ELEIÇÕES 2020

Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2020, 16h:58 | Atualizado: 13/02/2020, 17h:56

SUPLEMENTAR AO SENADO

Preferência do PSDB por Leitão incomoda Taques; tucanos tentam apaziguar ânimos

Rodinei Crescêncio

Nilson Leit�o e Pedro Taques

O ex-deputado federal Nilson Leitão discursa durante ato do PSDB na campanha de 2018 e é observado pelo ex-governador Pedro Taques

O primeiro ato do deputado estadual Carlos Avalone como presidente do PSDB de Mato Grosso, cargo que assumiu nessa quarta (12), foi procurar o ex-governador Pedro Taques para tentar acalmar o correligionário, que se sentiu desprestigiado com o aval do partido para o ex-deputado federal Nilson Leitão disputar a eleição suplementar ao Senado, marcada para 26 de março. Ocorre que Taques também tem interesse na vaga e considera que não teve a chance de sequer disputar a indicação partidária.

Avalone e Taques almoçaram juntos nesta quinta (23) no escritório de advocacia do ex-governador. O deputado estadual Wilson Santos, que é a liderança tucana mais próxima de Taques, também participou da reunião.

apurou que Taques argumentou que quando a senadora Selma Arruda foi cassada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) não tinha interesse na disputa. Entretanto, mudou de ideia quando teve acesso a uma pesquisa qualitativa em que apareceu bem colocado nas intenções de voto, apesar de ter sido derrotado em primeiro turno, ficando na terceiro colocação, ao tentar se reeleger governador em 2018.

Já Avalone e Wilson lembraram Taques que quando ele expressou o desejo de disputar do Senado, Leitão já tinha o aval do PSDB e já estava trabalhando para se viabilizar. Além disso, deixaram claro que o nome de Leitão é praticamente unanimidade entre os correligionários e uma disputa na convenção poderia resultar em vexame histórico.

“Na verdade, o Pedro sabe o desgaste que trouxe do Governo. Está querendo se valorizar. Viu nessa eleição suplementar, a oportunidade de ressurgir politicamente”, ponderou um dirigente do PSDB que pediu para não ser identificado.

Enquanto isso, Leitão segue firme nas articulações. O tucano afirma que tem o apoio de dirigentes da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), de ministros do Governo Bolsonaro, de pelo menos 50 prefeitos e de lideranças de outros partidos, como o líder do Governo na Assembleia Dilmar Dal Bosco (DEM).

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Oi? | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 14h35
    1
    0

    Puxa, coitado desse partido, que já teve em seus quadros parlamentar do naipe de Dante de Oliveira e outros em nível nacional. Será que não tem ninguém melhor? Alguém mais novo, menos contaminado?

  • Túlio | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 11h58
    6
    0

    O Nilson Leitão tinha que ter saído da base do governador Pedro Taques no meio do mandato, quando todos já percebiam sua alta rejeição. São dois queimados: Taques e Leitão. Taques não consegue se eleger sequer para prefeito, muito menos a senador.

  • Davi | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 11h55
    6
    0

    Fernando foram as escolhas do Pedro Taques que lhe conduziram àquela derrota vexatória. O erro do Nilson Leitão foi ter trazido o Taques para o PSDB.

  • José Carlos | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 09h37
    3
    1

    É uma pessoa muito má.

  • alexandre | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 08h37
    5
    1

    Quem é leitão na fila do pão ?

  • Mariozan | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 07h44
    10
    4

    Esse Pedro Taques, não tem condições nenhuma de peitar uma candidatura ao Senado, no seu discurso mentiroso que não deixaria ninguém para traz, mas fez ao contrário abandonou todos que o ajudou. AGORA resta o caminho do esquecimento.

  • Oiram Oicram | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 07h40
    3
    12

    Eu voto em Pedro Taques foi destaque no Senador igual a nossa Senadora Selma e

  • Eder Taques | Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 06h24
    11
    3

    Esse sujeito acha ainda que somos bobó chera chera? Arrogante e preprotente esse sujeito. Mesmo depois da surrada na eleição ainda acha que ganha? Somos parentes distantes e meu voto vc não tem.

  • Fernando | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2020, 23h42
    6
    1

    Nilson Leitão foi um dos principais responsáveis pela derrota vexatória do PSDB nas urnas em 2018. Como se não bastasse, prevendo que a então candidata Selma Arruda poderia deixá-lo para trás na coligação, armou desde o princípio para que ela sucumbisse, o que acarretou no afastamento dela da base do governador Pedro Taques. O resultado todos sabemos: o governador ficou ainda mais fragilizado, distante do apoio legítimo do candidato Bolsonaro e dos votos da juíza (Moro de saias), o levando a um terceiro lugar histórico nas eleições. Leitão foi um traidor do governador e dos companheiros. Não merece uma segunda chance. A política ama a traição, mas odeia traidores! Fora Leitão! E leve consigo a corja de puxa sacos manipulados e corruptos consigo!

  • joaoderondonopolis | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2020, 18h53
    5
    15

    Candidato ao senado tem que ser o ex-deputado federal Nilson Leitão. É leitão e mais ninguém. Parabéns PSDB pela escolha.

Partidos acirram disputa a vice de Léo

leonardo 400 curtinha   Em Primavera do Leste, o prefeito emedebista Léo Bortolin (foto), um dos mais bem avaliados gestores mato-grossenses, convive com uma disputa acirrada de pretendentes ao cargo de vice-prefeito de sua chapa. A corrida por novo mandato está tão confortável que Léo praticamente não tem...

MDB e PRB devem se juntar em ROO

luizao 400 curtinha   Ao menos dois blocos de oposição em Rondonópolis estão levando a sério a observação do ex-governador e ex-senador Blairo Maggi, para quem Zé do Pátio ganharia a reeleição numa boa se o município tiver várias candidaturas. Ou seja, quanto...

Parlamentares numa disputa cômoda

thiago silva 400 curtinha   Parlamentares que estão se aventurando na disputa a prefeito nada têm a perder. Não precisam nem se afastar dos mandatos para concorrer ao pleito. Em caso de derrota nas urnas de novembro, continuam com suas cadeiras garantidas até 2022 (situação de estadual e federal) e...

Sob recall e apoiamento de Bolsonaro

roberto franca 400 curtinha   Mesmo isolado e sem grupo político da época em que foi prefeito por duas vezes, Roberto França (foto), filiado ao nanico Patriota, não desiste da pré-candidatura em Cuiabá. E há um motivo forte que o deixa empolgado. Seu nome vem se consolidando como o segundo nas...

Prejuízos para Acorizal de R$ 753 mil

clodoaldo monteiro 400 curtinha acorizal   O conselheiro interino Moisés Maciel concedeu medida cautelar proposta pela secretaria de Controle Externo de Contratações Públicas do TCE, suspendendo de imediato um termo de parceria, em vigor desde 2017, entre a prefeitura de Acorizal e a Oscip Iso Brasil. Foi descoberto...

"Eu não devo um centavo para Júlio"

sergio rezende 680   O empresário e ex-vereador de Chapada dos Guimarães, Sergio Rezende (foto), que foi "enquadrado" pelo cacique político do DEM, Júlio Campos, reagiu, mas sem as críticas duas de antes contra o ex-governador. Irritado pelos ataques feitos por Rezende em um grupo de WhatsApp, Julio gravou um...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.