ELEIÇÕES 2020

Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020, 09h:21 | Atualizado: 14/01/2020, 17h:22

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Mauro deseja que Pivetta continue vice, mas diz deixá-lo livre para buscar Senado

Mayke Toscano

Mauro Mendes e Otaviano Pivetta

O governador Mauro Mendes (DEM) cumprimenta o vice Otaviano Pivetta (PDT), durante evento do Governo de MT

O governador Mauro Mendes (DEM) diz que saberá respeitar a decisão do vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) se ele realmente optar por disputar a vaga ao Senado, que será deixada pela senadora cassada Selma Arruda (Pode). Os dois já conversaram sobre o assunto, mas o democrata não esconde que seu desejo é que o companheiro de Governo permaneça em suas funções no Palácio Paiaguás. 

"Pivetta já conversou comigo, eu sempre sou alguém que respeita a vontade das pessoas, se for o desejo dele de concorrer ao Senado, eu saberei respeitar. O meu desejo é que ele pudesse continuar, porque ele é um grande companheiro, um grande político, uma pessoa honesta, dedicada, que tem contribuído muito com o Governo. Por enquanto, temos que aguardar o andar da carruagem para tomar definições".

Apesar disso, na semana passada, Mauro assinou um pedido elaborado pela Procuradoria-Geral do Estado (PGE) que foi impetrado junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para garantir que o 3º colocado ao Senado nas eleições 2018, o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD) assuma de forma provisória a vaga de Selma, até que se realize a eleição suplementar. A Suprema Corte ainda não decidiu sobre o assunto. 

“Mato Grosso não pode ficar subrepresentado. Não pedi pela posse do Fávaro, mas pelo terceiro colocado, consequentemente, Fávaro. Os Estados só possuem isonomia no Senado com três representantes cada um. SP tem 60 deputados federais e nós só temos 8, então precisamos do equilíbrio. A vaga no Senado seria assumida enquanto não ocorre a nova eleição, essa tese vai ser analisada pelo STF e é plausível e com grande fundamento”, justifica.

A conversa na política é natural. O cidadão tem o direito de conversar com quem e sobre o que quiser

Mauro Mendes

Na conjuntura envolvendo a eleição suplementar, Mauro tem ficado em verdadeira saia justa, visto que além de seu vice, outros partidos que compõem seu arco de aliança também pleiteam lançar candidatos ao Senado.

Dentro do DEM, Mauro também enfrenta divisões, sendo que a Família Campos se aproxima do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB), seu adversário político, para articular a disputa na eleição suplementar. Em relação a isso, Mauro avalia não existir nada de grave. “A conversa na política é natural. O cidadão tem o direito de conversar com quem e sobre o que quiser. E o político é um cidadão”.

A situação tem gerado a especulação de que Mauro já teria cogitado sair do DEM e se filiar ao Aliança pelo Brasil, partido que está em processo de fundação pelo presidente Jair Bolsonaro. Nos bastidores, a informação é que o democrata chegou a ser convidado para liderar o novo partido, em Mato Grosso. “Puríssima especulação política. Em nenhum momento, a partir de quando entrei no DEM, eu fiz meia cogitação de sair do partido”, pontua.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Januário | Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020, 12h54
    1
    0

    E como é a relação de isonomia entre os servidores dos três Poderes com relação a RGA? Dois recebem e um não. Aí tá tudo certo? Dois pesos e duas medidas seu mentiroso.

Matéria(s) relacionada(s):

Apto, ex-prefeito vai disputar Chapada

gilberto mello 400 curtinha   O ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (foto), contesta registro no Curtinhas, citando que ele estaria inelegível por responder a alguns processos e ter amargado condenações pela Justiça - saiba mais aqui. Filiado ao PL e disposto a ir à...

PT-Cuiabá sugere disputa ao Senado

bob pt 400 curtinha   Em resolução do diretório de Cuiabá, aprovada nesta quinta após discussões ampliadas, o PT municipal, presidido por Bob Almeida (foto), decidiu recomendar à Executiva Estadual o projeto de candidatura própria ao Senado. O documento dispara críticas tanto ao Governo...

Prefeituras agora pagam 27% de TIP

neurilan fraga 400 curtinha   A reforma tributária do governo estadual, aprovada pelos deputados, incluiu 27% de taxa de iluminação pública. Antes eram isentos. Com a cobrança do tributo, a conta de energia das prefeituras vai às alturas. A fatura de Cuiabá vencida em 28 de dezembro, por exemplo, foi...

Vereadores, Tapurah, reajuste e férias

odair tapurah vereador curtinha 400   Em Tapurah, no Nortão, com menos de 15 mil habitantes, seus nove vereadores iniciam o 2020 com salário reajustado em 4,48%, seguindo a tabela do INPC. Mesmo ainda em férias, eles vão receber já na folha de janeiro R$ 5,8 mil cada. No caso do presidente Odair César Nunes...

Vereador, reunião e apoio a músicos

diego guimaraes curtinha 400   Músicos e representantes da Prefeitura de Cuiabá sentaram à mesa nesta quinta, na Câmara Municipal, para tentar resolver impasse sobre horário de funcionamento e volume do som nos estabelecimentos e também estudar ajustes na lei do Disk-Silêncio. O presidente da...

Antes, durante e depois de Bolsonaro

wilson kero-kero 400 curtinha   O vereador pela Capital, Wilson Kero-Kero (foto), que era do SD e se filiou ao PSL em 2015, muito antes da chegada do hoje presidente Bolsonaro, vai aproveitar a janela de março e pular para o Podemos. Isso não quer dizer que ele deixará de defender o governo do capitão. Assegura que...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.