ELEIÇÕES 2020

Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 18h:36 | Atualizado: 31/03/2020, 18h:42

SIGLA EM CUIABÁ

Diego adere ao Cidadania e comanda o diretório de Cuiabá; Wellaton se filia na 5ª

 O vereador Diego Guimarães deixou o Progressistas e se filiou ao Cidadania. A troca de partido foi anunciada nesta terça (31). Agora, o parlamentar assume a presidência do Diretório  da legenda  em Cuiabá para liderar as articulações visando às eleições de outubro.

Já o vereador Felipe Wellaton, cotado para concorrer a prefeito de Cuiabá, anuncia sua filiação na próxima quinta (2). A informação foi confirmada pelo presidente estadual do Cidadania, Marco Marrafon.

Câmara de Cuiabá

Felipe Vellaton - Cassa��o Abilio

Vereador Felipe Wellaton que também passou a integrar o Cidadania é cotado para concorrer a prefeito de Cuiabá; na foto discursa durante CPI na Câmara

Segundo Marrafon, as filiações de Diego Guimarães e Felipe Wellaton consolidam o projeto do Cidadania de apresentar uma alternativa de mudança para a Capital. Afirma ainda que a sigla pretende se apresentar ao eleitorado fora da polarização entre extrema-direita e extrema-esquerda que tomou conta do país.

“O projeto do Cidadania é construído com base no diálogo com os diversos segmentos da sociedade. O Diego vai liderar a chapa de candidatos a vereadores que vem com o objetivo de acabar com a pecha de ‘Casa do Horrores’ que a Câmara leva há muitos anos. E o Wellaton vem para representar um projeto de mudanças profundas na condução do Executivo”, declarou Marrafon ao .

Em setembro de 2019 o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou a mudança do nome do Partido Popular Socialista (PPS) para Cidadania, sem sigla ou denominação abreviada.  

Saída do Progressistas

Diego ingressou no Progressistas em 2016 quando concorreu ao cargo de vereador e foi eleito com 3.183 votos. Advogado e professor universitário, hoje o parlamentar, mantém uma postura de oposição à atual gestão municipal, o que diverge com os outros membros do partido.

“Saio do Progressistas devido à forma como o partido vem tratando os caminhos a serem seguidos neste ano eleitoral. Fui totalmente excluído dos debates internos do partido por emitir minha opinião e discordar de meia dúzia que lideram a legenda e também da atual administração municipal. Devido a isso, precisei buscar novos ares e o partido que eu encontrei maior aproximação e aderência de como pensamos política é o Cidadania”, ressaltou o Diego.

A troca de partido do vereador está respaldada pela Reforma Eleitoral de 2015 (Lei nº 13.165/2015), que garantiu aos detentores de mandato eletivo em cargos proporcionais a possibilidade de trocar de partido nos 30 dias anteriores ao último prazo para filiação, que termina no próximo dia 3 de abril. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • HELIO AUGUSTO GOMES | Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 19h42
    6
    2

    Vereador Felipe Wellaton vai tarde, aliás, usou PV, pra se eleger, contraindo Estatuto do partido, e envergonhou com famoso Rachadinha, Perfil Mauricinho, portanto, insustentável!

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

Um mês no Senado e com um projeto

carlos favaro 400 curtinha   Em um mês como senador, Carlos Fávaro (foto), oficialmente com 12 assessores, por enquanto, fez dois pronunciamentos da tribuna, não atua na relatoria de nenhuma propositura e apresentou um projeto, justamente o que pede socorro financeiro a um dos setores do agronegócio, o algodoeiro. Na...

Desagregador luta pra retornar à Ager

fabio calmon 400   Fábio Calmon (foto), que foi adjunto da Sinfra no Governo Taques e depois nomeado presidente da Ager-MT, não desiste da Agência, mesmo sabendo que ali se tornou uma pessoa non grata por uma série de situações. Foi carimbado de incompetente, burocrata, arrogante e desagregador. O governador...

Oportunismo e na defesa de Bolsonaro

niuan ribeiro curtinha 400   Niuan Ribeiro (foto), presidente do Podemos em MT, agora virou defensor do Governo Bolsonaro. Eis o que o vice-prefeito de Cuiabá escreveu no Instagram, em postagem acompanhada de sua foto, sobre o conteúdo da reunião ministerial de 22 de abril que expôs várias faces do governo. "Apesar...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.