ENTREVISTA ESPECIAL

Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018, 09h:41 | Atualizado: 20/09/2018, 10h:07

Taques nega temor de entrar para história como único governador não reeleito vídeo

Tucano enfrenta dificuldade para reconquistar eleitorado e se esquiva sobre qualidade de adversários

Rodinei Crescêncio/Rdnews/Arte

Pedro Taques - Raio X

 

Ex-procurador da República, Pedro Taques (PSDB) ganhou notoriedade pela atuação no judiciário e surgiu como esperança nas eleições de 2010, quando foi eleito senador. Hoje, com 3 anos e 8 meses na cadeira de governador de Mato Grosso, o tucan, que enfretou grande desgaste com o servidor público, não teme ficar para história como o único chefe do Executivo estadual que foi a reeleição, mas não conseguiu renovar o mandato. Garante que será reeleito. Desconversa sobre seu primo Paulo Taques, com quem não fala há mais de ano por conta das medidas restritivas. Revela que vai decidir pelo segundo voto a senador quando estiver em frente à urna. Ainda durante a conversa, desconversa quando questionado sobre as qualidades de seus adversários pelo Palácio Paiaguás e sustenta que o Mato Grosso terá um futuro melhor do que pegou.

Confira os principais trechos da entrevista:

Caso o senhor não seja reeleito, será a primeira vez que um governador não renova o mandato, desde a redemocratização. Teme que isso ocorra?

Nós seremos reeleitos a governador de Mato Grosso. Não trabalho com essa possibilidade (de não se reeleger). Agora, quem decide é o cidadão mato-grossense, mas nós vamos ganhar as eleições.

Em julho de 2013, enquanto senador, o senhor reconheceu a importância do Bolsa Família, mas criticou a União por comemorar o aumento de pessoas inseridas no programa. Como governador, criou o Pró-Família, que é um incremento deste projeto. O senhor mudou de opinião em relação a esses programas de redistribuição de renda?

Não mudei de opinião. É só buscar a diferença do Pró-Família para o Bolsa Família. O Pró-Família não comemora a entrada das pessoas, mas sim a saída. É uma rede de proteção social que tem 25 mil famílias, quase 100 mil pessoas. Vou continuar com o Pró-Família, porque temos cursos de qualificação para que as pessoas deixem o programa. Essa é diferença para o Bolsa Família. Aliás, (o Pró-Família) é reconhecido nacionalmente como uma das melhores redes de proteção social. Temos 3,5 mil agentes comunitários de saúde que auxiliam na atenção básica, melhorando a saúde daquelas famílias. Não mudei de opinião.

Há algum tempo o senhor não pode ter contato com seu primo Paulo Taques (ex-chefe da Casa Civil) em razão de medidas restritivas que a Justiça impôs a ele, após deixar a prisão. Caso o senhor o encontrasse, o que falaria a ele?

Não quero trabalhar com hipótese, possibilidade. Não vim aqui para responder esse tipo de pergunta de hipótese ou possibilidade. Tem restrição e isso tem que ser cumprido. Objetivamente isso.

Rodinei Crescêncio

Pedro Taques

Pedro Taques, que busca reeleição pelo PSDB, evita polêmica ao não declarar apoio para a 2ª vaga ao Senado, após Selma Arruda romper com grupo

Na disputa ao Senado, os eleitores irão escolher dois nomes. Diante da ruptura de Selma Arruda, qual é o segundo nome que o senhor avalia ter maior capacidade para representar o Estado no Congresso?

A questão da Selma foi discussão de tempo (de TV e Rádio) com Nilson (candidato ao Senado pela sua coligação), tentei intermediar e não consegui. Quero que ela exerça a eleição da melhor maneira possível, desejo sucesso e sorte a todos eles. Voto é secreto. Vou decidir na hora o segundo voto.

O senhor reconhece alguma qualidade dos adversários? Se sim, qual ou quais?

Todo cidadão tem qualidade, nem todos são feitos de defeitos. Mas cabe ao eleitor fazer a opção no dia 7 (de outubro) por aquele que tem o melhor predicado para administrar Mato Grosso.

Qual futuro que deseja para Mato Grosso nos próximos quatro anos, caso seja eleito?

Um futuro melhor que passamos nesses últimos anos, pois agora estamos saindo da crise, temos um caminho e está clareando. Estamos pra lá da metade do rio vendo o outro lado. A PEC do Teto dos Gastos Públicos, a economia que fizemos, as ações administrativas nos levam a certeza e convicção que estamos melhores e vamos melhorar mais ainda.

