ELEIÇÕES 2020

Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 09h:07 | Atualizado: 22/10/2020, 09h:18

ENTREVISTA AO RDTV

Gilberto defende gestão descentralizada e retomada do título de "Cidade Verde"

selo elei�es 2020

Candidato à Prefeitura de Cuiabá,  Gilberto Lopes (Psol) quer implementar uma administração descentralizada através de comitês gestores. A ideia é ouvir as demandas regionais e, assim, implementar ações que atendam melhor os anseios da população. “Hoje essas subprefeituras são apenas cargos fictícios. Nós vamos fazer com que elas funcionem de forma efetiva. Trabalhar com a comunidade”, assevera.

Atualmente, Cuiabá conta com 4 regionais: Leste, Oeste, Norte e Sul; além de 5 sub-prefeituras (Nossa Senhora da Guia, Distrito do Aguaçu, Distrito do Sucuri, Coxipó do Ouro e Nova Esperança).

 Gilberto adianta que, cada um dos pólos dentro da Capital, terá um viveiro para que Cuiabá recupere o título de Cidade Verde. Para tanto, vai disponibilizar 4 mil mudas. “Cuiabá hoje é apenas a 20ª Capital em arborização urbana. Essas obras do VLT deram um impacto negativo nessa questão do meio ambiente”, critica, numa referência às obras inacabadas.

Dayanne Dallicani

Gilberto Lopes

O candidato à Prefeitura de Cuiabá, Gilberto Lopes, do Psol, no estúdio do RDTV, durante entrevista conduzida pela jornalista Lídice Lannes

O candidato do Psol, que é administrador e servidor, salienta que a sua principal bandeira é o combate à corrupção sistêmica. “É possível ser gestor público e não roubar”, dispara. Argumenta que assim terá recursos para melhorar a atenção básica de saúde e reduzir o déficit de vagas na Educação. Cita que faltam, por exemplo, 13 mil vagas nas unidades de ensino e que a cobertura da atenção básica é de apenas 44%, quando deveria chegar a 75%. “Vou romper com as oligarquias e com o modelo de gestão existentes. Esse modelo de gestão é do século passado, dos coronéis”.

Por fim, Gilberto critica o duelo travado entre o governador Mauro Mendes (DEM) e o prefeito da Capital Emanuel Pinheiro (MDB). Para ele, a situação tem como pano de fundo as eleições de 2022. O servidor diz que a Capital foi esquecida pela administração estadual. “Cuiabá está esquecida. Desde o governo Blairo Maggi Cuiabá não teve nenhuma obra estadual. Últimas obras foram feitas no governo Dante (de Oliveira, já falecido), que é cuiabano”, que não menciona, por exemplo, as obras da Copa de 2014 que foram executadas e entregues em Cuiabá.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Eduardo Alvarenga | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 12h14
    0
    1

    PSOL, estou fora

Prefeitos revoltados com Neurilan

neurilan fraga 400 curtinha   Vários prefeitos, especialmente os recém-eleitos, se mostram revoltados com novas manobras promovidas no estatuto da AMM pelo seu "eterno" presidente Neurilan Fraga (foto), que tenta, de todas as formas, se auto-beneficiar na eleição que deveria ocorrer em janeiro, mas que foi antecipada...

Candidato a reitor e 2 apoios fortes

dimorvan rui 400   O candidato de oposição a reitor do IFMT, Deiver Teixeira, recebeu dois apoios importantes. As manifestações de adesão à candidatura vieram dos professores Ruy Oliveira e Dimorvan Brescancim. Ruy foi candidato a reitor nos últimos dois pleitos e é um pesquisador...

Abílio e Medeiros rejeitam Fernanda

coronel fernanda 400 curtinha   Abílio Júnior e o deputado José Medeiros, presidente do Pode-MT e que foi derrotado para senador, querem distância da coronel Rubia Fernanda (foto) da campanha neste segundo turno em Cuiabá. Nos bastidores, comentam que não precisam da militar filiada ao Patriota e que ficou...

Com maioria na Câmara de Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   A prefeita eleita de Cáceres Eliene Liberato (foto), que conquistou 15.881 votos (38,16% dos válidos), terá apoio da maioria dos 15 vereadores. Destes, oito garantiram cadeira pela coligação da própria Eliene, o que representa 53%. As duas maiores bancadas são do PSB de...

Gamba quer Tuti presidindo a Câmara

tuti 400 alta floresta curtinha   O prefeito eleito de Alta Floresta, Chico Gamba (PSDB), tem se articulado para eleger presidente da Câmara o vereador reeleito do seu partido, Oslen Dias dos Santos, o Tuti (foto), que obteve a segunda maior votação, com 814 votos. Na tentativa de convencer os novos integrantes da próxima...

Várzea Grande paga a folha já na 6ª

lucimar campos 400   A prefeita várzea-grandense Lucimar Campos, prestes a concluir o segundo mandato, anunciou que na sexta, a três dias de fechar o mês, conclui o pagamento da folha de novembro. E, nesta quarta (25), já libera a diferença da correção do piso federal para os professores. No total...