Eleições 2010

PP promete lançar 12 para AL e 32 para federal; Riva é aposta

   Sem pré-candidatos ao Senado ou indicações para vice-governador, o PP aposta na disputa das proporcionais e pretende eleger 3 deputados  federais e 7 estaduais. Atualmente os progressistas ocupam 2 cadeiras na bancada federal e 6 na Assembléia. Para conquistar maior representação no Legislativo deve seguir sozinho.

   De acordo com Pedro Ferreira (PP), presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), a prioridade do partido será a chapa federal. “O PP vai trabalhar muito pelas proporcionais. Como não temos candidatos ao Senado, nossa intenção é aumentar nossa bancada e eleger o maior número possível de deputados, principalmente federais”, afirmou.

   Entre os mais cotados para a Câmara Federal estão Pedro Henry e Eliene Lima, que disputam a reeleição, o presidente regional do PP, Chico Daltro, que hoje ocupa a cadeira de Henry como suplente, além dos representantes do Nortão, Neri Gueller e Roberto Dorner.

   Conforme as declarações do presidente regional, o partido deve contar com 12 candidatos a uma vaga na Câmara Federal e 32 à Assembléia. Entre os preferidos estão os deputados José Riva, presidente da Assembleia, Walter Rabelo, Airton Português, Maksuês Leite e Antônio Azambuja. Também fazem parte do quadro o presidente da Câmara de Cuiabá Deucimar Silva, o presidente da AMM Pedro Ferreira, o ex-prefeito de Reserva de Cabaçal Ezequiel Fonseca, o empresário de Tangará da Serra, Airto Franchini, além de representantes do Nortão como Genésio Bôer, de Juína, e Polaco, de Colíder. Para Chico Daltro, aqueles que já exercem algum mandato têm vantagem na disputa, principalmente aqueles que já figuram no Legislativo estadual.

   Apesar do envolvimento de sua esposa na Operação Jurupari, Riva continua sendo o mais cotado para a Assembléia. De acordo com o presidente da AMM, os correligionários acreditam que nesta eleição o progressista deve conquistar mais de 100 mil votos. “Não acredito que a operação recente da Polícia Federal afete o deputado”, argumentou Ferreira.

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.