ENTREVISTA ESPECIAL

Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 13h:34 | Atualizado: 10/10/2019, 13h:44

Petista acredita na reestruturação do PT e derrota do bolsonarismo pelos municípios

Bob iniciou militância na Pastoral da Juventude e defende 3ª via contra Emanuel em Mauro nas eleições

Rodinei Crescêncio/Arte/Rdnews

Bob Almeida

 

Assessor do deputado estadual Lúdio Cabral, Bob Almeida derrotou o chamado campo majoritário do PT e se elegeu presidente do Diretório de Cuiabá com a missão de conduzir o partido no desafio de reconquistar representação na Câmara de Cuiabá e articular uma candidatura a prefeito de centro-esquerda, capaz de se colocar como terceira via diante do prefeito Emanuel Pinheiro (PT) e do grupo político do governador Mauro Mendes (DEM). Militante do PT desde 2003, iniciou sua trajetória nas comunidades eclesiais de base da Igreja Católica e reconhece que o partido precisa consolidar o processo de reaproximação com as bases populares. Por isso, se propõe a dirigir o PT junto com movimentos sindicais e sociais, entre eles os movimentos LGBTI+, mulheres e negros. Também promete usar a política como um instrumento para empoderar a classe trabalhadora.

Confira os principais trechos da entrevista:

Como iniciou sua trajetória no PT?

Em 1994 eu cheguei em Cuiabá, fui morar no Industriário e me chamaram para participar da Igreja Católica lá no Pascoal Ramos. Foi onde conheci a Pastoral da Juventude e a Teologia da Libertação. Eu tocava na missa, toquei por 19 anos, e fui coordenador do Grupo de Jovens, participei das coordenações da Paróquia. Em 2002, nos reunimos e chegamos à conclusão que era importante participar da vida política. Por isso, me filiei ao PT em 2003 e fui candidato a vereador no ano seguinte. Tive 1.075 votos. Também concorri em 2012 e fiz 705 votos. Minha ficha de filiação foi abonada pela Serys Slhessarenko, que não está mais no partido.

  Após o desgaste dos últimos anos,  você vislumbra a possibilidade do PT sair vitorioso nas eleições de 2020?

Hoje o PT tem se reorganizado, procurado ter mais contato com a base que por um período curto esteve distanciado lá da igreja, do bairro, do sindicato. Depois de muita conversa, muitas reuniões, o PT está se reoxigenando e muita gente está se filiando. Temos mais de dois milhões de filiados, sendo mais de 30 mil em Mato Grosso. Muitas lideranças nos procuram para se filiar e disputar as eleições. Então, quando nosso grupo decidiu lançar meu nome para disputar a presidência em Cuiabá, a motivação era essa. Sempre tivemos em torno de 28% dos votos, um pouco menos aqui no Estado. Podemos sim vencer as eleições do ano que vem.

Rodinei Crescêncio

Bob Almeida

Bob Almeida, eleito presidente do PT em Cuiabá, durante entrevista exclusiva ao jornalista Jacques Gosch, na sede do grupo Rdnews, nesta semana

A tese de que “a derrota do bolsonarismo começa nas cidades” ganha força no campo de centro-esquerda. Você acredita nisso?

Não só acredito como tenho vivenciado. Já tenho feito algumas conversas com pessoas que querem ser candidatas e o mais engraçado é que a gente vê na internet pessoas rasgando camisetas do Bolsonaro e essas pessoas que estão decepcionadas começam a procurar o PT, para dizer que foram enganadas, que as coisas não estão sendo como elas imaginaram, que ele pregou contra a corrupção e que a corrupção está dentro da família do presidente da República. Está tendo muita adesão ao partido, inclusive de pessoas que votaram no Bolsonaro. Nossa expectativa é eleger dois ou três vereadores na Capital. Essa onda conservadora, tenho impressão que já está refluindo.

Nesta legislatura o PT ficou sem vereadores em Cuiabá. Isso dificultou fazer oposição ao prefeito Emanuel Pinheiro?

