Rumo a 2010

Mendes traz perspectiva de investimentos, mas é tido como arrogante e sem discurso

   O presidente da Federação das Indústrias do Estado, empresário Mauro Mendes, tomou mesmo gosto pela política. Depois de ter boa votação na disputa de dois turnos pela Prefeitura de Cuiabá, ele tenta construir um projeto alternativo ao governo estadual. Deixou o PR do governador Blairo Maggi e entrou no PSB. Analistas consideram que, entre os aspectos positivos que trazem a pré-candidatura majoritária de Mendes, está o fato da lembrança positiva da campanha de 2008, mesmo tendo sido derrotado pelo prefeito tucano Wilson Santos, e também o fato de possuir boa relação com o setor produtivo, do qual faz parte. Isso traz, com Mendes no governo, perspectivas de altos investimentos no Estado, dentro da política de atrair novas indústrias.

   O PSB aposta na pré-candidatura do ex-ministro da Fazenda e da Integração Nacional Ciro Gomes à Presidência da República e, dentro do projeto nacional, o nome de Mendes ganha força já que procura se sustentar num projeto alternativo. Um grupo de 9 partidos, a maioria nanicos, tem debatido composição política, entre eles o PPS e o PDT. São incentivadores do nome de Mendes à sucessão de Maggi. De um lado, tem a vantagem de se ampliar alianças mas, de outro, o pré-candidato "pisa em ovos". Acontece que ora os presidentes do PPS e PDT, respectivamente, Percival Muniz e Otaviano Pivetta, abrem diálogo com outros possíveis adversários de Mendes, como Silval Barbosa e Wilson Santos, ora "bajudam" o empresário, com discurso de que trata-se da melhor alternativa ao posto de chefe do Executivo estadual.

    Entre outras vantagens de Mendes estão sua independência financeira e por possuir base eleitoral em Cuiabá, com 372,4 mil eleitores. Já quanto a questões tidas como complicadoras aparecem críticas no meio político e junto a alguns eleitores de que o pré-candidato do PSB é "arrogante" e que apresenta discurso sem muita consistência. Muitos o veem também como um político-empresário instável, já que anuncia um posicionamento e depois recua. Comunicou, por exemplo, que permaneceria no PR e, três dias depois, migrou para o PSB. Em 2008, jurava que não seria candidato a prefeito e acabou entrando na disputa. Outra reclamação das próprias lideranças políticas é sobre a dificuldade de falar com Mendes.

    Conflitos

   Ele se depara também com divergências com o presidente estadual da legenda socialista, deputado Valtenir Pereira, que está mais determinado a levar o PSB para uma aliança com o PMDB de Silval Barbosa ou até mesmo com o PSDB de Wilson Santos do que sustentar projeto majoritário de Mendes. Valtenir, no fundo, quer salvar a sua reeleição, algo difícil de conquistar se o grupo dos nove não buscar composições majoritárias e proporcionais. Mauro Mendes deve enfrentar dificuldades também nas visitas ao interior por falta de apoio localizado e por estar num partido sem estrutura e muitos filiados.

Histórico de não que depois vira sim

blairo maggi 400 curtinha   Mesmo Blairo Maggi (PP) falando para todos que não será candidato ao Senado, na eleição suplementar de 2020 com a provável cassação de Selma, ninguém acredita. Nem aqueles que fazem parte dos grupos criados pelo próprio ex-governador e ex-senador. Em outros...

Francis dispara contra Túlio, Adriano...

tulio fontes 400 curtinha   O prefeito de Cáceres, Francis Maris, que chegou dos EUA na última quinta, aproveitou dois eventos para, publicamente, disparar sua metralhadora verbal contra algumas pessoas. Na sexta, inaugurou uma unidade do Centro de Testagem e Aconselhamento e fez abertura do Natal de Luzes, no centro. Nas duas...

Audiência na AL em prol dos autistas

diana serpe 400 curtinha   Convidada pela Assembleia, a advogada com forte atuação em São Paulo, Diana Serpe (foto), autora do e-book Autismo Educação e especialista na defesa dos direitos das pessoas com deficiência, vai participar de uma audiência pública e proferir palestra na segunda (9),...

Folha em dia e previsão do 13º dia 20

mauro mendes 400 curtinha   É possível que no dia 20 o governo estadual consiga pagar integralmente o décimo-terceiro dos cerca de 100 mil servidores. Ao anunciar que a folha de novembro será paga na próxima terça (10), em única parcela, pela primeira vez no ano, o governador Mauro destacou que...

Cidinho é o que mais agrega ao Senado

cidinho 400 curtinha   Depois de Blairo Maggi, o nome do empresário e ex-senador Cidinho Santos (foto) seria hoje o que mais agregaria a classe política e o agronegócio em torno de uma candidatura ao Senado numa eventual eleição suplementar. Conta com simpatia do senador Jayme Campos e do governador Mauro Mendes,...

Prova da lisura de membros do Gaeco

paulo prado 400 curtinha   O resultado da auditoria do TCE-MT sobre a prestação de contas do Gaeco das verbas secretas, entre 2012 e 2017, assegurando a sua legalidade, resgata a credibilidade, lisura e reputação ilibada dos membros que atuaram na época nesse braço investigativo do MPE, como o procurador e...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.