Educação

Prefeito abre concurso para 1.278 vagas e descarta fraudes

Prefeito abre concurso para 1.278 vagas e descarta risco de fraudes

   O pré-candidato tucano Wilson Santos jura que não fará denuncismo ou críticas duras ao governo Blairo Maggi mas, nesta mesma quarta, durante lançamento do terceiro concurso de sua gestão, já deu um "tapa de pelica" na administração estadual. Ao falar sobre a escolha da UFMT para organizar e executar a realização do concurso da Prefeitura de Cuiabá, o prefeito disse que escolheu a instituição porque nunca em sua história teve algum certame cancelado ou, sequer, colocado sob suspeita. Anunciou abertura de 1.278 vagas somente para a área de educação. "Nunca li uma linha sequer em algum jornal questionando as provas feitas pela UFMT. É caro, mas escolhemos essa universidade porque sabemos da sua seriedade", afirmou Wilson, sem mencionar o fiasco em que se transformou a primeira tentativa do governo estadual em aplicar, em 22 de novembro, o maior concurso público do país, com 274 mil inscritos para 10.086 vagas. O concurso foi adiado para este começo do ano. Será feito em três etapas.

   Prestes a renunciar ao mandato para concorrer ao Paiaguás, Wilson conta que e 2007 promoveu concurso para mais de mil vagas em todos os setores e em 2008 realizou outro para 500 vagas na Sanecap e, agora, lança o certame para a educação. "Nas três oportunidades, a UFMT organizou e eu não tenho nada a reclamar". Segundo o prefeito, o concurso custará R$ 1,1 milhão aos cofres públicos. A prefeitur vai custear toda as isenções, que devem ficar em torno de 70% do número de inscritos.

    Wilson garante que as pessoas que passarem nas provas serão convocadas no segundo semestre. Assegura que não vai haver muito impacto na folha de pagamento. "Vamos subistituir os contratados por servidores efetivos, já temos essa demanda", pontua. Com um orçamento de cerca de R$ 182 milhões, o secretário de Educação Carlos Carlão tem à disposição cerca de 4,4 mil servidores. Administra 47 creches e 97 escolas. Ele deve deixar o posto em abril para disputar cargo de deputado estadual. Em seu lugar assume o hoje adjunto e ex-vereador Permínio Pinto.

    O período de inscrição do concurso vai de 25 a 30 de janeiro. As provas serão feitas em 7 de março. Quem quiser participar pode fazer inscrição nas agências dos Correios ao custo de R$ 40 para nível médio e médio técnico e, R$ 60,  no caso de nível superior. Desempregados e doadores de sangue estão isentos do pagamento da taxa. O edital está disponível nos sites da prefeitura (www.cuiaba.mt.gov.br) e no da UFMT (www.ufmt.br/concursos).

    A UFMT vai disponibilizar 20 pessoas para elaborar as provas. Todo o procedimento será feito dentro de uma sala especial, monitorada por câmeras para que não hajam fraudes. O número de fiscais e coordenadores, bem como os horários de prova só serão definidos após o término do prazo de inscrições pelo fato de depender do número de inscritos. O salário oferecido é de R$ 525 para médio e R$ 1,1 mil para nível superior. Os cargos a serem providos são de professor do ensino fundamental (pedagogia, educação e música); técnico em desenvolvimento infantil; técnico em administração escolar; técnico em nutrição escolar (merendeira); técnico em manutenção de infraestrutura (vigilante) e técnico em manutenção de infraestrutura (serviços gerais).

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...

Estado paga os servidores nesta 6ª

mauro mendes 400 curtinha   Servidores do Estado recebem salário de fevereiro hoje, dentro do mês trabalho. É a sexta vez seguida que o governador Mauro Mendes consegue pagar a folha dos ativos, inativos e pensionistas antes da virada do mês, depois de promover reformas, redução da máquina e...

Sistema de saúde sob colapso em ROO

Em Rondonópolis, cidade-polo da região Sul, que abrange 17 municípios, não há mais leitos de UTI para socorrer pacientes em quadro grave de Covid-19. Todos os 30 do hospital Santa Casa estão ocupados, inclusive um leito de UTI reservado para atender outros casos, acabou destinado para paciente com o novo coronavírus. Há 10 leitos de UTI no Hospital Regional e todos também estão lotados. Várias pessoas em...

Deputado, Mesa da AL e incoerência

claudinei 400   Claudinei Lopes (foto), delegado de polícia que, na onda Bolsonaro, se elegeu deputado pelo PSL, em 2018, se mostra cada vez mais incoerente. É daqueles que gostam de levantar polêmicas e críticas, mas sem consistência. Ele se manifestou, por exemplo, contra a reeleição à Mesa...

Dilmar ensaia disputa para federal

dilmar dal bosco 400   Todos os deputados estaduais querem buscar a reeleição, com exceção de Dilmar Dal Bosco (foto), que está no terceiro mandato. Integrante da nova Mesa Diretora da Assembleia, como primeiro-vice-presidente, e líder do Governo Mauro, Dilmar não esconde o desejo de disputar cadeira...