Esportes

Domingo, 02 de Dezembro de 2018, 18h:57 | Atualizado: 17/01/2019, 12h:40

Fluminense se salva e rebaixa o América-MG - veja como termina Brasileirão 2018

fluminense 2-12

Fluminense bate América-MT por 1 a 0 no Maracanã, com gol de Richard e, além de escapar do rebaixamento, consegue classificação à Copa Sul-Americana

O Fluminense quebrou o jejum de oito jogos sem vencer e nem marcar gols na tarde deste domingo, quando derrotou o América-MG por 1 a 0 no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Richard fez o gol isolado da partida, que levou o Tricolor aos 45 pontos. Além de escapar do rebaixamento, o time carioca conseguiu a classificação para a Copa Sul-Americana. Pior para o Coelho, que estacionou nos 40 pontos e está na Série B de 2019.

brasileirao 2018 600

Campeonato Brasileiro termina com Palmeiras campeão; Sport, América-MG, Vitória e Paraná são rebaixados

A partida começou muito nervosa, com os dois times abusando dos erros de passes e toques laterais, com pouca objetividade. Sem o equatoriano Junior Sornoza na criação de jogadas, barrado, e com um esquema de três volantes, o Tricolor parecia satisfeito com o empate. Tanto que só deu seu primeiro chute a gol aos 12 minutos, quando Luciano arriscou de fora da área e fez a bola passar à esquerda do goleiro João Ricardo.

O América, por sua vez, esperava uma bola para decidir. Tentando usar a velocidade de Matheusinho e Marquinhos, o Coelho começou a ficar mais presente no campo de ataque, dando o primeiro susto nos cariocas aos 19 minutos. Matheusinho se livrou de três e cruzou, a bola sobrou para Marquinhos, que chutou para a defesa do goleiro Júlio César. Quatro minutos depois Aderlan cruzou e Matheusinho pegou de primeira sobre o gol.

Aos 26 minutos o Fluminense escapou de boa. Aderlan foi lançado pela direita, fez o corte em Marlon e o lateral, na corrida, acabou cometendo o pênalti, muito bem marcado pelo árbitro Rafael Traci. Na cobrança de Luan, Júlio César fez grande defesa e Rafael Moura, no rebote, escorou sobre o gol. O lance acordou o Fluminense, que apertou a marcação e tentou sair mais ao ataque, assustando aos 33 minutos. Jadson cruzou, Marco Júnior chutou de primeira e João Ricardo deu um tapinha na bola cedendo escanteio. Três minutos depois Marlon cobrou falta e Gum cabeceou para nova defesa do arqueiro americano.

Já o América seguia perigoso nos contra-ataques e aos 38 minutos quase abriu o placar. Luan recebu livre na área, chutou, Júlio César salvou, mas a bola bateu no atacante e ia entrando, porém, Gum salvou em cima da linha. Na cobrança de escanteio de Carlinhos, Rafael Moura escorou para fora.

O Fluminense, porém, conseguiu abrir o placar aos 41 minutos e quebrou um jejum de mais de 13 horas sem balançar as redes rivais. Marlon cobrou escanteio e Richard, livre de marcação, escorou para o fundo da rede. Foram 802 minutos sem gols, porém, o time foi mais tranquilo para o intervalo.

Na volta para a segunda etapa o Fluminense deu um cartão de visitas logo aos dois minutos, quando Marlon foi lançado e chutou cruzado sobre o gopl, assustando o goleiro rival. Porém, o América é quem ocupava mais o campo do rival e por muito pouco não empatou aos seis minutos. Após cobrança de escanteio, Paulão chutou cruzado e Júlio César voltou a salvar seu time com um tapinha, cedendo escanteio. Três minutos depois foi a vez de Matheusinho pegar de primeira e mandar a bola sobre o gol.

Aos 16 minutos o Fluminense deu sinal de vida no jogo. Após cobrança de escanteio, Luciano cabeceou no travessão, deixando visível a dificuldade do Coelho em neutralizar jogadas aéreas. O Coelho deu a resposta seis minutos depois, em chute de Matheusinho, que o goleiro defendeu.

