RUMO ÀS URNAS

MPF dá parecer favorável a recurso de Henry; TSE analisa

    O Ministério Público Federal (MPF) manifestou-se favorável ao provimento dos recursos impetrados pelo deputado federal Pedro Henry (PP), no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que tentam reverter o indeferimento do registro de candidatura do parlamentar. Esta vitória jurídica é o primeiro passo para que Henry consiga oficialmente o direito de disputar uma das 8 vagas destinadas à bancada mato-grossense na Câmara Federal. O parecer da procuradora-geral eleitoral Fátima Aparecida de Souza Borghi já foi devolvido ao TSE nesta quinta (27) e encaminhado ao gabinete da relatora do caso, ministra Carmén Lúcia. Cabe a ela elaborar o voto, que pode acompanhar ou não o entendimento do MP, e depois submeter a questão ao plenário do TSE. “Eu fico muito feliz que o Ministério Público tenha entendido da mesma forma que a gente. Continuamos em campanha enquanto essa pendenga jurídica é resolvida por meu advogado Ricardo Almeida”, pondera Pedro Henry.

   Ele teve o registro de candidatura negado pelo TRE em 31 de julho ao ser enquadrado como “ficha suja”, desde então ingressou com vários recursos para reverter a situação. O progressista foi cassado em novembro de 2007 pelo TRE por suposta compra de votos no bairro Pedra 90, juntamente com a deputada estadual Chica Nunes (DEM). Os dois conseguiram uma liminar de efeito suspensivo que garantiu o direito de Chica disputar o pleito, mas que na época não foi o suficiente para que o progressista conseguisse o registro.

   Ocorre que além desta condenação, referente a um suposto crime eleitoral em 2006, o deputado federal se tornou inelegível por três anos, em 20 de julho, quando foi condenado por abuso de poder econômico no pleito de 2008. Ele teria utilizado um veículo de comunicação para beneficiar o seu irmão Ricardo Henry (PP), que disputava a reeleição em Cáceres. Sua defesa alega que como no ato da inscrição de sua candidatura ele não estava inelegível, a nova condenação não pode prejudicar a sua candidatura. Além disso, antes de impetrar recurso ordinário no TSE, Henry conseguiu deferimento parcial de alguns embargos declaratórios interpostos no TRE, onde o Pleno validou a liminar de efeito suspensivo que ele obteve em 2007.

   De todo modo, o parlamentar segue fazendo campanha em todo o Estado. Ele destaca que durante seus quatro mandatos trabalhou muito com um “perfil realizador”, reconhecido pela população. Reconhece que a “pendenga” jurídica causa insegurança e atrapalha, mas que segue fazendo o seu trabalho normalmente. “Estou muito tranquilo e minha campanha nunca parou. Se precisar eu vou até o Supremo Tribunal Federal”, pontuou.

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...