Eleições 2010

Yanai deixa cadeira de Goellner e garante que já mostrou trabalho

Jorge Yanai (DEM)   Eleito em 2002 como terceiro suplente do senador Jonas Pinheiro, Jorge Yanai (DEM), que neste ano teve a oportunidade de assumir a vaga por quatro meses, agora tenta voltar ao Congresso como titular, já que é um dos sete candidatos de Mato Grosso ao Senado. Seu mandato terminou na última quinta (9), quando o segundo suplente, Gilberto Goellner, que estava afastado por licença médica, retornou ao cargo. Ele era, até então, o único concorrente à senatória que já estava ocupando a vaga. Agora, a 20 dias das eleições, Yanai acredita que sua saída do Senado não prejudique seu desempenho nas urnas. “Setembro é um mês do chamado recesso branco, não são votados projetos e a presença não é obrigatória, portanto, não faz diferença nenhuma estar lá ou não”, explicou. Mesmo como senador, ele não conseguiu deslanchar nas pesquisas de intenção de voto, figurando na quinta colocação - veja aqui.

   Em seu programa eleitoral gratuito veiculado no rádio, na manhã desta segunda (13), Yanai demonstra que o tempo que permaneceu no Senado foi suficiente para atestar sua capacidade de trabalho e conquistar amizades. Neste sentido, uma das lideranças que gravaram apoio para seu horário eleitoral foi a senadora Kátia Abreu (DEM-TO), que chegou a ser um dos principais nomes cotados para concorrer à vice-Presidência da República ao lado do candidato tucano José Serra.

   Yanai ficou marcado como o primeiro senador de origem japonesa a tomar posse no Congresso e avalia que o período foi bastante produtivo. De acordo com ele, seu desempenho foi pautado por apresentações de projetos de leis e a briga pelos modais de Mato Grosso e questões sociais, principalmente na área da saúde. “Fiz um trabalho importante, a altura de quem ocupa a cadeira de Jonas Pinheiro”. Ele defende que o conhecimento que adquiriu neste tempo o ajudará bastante num eventual retorno ao Senado. “É importante que Mato Grosso me reconduza ao cargo”, destaca.

  Com uma campanha mais tímida, sem ataques incisivos aos adversários, contudo, o suplente de senador não ficou de fora das principais temáticas que envolvem a disputa. Em seu último programa eleitoral veiculado na televisão, por exemplo, Yanai fez questão de deixar claro seu posicionamento sobre o aborto, tema que tomou conta da corrida ao Senado.

   Para tentar se consolidar entre os eleitores, ele aposta no fato de ser o único representante do interior e, apesar de já ter desfrutado do mandato pleiteado, ser associado à renovação no cenário. “Sou conhecedor do Estado, sei das dificuldades do interior, das diferenças entre as regiões, mas também de suas necessidades em comum. Considero-me o novo dentro da política”, ressaltou.

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...

Estado paga os servidores nesta 6ª

mauro mendes 400 curtinha   Servidores do Estado recebem salário de fevereiro hoje, dentro do mês trabalho. É a sexta vez seguida que o governador Mauro Mendes consegue pagar a folha dos ativos, inativos e pensionistas antes da virada do mês, depois de promover reformas, redução da máquina e...

Sistema de saúde sob colapso em ROO

Em Rondonópolis, cidade-polo da região Sul, que abrange 17 municípios, não há mais leitos de UTI para socorrer pacientes em quadro grave de Covid-19. Todos os 30 do hospital Santa Casa estão ocupados, inclusive um leito de UTI reservado para atender outros casos, acabou destinado para paciente com o novo coronavírus. Há 10 leitos de UTI no Hospital Regional e todos também estão lotados. Várias pessoas em...

Deputado, Mesa da AL e incoerência

claudinei 400   Claudinei Lopes (foto), delegado de polícia que, na onda Bolsonaro, se elegeu deputado pelo PSL, em 2018, se mostra cada vez mais incoerente. É daqueles que gostam de levantar polêmicas e críticas, mas sem consistência. Ele se manifestou, por exemplo, contra a reeleição à Mesa...