Eleições 2010

Yanai deixa cadeira de Goellner e garante que já mostrou trabalho

Jorge Yanai (DEM)   Eleito em 2002 como terceiro suplente do senador Jonas Pinheiro, Jorge Yanai (DEM), que neste ano teve a oportunidade de assumir a vaga por quatro meses, agora tenta voltar ao Congresso como titular, já que é um dos sete candidatos de Mato Grosso ao Senado. Seu mandato terminou na última quinta (9), quando o segundo suplente, Gilberto Goellner, que estava afastado por licença médica, retornou ao cargo. Ele era, até então, o único concorrente à senatória que já estava ocupando a vaga. Agora, a 20 dias das eleições, Yanai acredita que sua saída do Senado não prejudique seu desempenho nas urnas. “Setembro é um mês do chamado recesso branco, não são votados projetos e a presença não é obrigatória, portanto, não faz diferença nenhuma estar lá ou não”, explicou. Mesmo como senador, ele não conseguiu deslanchar nas pesquisas de intenção de voto, figurando na quinta colocação - veja aqui.

   Em seu programa eleitoral gratuito veiculado no rádio, na manhã desta segunda (13), Yanai demonstra que o tempo que permaneceu no Senado foi suficiente para atestar sua capacidade de trabalho e conquistar amizades. Neste sentido, uma das lideranças que gravaram apoio para seu horário eleitoral foi a senadora Kátia Abreu (DEM-TO), que chegou a ser um dos principais nomes cotados para concorrer à vice-Presidência da República ao lado do candidato tucano José Serra.

   Yanai ficou marcado como o primeiro senador de origem japonesa a tomar posse no Congresso e avalia que o período foi bastante produtivo. De acordo com ele, seu desempenho foi pautado por apresentações de projetos de leis e a briga pelos modais de Mato Grosso e questões sociais, principalmente na área da saúde. “Fiz um trabalho importante, a altura de quem ocupa a cadeira de Jonas Pinheiro”. Ele defende que o conhecimento que adquiriu neste tempo o ajudará bastante num eventual retorno ao Senado. “É importante que Mato Grosso me reconduza ao cargo”, destaca.

  Com uma campanha mais tímida, sem ataques incisivos aos adversários, contudo, o suplente de senador não ficou de fora das principais temáticas que envolvem a disputa. Em seu último programa eleitoral veiculado na televisão, por exemplo, Yanai fez questão de deixar claro seu posicionamento sobre o aborto, tema que tomou conta da corrida ao Senado.

   Para tentar se consolidar entre os eleitores, ele aposta no fato de ser o único representante do interior e, apesar de já ter desfrutado do mandato pleiteado, ser associado à renovação no cenário. “Sou conhecedor do Estado, sei das dificuldades do interior, das diferenças entre as regiões, mas também de suas necessidades em comum. Considero-me o novo dentro da política”, ressaltou.

Joaninha se afasta da Câmara de Sinop

joaninha 400 sinop vereador curtinha   O vereador por Sinop Joaninha (MDB), conforme a coluna Curtinhas adiantou, se licenciou do cargo por 60 dias para se recuperar do acidente que sofreu durante manobra na Competição Duelo de Motos, em Atibaia (SP). Enquanto isso, o suplente Mauro Garcia (MDB), ex-secretário de...

Manifestação de apoio deles para ele

elizeu nascimento 400 curtinha   Mesmo com o apoio dos deputados Elizeu Nascimento (foto), Xuxu Dalmolin e Ulysses Moraes que levaram até assessores, em pleno horário de expediente, a manifestação pró-Abílio na Câmara de Cuiabá foi considerada fraca. Investigado por quebra de decoro...

TCE cria estrutura para atender a AL

maluf 400 curtinha   A Assembleia Legislativa saiu de Guilherme Maluf (foto), mandando-o para o TCE, mas ele não saiu da AL. Alçado à presidência com menos de um ano na cadeira vitalícia, Maluf acaba de criar uma assessoria parlamentar para promover o intercâmbio com as comissões da AL e ainda um...

Cassação de Abílio depois do Carnaval

abilio junior 400 curtinha   Por mais que Abílio Júnior (foto) implore e grite por socorro, na esperança de escapar da cassação, inclusive se colocando como vítima de perseguição política, perderá mesmo mandato. Mas isso só vai ocorrer após o Carnaval. A...

PGR monitora delação de ex-deputado

jose riva 400 curtinha   Membros do alto escalão da Procuradoria-Geral da República, que rejeitou a proposta de delação de José Riva (foto) na esfera federal por causa de omissão de crimes, estão monitorando os bastidores do acordo de colaboração, agora entre o Ministério...

Fritado no PDT e buscando o Aliança

antonio galvan 400 curtinha   Fritado no PDT, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), pretende agora procurar espaço em um partido considerado de direita. E está se movimentando para assumir em MT o comando do Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado pelo presidente Bolsonaro. O sojicultor se mostra,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.