ELEIÇÕES 2020

Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 18h:57 | Atualizado: 22/10/2020, 19h:10

Chapada dos guimarães

Diretório do PSDB denuncia candidata por tramar invasão de terreno do município

Reprodução

Micheli F�tima da Costa Weber, Micheli do Banco

Michele do Banco teria se aliado a grileiros para atacar a prefeita Thelma de Oliveira

selo elei�es 2020

O diretório municipal do PSDB de Chapada dos Guimarães ingressou na Justiça Eleitoral com notícia crime contra a candidata à prefeitura pela Coligação Progresso Fé e Honestidade, Micheli Fátima da Costa Weber, mais conhecida como Micheli do Banco (PP).

Além dela, foram acionados Mariana do Pôr do Sol e Gino. Conforme a notícia crime, Micheli junto com os demais acionados estariam articulando a invasão de um terreno pertencente ao município e que tem como destinação a construção do loteamento popular. O pedido é que seja instaurado um inquérito policial para que os fatos sejam apurados.

Os fatos que motivaram a notícia crime chegou ao conhecimento do diretório municipal via áudio recebido pelo aplicativo Whatsapp. A ação está prevista para ocorrência no próximo sábado, conforme mostra o áudio transcrito.

“Deixa eu falar com você se você quiser ganhar “cenhão” no sábado você, você, eles vão invadir esse lote de baixo. Aí Mariana me chamou, mas como eu não tô aí se quiser ganhar “cenhão” segura aí pra mim. Vê lá com a Mariana, entendeu você segura um lote lá pra mim e vou te dar cem contos só pra você segurar o lugar para mim” (sic).

Ouça o áudio

Ainda conforme o áudio, o motivo da invasão seria porque a prefeita Thelma de Oliveira (PSDB), candidata à reeleição em Chapada, teria entregado lotes a “povo que tem carro e casa”. A prefeitura municipal assentou em 2018 pessoas carentes que ocupavam uma área verde no bairro Vale da Chapada. Elas permanecem no local enquanto aguardam o licenciamento ambiental por parte da Secretaria Estadual de Meio Ambiente para a implantação do loteamento popular. O andamento do projeto foi suspenso em função do período eleitoral, impedindo assim que a ação fosse explorada eleitoralmente.

A invasão neste momento seria estratégica. Segundo Gino, os invasores utilizariam o voto para permanecer na área e para favorecer a campanha de Micheli do Banco.

“...o que eles estão querendo se der alguma coisa eles vão votar na prefeita, eles vão tocar na cara dela porque ela não deu não podia ter dado aquele pedaço lá e ela deu. Aí a Micheli ia meter o ferro nela”, diz trecho do áudio.

A gestão Thelma vem agindo contra invasões ilegais na cidade e, por isso, segundo a denúncia, grileiros teriam se aliado à candidata Micheli do Banco, o que pode configurar crime eleitoral.

“....como a Mariana conversou com a Micheli, a Micheli então vou deixar vocês entrar lá, porque vai ter um motivo se a prefeita falar alguma coisa vocês tem como dar resposta a ela, aí ela vai dançar...”, diz outro trecho do áudio que circula no Whatsapp nesta quinta (22).

“Diante desse contexto, a princípio está havendo um conluio entre a candidata Micheli do Banco e a pessoa de Mariana para invasão de uma área pública que pode envolver o pedido voto, fato que configuraria crime eleitoral. Desse modo, apresentamos a presente Notitia Criminis a fim de que seja determinado a instauração de inquérito policial para apuração dos fatos e, caso comprovada a prática de crime eleitoral, que os responsáveis sejam penalizados na forma da lei”, pede a representação.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Riccardo Delatorre | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 10h52
    3
    0

    Já pensou? Uma grileira na prefeitura de chapada? Nem deus há de deixar....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...