RUMO ÀS URNAS

Wilson "inaugura" debate no Twitter com críticas a Maggi

   O candidato ao Governo Wilson Santos (PSDB) inaugurou a era dos debates eleitorais via "twitter cam" (espécie de teleconferência no miniblog Twitter) em Mato Grosso nesta quinta (22). Ele dedicou nada menos que três horas de sua agenda para responder aos questionamentos de eleitores e jornalistas, que acompanharam a realização da experiência midiática. “Eu, assim como vocês, me surpreendi com o resultado. Foram milhares de acessos e mensagens. A minha intenção era ficar uma 1h e 45min, mas acabei ficando quase 3 horas. Aqui é um lugar de gente inteligente e espero me preparar para outras vezes. Valeu e até a próxima”, afirmou o tucano ao se despedir dos tuiteiros. Além de Wilson, o candidato ao Senado Pedro Taques (PDT) também utilizou a ferramenta para conversar com os internautas e angariar votos.

  Antes de conseguir “engrenar” a conversa, entretanto, o tucano teve alguns tropeços técnicos, superados com a ajuda dos seus coordenadores de mídia social. Bastaram três tentativas sem sucesso para que @WilsonSantosWS começasse a responder as perguntas por meio do Twitter, enquanto ajustes técnicos eram feitos ao "twitter cam". No começo o tucano parecia estar meio perdido, mas logo tomou gosto pelas ferramentas midiáticas, tuitando e respondendo também por meio da “teleconferência” improvisada.

   Durante o debate ele falou de tudo um pouco. Anunciou que a tarifa do ônibus não seria mais reajustada em Cuiabá, comentou o uso das novas tecnologias na campanha eleitoral, assegurou que se for eleito vai moralizar o Fundo da Cultura, que vai “chacoalhar o Estado com o maior programa de Cultura já feito em Mato Grosso” e prometeu até implementar uma política de redução de impostos. “É um absurdo o imposto pago. Blairo (Maggi, ex-governador) disse que sabia a dor e o sofrimento de se produzir, prometeu reduzir os impostos sobre a energia, telefonia, mas nunca fez. De maneira responsável, temos que criar uma carga tributária menor”, disparou o tucano, ao responder um dos questionamentos dos seus mais de 1,4 mil seguidores.

  Logo em seguida, ele afirmou que durante o período em que foi prefeito de Cuiabá, reduziu o ISSQN de alguns setores e que, se eleito, pretende rever os valores do ICMS e do IPVA. “Temos um ICMS acima da média e o valor do IPVA também pode ser reduzido, afinal a frota de veículos praticamente quadruplicou nos últimos anos”, afirmou. Por fim, ressalta que em 1996, quando foi secretário de Agricultura e Assuntos Fundiários, durante o governo Dante de Oliveira (falecido em 2006), reduziu o imposto sobre o algodão. “Nós ousamos tirar imposto do algodão e com a redução pulamos de 5% para 55% na produção do produto no país”.

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.