ELEIÇÕES 2020

Terça-Feira, 01 de Dezembro de 2020, 11h:32 | Atualizado: 01/12/2020, 19h:27

VOTOS CONGELADOS

Possível recontagem em Cuiabá pode tirar sargento e colocar bispo na Câmara

O Patriota tem três candidatos a vereador que buscam descongelar cerca de 600 votos da eleição municipal em Cuiabá. Se os recursos dos registros de candidatura forem deferidos pela Justiça Eleitoral, o cálculo do número de cadeiras na Câmara mudaria, tirando Sargento Joelson (SD) e dando vaga ao bispo Aroldo Telles Leite (Patri).

Reprodução

Aroldo Leite Telles

Aroldo Telles pode ser beneficiado com a inclusão dos votos de três candidatos do Patriota

Pelo cálculo atual do quociente eleitoral e das sobras, o Patriota fez uma cadeira, que deve ser ocupada pelo vereador eleito Kassio Coelho. Ele recebeu 1.488 votos em 15 de novembro. O segundo mais votado pela sigla, Aroldo Telles, teve 1.358 votos. Enquanto isso, Joelson teve 2.199 votos, ocupando a única cadeira do Solidariedade.

 Ao , o bispo disse que já está em contato com um advogado próprio para entrar com uma ação rescisória com o objetivo de incluir no cálculo os votos dos três candidatos que o beneficiariam.

“Na verdade, nós ganhamos, mas estamos impedidos. Fizemos duas vagas e agora com esses votos congelados você fica neutralizado. Nossa expectativa é fazer Justiça. Diante dessa pandemia, a juíza levar com esse rigor todo os processos. Acho que precisa ter bom senso, razoabilidade, por que isso está nos prejudicando. Esses três candidatos foram para a urna, fizeram campanha, receberam votos, mas estão congelados”, declarou.

Os candidatos que tiveram os registros de candidatura indeferidos são: Piter Pedro Aquino, Zé Aparecido e Jonilson Jô. Desses, apenas Jonilson conseguiu entrar consta como "indeferido com recurso" contra a decisão que negou sua candidatura. Contudo, os três constaram na urna em 15 de novembro.

Reprodução

Sargento Joelson

O vereador Sargento Joelson foi reeleito pelo Solidariedade, mas pode ficar sem a vaga

A juíza Gabriela Carina Knaul de Albuquerque e Silva, da 39ª Zona Eleitoral, negou o registro de Jonilson pela falta de uma certidão criminal do Tribunal de Justiça. O candidato chegou a ser réu em uma ação penal, mas foi absolvido ainda na 1ª instância. Depois de ter o registro indeferido, Jonilson pegou a “certidão de pé” na 14ª Vara Criminal de Cuiabá e encaminhou à juíza eleitoral.

Em 19 de novembro, a magistrada deu três decisões similares não reconhecendo os recursos feitos pelo Patriota, por meio do secretário Elias Galli, mantendo a decisão de negar os três registros das candidaturas.

À reportagem, Jonilson Jô criticou o julgamento de seu registro de candidatura. Narrou que teve dificuldade para conseguir a certidão de que não respondia mais ao processo no Fórum de Cuiabá porque a 14ª Vara Criminal estava temporariamente fechada depois que uma funcionária testou positivo para Covid-19. Ele, porém, encaminhou a decisão, mas não teve decisão favorável antes do primeiro turno.

"A juíza pediu a certidão de pé. Eu levei a certidão, fizemos a servidora ir lá na Vara buscar, mas ela não julgou o recurso em tempo hábil. É uma situação muito ruim, né. Um monte de amigos me ligavam na sexta para perguntar se eu era candidato, prejudicou demais. Na urna estava com uma faixa amarela. Fiz 310 votos e com mais 145 ou 148 o Patriota teria mais uma vaga", afirmou.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • JEFERSON SILVA DE MATOS | Quarta-Feira, 02 de Dezembro de 2020, 10h59
    1
    0

    Sempre que posso, alerto à todos dos perigos de se eleger esses "religiosos" para qualquer coisa que for. São tão perigosos à democracia quanto eleger um esquerdista nato.

  • PAULO | Terça-Feira, 01 de Dezembro de 2020, 14h18
    20
    3

    Essa câmara está bem. Tem Pastor, agora um Bispo, falta o Belzebu porque Zé Pilintra ta sobrando. E tem aquele dos GATOS E CACHORROS. Podem começar a cobrar ingresso porque o picadeiro já está pronto. Se precisar tenho um bezerro de duas cabeças.

  • Adilson | Terça-Feira, 01 de Dezembro de 2020, 12h08
    19
    10

    Que seja feita justiça ....Gerou CNPJ permitindo aos candidatos a trabalharem nas eleições pedindo voto e sendo votados pela escolha democrática da população....e depois de tudo feito ....cabe considerar a votação destes guerreiros e sendo assim colocando o Aroldo Telles na Câmara.

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), paga uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados. O salário de desembargador é de R$ 35,4 mil. Entre os chamados penduricalhos pagos pelo...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.