O América então se lançou ainda mais ao ataque e quase marcou aos 32, quando após cobrança de escanteio Rafael Moura pegou de virada e mandou a bola para fora. O He-Man voltou a ser parado, só que dessa vez pelo goleiro, aos 35 minutos, em uma cabeçada de dentro da grande área. Já aos 37 foi a vez de Luan chutar na rede pelo lado de fora. Nos minutos finais o Tricolor conseguiu tocar a bola e administrar a vantagem até o fim. Festa da torcida carioca e tristeza do Coelho, rebaixado para a Segundona.

  1. FICHA TÉCNICA
    FLUMINENSE-RJ 1 X 0 AMÉRICA-MG
  2. Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
    Árbitro: Rafael Traci (PR)
    Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Rafael Trombeta (PR)
    Renda: R$ 139.932,50
    Público: 34.870 pagantes
    Cartões amarelos: Gum, Everaldo, Marco Júnior, Igor Julião e Digão (Fluminense) e Carlinhos (América)
  3. Gols:
    FLUMINENSE: Richard aos 41 minutos do 1º Tempo
  4. FLUMINENSE: Júlio César, Igor Julião, Gum (Paulo Ricardo), Digão e Marlon; Aírton (Dodi), Richard, Jadson e Marco Júnior; Kayke (Everaldo) e Luciano
    Técnico: Fábio Moreno
  5. AMÉRICA: João Ricardo, Aderlan, Paulão, Matheus Ferraz e Carlinhos; Zé Ricardo (Lincoln), Juninho e Matheusinho (Carlos França); Marquinhos (Ademir), Luan e Rafael Moura
    Técnico: Givanildo Oliveira

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

AGEM entra no facão e é 2ª extinta

A Agência de Desenvolvimento Metropolitano da Região do Vale do Rio Cuiabá (AGEM), que teve como última presidente Tânia Mattos, foi extinta pelo Governo Mauro Mendes. A princípio, o MT-Par assumiria as atividades sistêmicas, os cargos, o patrimônio e as funções, mas isso se tornou inviável por questões jurídicas. Mauro então decidiu que todo o escopo da extinta agência permanecerá sob a...

Foto de Bolsonaro na urna e o arquivo

milene curtinha juiza 190   A juíza da 10ª Zona Eleitoral de Rondonópolis, Milene Aparecida Pereira Beltramini (foto), julgou um caso inusitado na última quarta, dia 15. Foi instaurado inquérito para apurar eventual crime de violação do sigilo do voto de Gerlei Batista de Jesus, que, durante o...

Solenidade da posse foi superfaturada

justino malheiros curtinha   O conselheiro do TCE-MT Luiz Henrique Lima determinou que o presidente da Câmara de Cuiabá, Misael Galvão, suspenda pagamento de R$ 19,9 mil à empresa Capriata de Souza Lima, contratada no ano passado pelo então presidente Justino Malheiros (foto) para organizar a...

Governo vai enterrar de vez o VLT

O VLT vai mesmo morrer sem nunca ter nascido. O Palácio Paiaguás decidiu que não retoma as obras, pois teria que investir mais R$ 1 bilhão, mesmo valor já consumido no projeto, e a manutenção anual chegaria a R$ 50 milhões. Além da problemática financeira de um governo que reclama falta de recursos para investimentos, ainda existe confusão jurídica, um nó muito dificil de desatar. Há três...

Apelo à consciência para evitar greve

mauro mendes curtinha   O governador Mauro Mendes tem grande enfrentamento pela frente, que é o provável indicativo de greve puxado pelo Sintep, categoria que congrega os profissionais da Educação. A categoria apresenta uma extensa lista de reivindicações e a primeira delas é por reajuste salarial e...

Vereador já "colhe" rede de inimizades

abilio 190   Devido à maneira inconsequente como conduz o mandato, gravando conversas e reuniões, invadindo salas, além de manipular dados, dissimular e provocar discussões e brigas, Abílio Júnior (foto) conseguiu, em pouco tempo, ampliar a rede de inimizades em todos os núcleos por onde passa...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.