BASTIDORES

Sachetti e Pivetta querem Eraí ao Governo e se juntam a senador

Do PDT, Sachetti e Pivetta se unem a Maggi e querem Eraí ao Governo

Foto: Arthur Monteiro -- Pedro Taques, pré-candidato ao Governo, começa a ficar isolado no próprio PDT   Companheiros da cúpula regional do próprio PDT levaram Pedro Taques ao forno e já começaram a fritá-lo. O ambiente escolhido para fechar o combinado foi o tradicional restaurante Okada, no CPA, em Cuiabá. Ali, há cerca de 12 dias, se reuniram os pedetistas Otaviano Pivetta e Adilton Sachetti e o senador Blairo Maggi (PR). Avaliaram que os segmentos do agronegócio deveriam se unir em busca de alternativa de poder em Mato Grosso e que essa via não poderia ser Taques.

   O trio “costurou”, então, entendimento para jogar na fogueira o nome do primo de Blairo, Eraí Maggi, que não estava presente, mas sabia das articulações.

   Na retaguarda estava também o prefeito rondonopolitano Percival Muniz (PPS). Todos se dizem aliados do pedetista, mas, nos bastidores, buscam isolá-lo. Querem entrar em outro barco rumo ao Palácio Paiaguás.

   A primeira ação seria a saída de Eraí da legenda pedetista. E assim o “rei da soja” procedeu. Este Blog apurou que, na ótica do grupo, Taques ficará sozinho porque é um parlamentar de difícil relacionamento político, representa oposição ao governo Dilma Rousseff e não ajuda o agronegócio. Embora estejam em partidos e até grupos diferentes, Pivetta, Maggi, Eraí, Percival e Sachetti têm interesses em comum. São do agronegócio e pelo setor são capazes de, no jogo político, matar ou morrer abraçados.

   Nos bastidores, eles comentam que precisam se unir para eleger um governador que esteja sintonizado com o Palácio do Planalto com vistas a buscar resolver questões que travam o desenvolvimento, principalmente de infraestrutura. Como entendem que Taques não tem esse perfil, passaram a criar ambiente para Eraí Maggi encarar candidatura ao governo estadual. Aos poucos, assim que consolidá-lo, vão abandonar Taques, fazer o chamado corpo mole ou até atravessar a campanha eleitoral em posição de “neutralidade”.

   Num combinado com os pedetistas Pivetta e Sachetti e também apoiado por Percival, Maggi tratou de colocar Eraí frente a frente com a presidente Dilma durante visita da petista a Rondonópolis, no último dia 19. A conversa rápida não foi suficiente e Eraí seguiu no avião presidencial para Brasília. Se empolgou com o incentivado recebido da presidente. Ele avalia cinco opções de filiação: PTB, PSB, PSD, PMDB e PR.

   Até o prefeito cuiabano Mauro Mendes ofereceu abrigo a Eraí no PSB, embora entenda que essa cooptação será difícil de conseguir por causa da conjuntura nacional, já que o PSB se firma como oposição e com Eduardo Campos como provável candidato à Presidência. Eraí tem 12 dias para decidir o novo partido. Sua entrada no páreo, sob empurrão dos segmentos do agronegócio, mexeu com o tabuleiro político e, Taques que vislumbrava caminho livre rumo ao Paiaguás, começa a ficar cabreiro, tanto dentro do PDT, porque muitos já não defendem-no como antes, como com o surgimento de possíveis concorrentes de peso, como Eraí e o juiz federal Julier Sebastião da Silva, que ainda segue de “namoro” com o PT e PMDB.

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.