ELEIÇÕES 2020

Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2020, 18h:21 | Atualizado: 21/01/2020, 10h:53

PLEITEANDO SENATÓRIA

Pivetta ressalta trabalho de Selma e diz que Senado é melhor lugar para servir MT

Rodinei Crescêncio

Otaviano Pivetta

O vice-governador Otaviano Pivetta durante coletiva à imprensa no Palácio Paiaguás

O vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) avalia que após mais de 20 anos de vida pública - tendo sido prefeito de Lucas do Rio Verde por 3 mandatos não consecutivos e deputado estadual por um mandato -, não encontra outro lugar onde possa servir melhor a Mato Grosso do que no Senado. Com essa intenção, Pivetta se coloca como virtual pré-candidato a vaga que será deixada pela senadora cassada Selma Arruda (Pode) e se projeta como o candidato do “muda Senado”, das reformas estruturantes e do "mais Brasil e menos Brasília".

“Vejo que não vamos avançar sem as importantes reformas que o Brasil precisa. Quero ser um senador reformista, do muda Senado. Por isso, decidi que nessa altura da vida que estou, não existe lugar melhor para servir Mato Grosso do que no Senado”, diz o vice-governador em entrevista ao jornal Notícia de Frente, da TV Vila Real, na manhã desta segunda (20).

Pivetta diz que quer ser senador para acelerar as reformas que considera como necessárias para o país, tais como a política, a tributária e o novo pacto federativo. Outro tema que o pretenso candidato quer dar continuidade é no projeto que garante a prisão após julgamento em segunda instância, pauta que foi amplamente defendida por Selma, antes da cassação do mandato pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Em relação a ruptura do mandato de Selma, Pivetta diz ter simpatia pela senadora e que sua saída do cenário político é “uma grande perda para Mato Grosso e para o Brasil”. Ele pontua que se sentia bem representado pela juíza aposentada, mas que após sua cassação, decidiu disputar o pleito suplementar.

“Já vivi o bastante para saber que precisamos encarar esses problemas que o Brasil vem enfrentando, como acabar com a corrupção, acabar com os privilégios, desburocratizar o setor público, melhorar os serviços que o Estado tem que fazer”.

Apoio de Mauro

Diante de um cenário no qual pelo menos quatro partidos que compõem a base de aliança do governador Mauro Mendes (DEM) devem lançar candidatos ao Senado, o vice-governador diz acreditar que na hora certa o democrata tomará a decisão sobre quem deve apoiar, ou se manterá neutro nesta disputa suplementar. Dentre os aliandos, o PDT terá Pivetta na disputa, o PSD com Carlos Fávaro, o DEM com Júlio Campos e o MDB que ainda não definiu nome. Alguns dos aliados, como é o caso do deputado federal Carlos Bezerra (MDB), avalia que o melhor é Mauro se manter neutro em relação à disputa suplementar. 

“Eu não vou botar pressão. Ele (Mauro) vai saber na hora certa, quem será a melhor proposta para Mato Grosso. Ele vai saber avaliar isso, e eu estou muito tranquilo. Essa diversidade de possíveis candidaturas demonstra a confusão que é o período prévio de uma eleição. Mas acho que ninguém pode passar vontade. A lei permite que você sendo eleitor, não tendo condenação, filiado a um partido, possa ser candidato. É um momento no qual talvez é possível existir dezenas de candidaturas”.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • andreia | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 08h21
    3
    0

    e Vice Governador não é um bom lugar para servir o povo? Infelismente tem trouxa que ainda acredita nesse bla bla bla...

Carta de Abicalil cita traição de Lúdio

carlos abicalil 400 curtinha   Carlos Abicalil (foto), ex-federal e hoje assessor do deputado Valdir Barranco, demonstra até hoje estar "atravessado" com Lúdio Cabral por causa da traição política de 2010. Na época, mesmo o PT o tendo lançado ao Senado, Lúdio, ex-vereador por Cuiabá e...

Júlio apoiou Bolsonaro pra varrer o PT

julio campos 400 curtinha   Júlio Campos (foto), pré-candidato a senador pelo DEM, diz que em 2018 não só votou em Bolsonaro, como participou de carreata e vestiu camisa com as cores verde e amarela em apoio à candidatura do capitão. Lembra que estava convicto naquele momento de que era preciso varrer o PT...

Já com apoio de mais de 50 prefeitos

otaviano pivetta 400 curtinha   Otaviano Pivetta (foto) não para nas articulações políticas. E, se apoio elevado de prefeitos vier a ser decisivo, ele será eleito senador na suplementar de 26 de abril. Dos 141 gestores municipais do Estado, mais de 50 já anunciaram que estarão no palanque do...

Grupo de EP e Kleber pra marketing

kleber lima 400 curtinha   O grupo do prefeito Emanuel Pinheiro decidiu abrir diálogo com o jornalista e marqueteiro Kleber Lima (foto), visando o pleito de outubro. Não há mais resistência a uma possível contratação de Kleber, independente de quem o grupo lançar ao Palácio Alencastro,...

Prefeito coloca secretarias em alerta

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro (foto) colocou em estado de alerta a Defesa Civil e as secretarias municipais de Obras e Serviços Urbanos por causa da chuva torrencial que caiu neste sábado em Cuiabá. Em vários locais, inclusive na região central, como em frente à praça...

Jovem prefeito à reeleição e os Maia

gustavo melo 400 curtinha   Em Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), o mais jovem dos 141 prefeitos mato-grossenses - completa 36 anos no próximo 26 de junho -, está disposto a buscar a reeleição pelo PSB. Mas carrega forte desgaste. O que traz certo conforto para Gustavo é o fato de Maia Neto, que comandou o...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.