ELEIÇÕES 2020

Domingo, 09 de Fevereiro de 2020, 11h:21 | Atualizado: 10/02/2020, 11h:32

SINOP

Yanai está otimista com candidatura de Medeiros e acredita no apoio de Selma

Dayanne Dallicani

Jorge Yanai

Médico Jorge Yanai, uma das lideranças do Podemos, em visita ao , onde falou sobre a candidatura de José Medeiros e um suposto apoio de Selma 

O médico Jorge Yanai, pré-candidato a prefeito de Sinop (a 503 km ao Norte de Cuiabá) pelo Podemos, está otimista quanto à possível candidatura do deputado federal José Medeiros (Podemos) ao Senado na eleição suplementar marcada para 26 de abril. Afirma que o trabalho desempenhado nos quatro anos como senador e a atuação no primeiro ano na Câmara dos Deputados o credenciam para vencer o pleito.

“Avalio com muito otimismo a pré-candidatura do Medeiros, que tem uma experiência muito grande no Senado e teve uma votação gigantesca para deputado federal quando todos diziam que seria muito difícil se eleger. Isso é fruto do trabalho no Senado Federal. Ele era criticado, mas manifestava a vontade da grande maioria do povo. Colocou Mato Grosso no cenário nacional quando disputou a presidência do Senado contra a velha política. Esse é o modelo de político que a população quer”, disse Jorge Yanai em vista ao .

Medeiros, que era suplente do ex-governador Pedro Taques (PSDB), assumiu o Senado em 2014, quando o tucano foi eleito para o Governo do Estado. Como senador, se destacou combatendo a esquerda e defendendo o impeachment da ex-presidente da República Dilma Rousseff (PT). Sem conseguir viabilizar a reeleição, concorrer a deputado federal e foi o segundo mais votado em 2018, com 82.528 votos.

Jorge Yanai também lembra que Medeiros está se destacando na Câmara dos Deputados como vice-líder do presidente da República Jair Bolsonaro. Avalia ainda que a defesa contundente do governo, muitas vezes com polêmicas nas redes sociais, tem resultado em respaldo junto à população.

“O Medeiros apoia o Governo Bolsonaro, que atravessou 2019 sem escândalos de corrupção. Conquistou seu espaço por falar a verdade e tem o apoio do Podemos, que fará tudo para que seja eleito. O apoio que esperamos é do eleitor. Estou bastante otimista”, completou.

Sobre a possibilidade da senadora cassada Selma Arruda (Podemos) apoiar o vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) ao invés de Medeiros na disputa pelo Senado, Jorge Yanai acredita que a fidelidade partidária prevalecerá. Em sua opinião, Selma acabará pedindo votos para o correligionário e será fundamental para a vitória nas urnas.

“Tenho certeza que na hora certa a senadora vai apoiar o candidato do Podemos. Selma criou um vinculo muito grande dentro do partido e dará o apoio ao Medeiros. Se pudesse se candidatar, faria mais votos que em 2018”, concluiu.

Devido o possível apoio a Pivetta, o filiado ao Podemos Hélio Silva representou pela expulsão de Selma por infidelidade partidária e descompostura ética. Em resposta, a senadora negou o apoio ao pedetista e chamou o correligionário de mau caráter e pulha.

A cadeira que será disputada em 26 de abril vagou a partir da cassação da senadora Selma   por abuso do poder econômico e caixa 2 na eleição de 2018, confirmada pelo TSE em dezembro.  Já o presidente do Senado Davi Alcolumbre (DEM-AP) declarou que não tem prazo para que seja declarada a vacância do cargo ocupado pela representante de Mato Grosso.

Na semana passada, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, determinou em caráter liminar que Fávaro, que foi terceiro colocado nas eleições de 2018, assuma até a realização da eleição suplementar. A defesa de Selma recorre da decisão.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

A bronca de Saad com Wilson Santos

ricardo saad curtinha 400   O vereador Ricardo Saad (foto), presidente do PSDB da Capital, resolveu disparar a metralhadora verbal contra colegas tucanos. Sobre o ex-prefeito e hoje deputado Wilson Santos, considera que este nada fez para ajudar o partido a se reestruturar, visando as eleições de outubro. Mesmo sendo vice-presidente...

Janela tira muitos políticos do calvário

gilberto figueiredo curtinhas   O fechamento da janela partidária, que encerrou-se no último sábado, dia 4, marcou o fim de um longo calvário aos partidos, que tiveram que suportar em seus quadros políticos que não estavam mais de “alma”, mas somente de “corpo”. Na Câmara...

Só 2 vereadores não vão à reeleição

felipe wellaton curtinha 400   Apenas dois entre os 25 parlamentares cuiabanos não vão buscar a reeleição. O licenciado Gilberto Figueiredo, que trocou o PSB pelo DEM, quer concorrer a prefeito, assim como Felipe Wellaton (foto), que até trocou de partido, saindo do PV e agora no Cidadania. Pretende disputar...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.