternativas, que não empolgam os aliados, são o ex-juiz federal Julier Sebastião (PMDB), o vice-governador Chico Daltro (PSD) e o ex-prefeito de Água Boa Maurição Tonhá (PR). (Com Assessoria)

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

Um mês no Senado e com um projeto

carlos favaro 400 curtinha   Em um mês como senador, Carlos Fávaro (foto), oficialmente com 12 assessores, por enquanto, fez dois pronunciamentos da tribuna, não atua na relatoria de nenhuma propositura e apresentou um projeto, justamente o que pede socorro financeiro a um dos setores do agronegócio, o algodoeiro. Na...

Desagregador luta pra retornar à Ager

fabio calmon 400   Fábio Calmon (foto), que foi adjunto da Sinfra no Governo Taques e depois nomeado presidente da Ager-MT, não desiste da Agência, mesmo sabendo que ali se tornou uma pessoa non grata por uma série de situações. Foi carimbado de incompetente, burocrata, arrogante e desagregador. O governador...

Oportunismo e na defesa de Bolsonaro

niuan ribeiro curtinha 400   Niuan Ribeiro (foto), presidente do Podemos em MT, agora virou defensor do Governo Bolsonaro. Eis o que o vice-prefeito de Cuiabá escreveu no Instagram, em postagem acompanhada de sua foto, sobre o conteúdo da reunião ministerial de 22 de abril que expôs várias faces do governo. "Apesar...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.