Sem representante no Legislativo municipal, fica difícil fazer oposição. Mas a atual direção fez oposição ao atual prefeito de uma forma mais branda, mas fez. O PT sempre esteve nas ruas, nas praças, ocupando os espaços de manifestação. Sem dúvida é mais difícil. O PT sempre elegeu dois vereadores, já chegou a ter três. Por isso, estamos nos organizamos para reconquistar a bancada na Câmara de Cuiabá.

  O PT pode abrir mão da cabeça da chapa majoritária em nome da unidade da oposição na disputa pela Prefeitura de Cuiabá?

Rodinei Crescêncio

Bob Almeida

Bob Almeida, petista desde 2003, durante entrevista

Ganhei a presidência do PT de Cuiabá defendendo a tese da candidatura própria, mas já estamos conversando com outros partidos. Só tomo posse em 1º de janeiro, mas já falei com o Volney Albano, atual presidente, e avisei que estou fazendo conversas com os partidos para criar um bloco de oposição que não seja ligado ao governador Mauro Mendes nem ao prefeito. Queremos uma terceira via de centro-esquerda. Vamos conversar com PDT, Pros, PCdoB, sem falar de nomes, mas de um projeto para Cuiabá. O PT tem nomes como Lúdio Cabral, Carlos Abicalil, Rosa Neide, Edna Sampaio. Os aliados têm Fabrício Carvalho, Julier Sebastião, Gisela Simona, Maria Lúcia Cavalli Neder. Estamos começando essas conversas com partidos que querem caminhar juntos e apresentar um projeto para Cuiabá.

No processo de eleições internas, o PT ficou exposto com denúncias de fraudes em alguns municípios. Isso não prejudica a imagem do partido perante a sociedade?

A direção estadual está tomando as providências necessárias para averiguar. Confesso que não tenho acompanhado de perto os recursos. Desde que fui eleito presidente do PT de Cuiabá, tenho uma agenda bem intensa. Tem que ser averiguado. No final, vai ser esclarecido e quem tiver que ser punido, vai ser punido.

Você tem esperança que Lula deixe o sistema prisional inocentado?

Nós defendemos a inocência de Lula desde que começaram as acusações. Dia 27, que é o aniversário do presidente, está sendo programado um ato Lula Livre lá no Pedra 90. Não acreditamos que o Judiciário vai fazer isso. É a mobilização popular que vai defender a dignidade do Lula, que é um preso político. Isso está sendo comprovado pelas reportagens do The Intercept. Acreditamos na Justiça, mas esperamos mais da mobilização popular. A Justiça quer soltá-lo esse ano, mas de tornozeleira. Isso não vamos aceitar. Lula tem que sair inocentado.

Postar um novo comentário

Comentários (17)

  • lia | Sexta-Feira, 11 de Outubro de 2019, 14h08
    4
    18

    o PT é do povo... e povo esta clamando pelo nosso retorno... o trabalhador ja percebeu que esse desgoverno atual só esta governando para os ricos... não fez nada em beneficio dos pobres ou de baixa renda... nada....absolutamente nada... o povo não é mais bobo e sabe que quem fez ele sonhar e realizar esses sonhos foi o PT. TERRENOS...CASA...CARROS...MOTOS...FILHOS NA FACULDADE PELA PRIMEIRA VEZ.. EMPREGO AOS MILHÕES...VIAGENS .. LUZ PARA TODOS...MINHA CASA MINHA VIDA...FIES... E MAIS....MUITO MAIS... Tudo isso esta cravado nos corações e na memoria do povo brasileiro. passar benss um abraço pra o companheiro KACO DO CPA meu vereador pelo PT em 2020

  • marcos | Sexta-Feira, 11 de Outubro de 2019, 10h35
    20
    1

    OS comentários já resumiram que esse papinho do Tal de BOB não cola mais no BRASIL

  • Véio Joaquim | Sexta-Feira, 11 de Outubro de 2019, 10h02
    21
    1

    PT - NUNCA MAIS, DESTRUIU NOSSO BRASIL, MILHARES SEM EMPREGOS COM A PROMESSA DE AJUDAR. NENHUM GOVERNO AJUDA NINGUEM, TEM Q APENAS DEVOLVER SAUDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA A POPULAÇÃO. MAS O PT ROUBOU TUDO.