Confira vídeo com trecho da entrevista de Pedro Taques:

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • joao do pedegral | Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018, 15h22
    0
    0

    joao do pedegral, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Guilherme Fara | Domingo, 23 de Setembro de 2018, 08h05
    1
    11

    BOM E O SILVAL QUE SAIU DO CARGO DIRETO PRA PENITÉCIARIA VCS SÃO CABECINHAS PEQUENAS ENTENDE NADA DE POLITICA E ADMINISTRAÇÃO! O FUNCIONÁRIO PUBLICO EM PLENA CRISE QUERENDO AUMENTO SÓ OLHA NO PROPRIO NARIZ ESQUECE QUE A MAIOR PARTE DOS ESTADOS TIVERAM QUE PARCELAR SALÁRIOS!! A PASSA AMANHA AGORA EU QUERO VER ESSA GALERA QUE CHORA DE BARRIGA CHEIA CAIA PRA INICIATIVA PRIVADA COM CERTEZA PASSA FOME, ATÉ PORQUE ELES QUERENDO AUMENTO EM PLENA CRISE, O QUE O PEDRO TINHA QUE FAZER PARA SATISFAZER OS FUNCIONÁRIOS DO ESTADO ARREBENTAR COM AS EMPRESAS AUMENTANDO IMPOSTOS, ENTÃO O AMIGOS PEDRINHO ESTA NO CAMINHO CERTO CASO CONTRÁRIO VAMOS VOLTAR COM JAIME JULIO Wellington SILVAL E OUTOS PRA ADMINISTRAR QUE AI VCS VÃO SABER COM QUANTOS PAU SE FAZ UMA CANOA.

  • Fagner | Domingo, 23 de Setembro de 2018, 00h03
    9
    2

    Tchau Pit Bitoca! Se o Stalone o acha tão bom leva pra administrar sua empresa. A arrecadação do estado subiu de 12 bilhões no governo Silval para atuais 25 bilhões e o desgoverno Taques não fez nada e ainda não pagou o que devia.

  • Marlon | Sábado, 22 de Setembro de 2018, 17h26
    14
    4

    A sua derrocada tem nome: Paulo Taques; e o fiel escudeiro W.S.

  • alexandre | Sábado, 22 de Setembro de 2018, 15h55
    18
    3

    VAI dar o calote no RGA 2017/2018 dos servidores publicos..

  • Ex- Aliado de Pedro Taques | Sábado, 22 de Setembro de 2018, 14h58
    15
    2

    PIOR DO QUE FICAR MARCADO POR SER O UNICO A NÃO SER REELEITO ELE JÁ CONSIDERADO COMO SENDO O PIOR GOVERNADOR DA HISTORIA DE MATO GROSSO E QUEM DIZ QUE ELE TERÁ FUTURO NA POLITICA DE MATO GROSSO ESTAR APENAS QUERENDO SER GENTIL COM O PEDRO TAQUES,,,PORQUE NA DURA ELE NÃO GANHA MAIS NEM PARA SINDICO...

  • ELIAS | Sábado, 22 de Setembro de 2018, 12h45
    21
    1

    O PSDB E PESSIMO..ONDE ENTRA....

  • Rocha | Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018, 20h40
    21
    1

    Incompetente de mão cheia !! Kkkk ... eu avisei que perderia feio !!!

  • joaoderondonopolis | Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018, 15h52
    27
    4

    Além de não ser reeleito, ainda não vai disputar o segundo turno, e também, vai ficar na história de MT como o governador que não repassou repasses para o TJMT, Promotoria, Defensoria e diversos débitos a terceiros, assim como Hospitais, e seu nome vai ficar na história como o pior governador de todos os tempos. O governador eleito vai pegar um estado pior que Taques recebeu e o futuro governador e pelo visto vai herdar uma dívida astronômica, quer dizer mais de R$ 4 bilhões de reais.

  • FLÁVIO | Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018, 13h46
    33
    2

    PÉSSIMO GESTOR ESTATAL!!! Felizmente a população de MT abriu os olhos e, pela primeira vez na história deste Estado, NÃO REELEGERÁ um governo em exercício... Parabéns eleitores!!!

Rejeição a Abílio sobe e cai a de EP

abilio junior 400 curtinha   Nos últimos 15 dias, o candidato a prefeito da Capital, Abílio Júnior (foto), do Podemos, viu a rejeição aumentar 12 pontos percentuais, quase um por dia, saindo de 19% para 31%, de acordo com a nova rodada da pesquisa Ibope, divulgada nesta sexta pela TV Centro América....

Fávaro deixa governador em saia-justa

carlos favaro 400 curtinha   O senador interino do PSD, Carlos Fávaro (foto), que busca a reeleição, deixou o governador Mauro Mendes (DEM) em uma saia-justa em Barra do Garças. Mendes, que já declarou apoio no horário eleitoral ao candidato à sucessão municipal Wellington Marcos, do mesmo...

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...