ELEIÇÕES 2020

Segunda-Feira, 19 de Outubro de 2020, 10h:50 | Atualizado: 19/10/2020, 19h:49

ARARATH

Juiz proíbe Frical de usar vídeo

selo elei�es 2020

O juiz da 49ª Zona Eleitoral De Várzea Grande, Eduardo Calmon de Almeida Cézar, proibiu o candidato a prefeito Flávio Vargas, o “Flávio Frical” (PSB), de veicular vídeo na propaganda eleitoral na TV com “insinuação maliciosa” contra o também candidato Emanuelzinho (PTB). A campanha de Frical vinha associando o opositor ao vídeo em que o pai dele e prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), aparece colocando maços de dinheiro no bolso do paletó.

Antes, o magistrado já havia dado liminar para que Frical parasse de veicular o vídeo. Agora, a ação foi sentenciada com homologação da decisão anterior. O Ministério Público havia dado parecer contrário aos pedidos de Emanuelzinho.

Rodinei Crescêncio

Flavio Frical

O candidato a prefeito de Várzea Grande Flávio Frical foi proibido de vincular a imagem de Emanuelzinho ao caso de corrupção envolvendo o pai dele

A ação foi movida pelo candidato contra Frical e a doligação Várzea Grande Pode Mais. Na sentença, Calmon alertou que o descumprimento da decisão pode enquadrar os responsáveis em “crime de desobediência”.

“A propaganda eleitoral deve ter o cunho de informar ao eleitor, quais as propostas, ideias e planos de ação de determinado candidato, caso este seja eleito. Assim, o seu verdadeiro objetivo deve ser voltado à exposição das propostas e projetos futuros daquele candidato, de modo a convencer o eleitor sobre o seu comprometimento com a função pública a ser desempenhada”, registrou o magistrado.

Para Calmon, as atuais campanhas têm criado um “verdadeiro cenário de insinuações maliciosas”. “O objetivo da propaganda eleitoral vem sendo distorcido e, no meio disso, está o eleitor que, muitas vezes, continua sem a informação necessária e primordial para decidir o seu voto”.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

Seduc e microônibus para municípios

alan porto 400 curtinha   A secretaria estadual de Educação, sob Alan Porto (foto), tem buscado parcerias com prefeituras para construir quadras poliesportivas, laboratórios de informática e escolas, além de ampliar salas de aula, adquirir ares condicionados e microônibus escolares, de modo a atender...

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

Emendas ajudam Unemat de ROO

thiago silva 400 curtinha   Em reunião com o reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, e com o pró-reitor Alexandre Porto, o deputado estadual Thiago Silva (foto) tratou da emenda de R$ 1 milhão para manter o curso de direito e abertura do de jornalismo em Rondonópolis neste ano. E, juntos, definiram o modelo de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.