  • Carlinhos AF | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 22h35
    25
    2

    Ótimo pensamento, eu também acredito em saci Pererê, mula sem cabeça e na loira do banheiro, só não acredito em Lula inocente, prq aí eu seria a própria mula sem cabeça né gente. Enquanto tiver quem acredite nesse tipo aí, fazer oq né é a democracia. Roubaram entre eles mesmo uma eleição só dessa gente, imagina oq fizeram juntos né, nojo dessa gente esquerdista.

  • Alexandre | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 21h06
    23
    1

    Isso mesmo, Camila Rocha. FORCA pro pT. Tem q cortar o mal pelo pescoço. Nunca mais PT!!!

  • Elson Oliveira | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 20h03
    21
    1

    É sintomático... Todo petista tem o mesmo discurso! ACORDAAAA!!!

  • andreia | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 17h58
    1
    20

    se o dj lucio do cpa for candidato eu voto nele é tambem é um comunitario, participa de eventos na igreja católica da comunidade dele, vai ai dj tem meu voto e d minha falimia

  • MarcioDias De Melo | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 17h49
    4
    15

    É kako do CPA para vereador

  • Apolinário Usknov | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 17h19
    19
    5

    Esse aí é um "Tolinho"!

  • Camila L A Rocha | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 17h18
    4
    22

    FORCA PT

Matéria(s) relacionada(s):

Políticos em peso em evento do HMC

A solenidade que marcou a entrega do HMC em Cuiabá, nesta segunda (19), está sendo considerada o evento do ano para o prefeito Emanuel. Ele conseguiu motivar a presença de diversas lideranças políticas, empresariais e de diferentes setores. Para se ter uma ideia, dos 11 membros da bancada federal, 8 estavam presentes, assim como 16 dos 24 deputados estaduais e 17 dos 25 vereadores. Também marcaram presença dezenas de prefeitos e outros...

Base na Câmara e apoio de Iva Viana

leonardo 400 curtinha   Leonardo Bortolin (foto), que comanda Primavera do Leste e um dos vários prefeitos que prestigiaram a solenidade de entrega 100% do HMC, nesta segunda à noite, em Cuiabá, revelou contar com uma base forte e sólida na Câmara Municipal, o que tem sido importante na aprovação dos...

Ato de EP atrai 6 últimos governadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro (foto), habilidoso nas articulações políticas, conseguiu levar para o mesmo evento, marcando a entrega 100% do Hospital Municipal de Cuiabá, nesta segunda à noite, cinco ex-governadores e ainda o atual. Prestigiaram a solenidade Júlio Campos, Carlos Bezerra,...

Governador tenta constranger prefeito

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto) tentou constranger o prefeito Emanuel, nesta segunda, na festa da entrega para funcionamento pleno do Hospital Municipal de Cuiabá. Na presença de diversas autoridades, inclusive dos últimos cinco governadores, com exceção de Silval, o atual chefe do Executivo, em...

3 vereadores cuiabanos no Cidadania

diego guimaraes 400 curtinha   O Cidadania, hoje sem voz na Câmara de Cuiabá, poderá ter três vereadores a partir de março de 2020, com abertura da janela. Na dança das cadeiras, Felipe Wellaton sairá do PV para aderir ao Cidadania, que já é presidido em Cuiabá pelo seu chefe de...

6 na Câmara tentam barrar projetos

francis maris 400 curtinha   O prefeito cacerense Francis Maris (foto) luta junto aos vereadores, para, enfim, concretizar todas as etapas de um financiamento milionário para projetos na área de saneamento. São R$ 130 milhões para abastecimento de água e cobertura de rede de esgoto, com juros de 6% ao ano e 20...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.