Estado e seus Servidores

Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019, 13h:20 | Atualizado: 28/01/2019, 10h:19

NOVEMBRO DE 2018

Maiores salários custam R$ 4,8 mi para o Estado; sargento recebe R$ 108 mil - lista

Selo Estado e seus Servidores

 

Cinco secretarias do Governo reúnem os 100 servidores com os maiores salários pagos em Mato Grosso, que só no pagamento da folha de novembro de 2018 custaram para os cofres públicos o equivalente a R$ 4,8 milhões. Os servidores estão lotados na Secretaria de Fazenda (Sefaz), Controladoria-Geral do Estado (CGE), Procuradoria-Geral do Estado (PGE), Polícia Militar e Polícia Judiciária Civil (PJC).

Os maiores salários brutos se concentram na PM, onde o primeiro sargento Benedito Correa da Cruz recebeu em novembro R$ 108 mil, enquanto que o segundo sargento Leonardo Teixeira de Oliveira recebeu R$ 104 mil. O segundo sargento Helder Galdino Pereira da Silva recebeu o terceiro maior salário dentre os 100 servidores, garantindo R$ 90 mil.

No caso do sargento Benedito, os subsídios mensais somam R$ 97 mil, e chegaram a R$ 104 mil em novembro por causa de R$ 2,6 mil de adicional de férias e R$ 7,5 mil de gratificação de Natal. Com as deduções de Imposto de Renda (R$ 25,8 mil) e contribuição com a previdência (R$ 10,7 mil), somaram R$ 37,4 mil, fazendo com que o salário liquído do oficial fosse de R$ 70,5 mil. 

Na Sefaz, os maiores salários se situam entre R$ 38 mil e R$ 76 mil, que foi o valor recebido pelo fiscal de tributos José Esperidião da Costa Marques Filho. O valor líquido recebido pelo servidor foi de R$ 50,3 mil, considerando as deduções, sendo R$ 17,8 mil só de Imposto de Renda. Na lista dentre os mais bem pagos na pasta está o vereador por Cuiabá, Renivaldo Alves do Nascimento (PSDB), cujo salário foi de R$ 51 mil.

Na CGE, os altos salários variam entre R$ 37,2 mil a R$ 48,6 mil, sendo o maior a do fiscal de tributos Pierre Monteiro, que referente à folha de novembro de 2018, recebeu R$ 48,6 mil. Na PGE, o maior salário bruto é da ex-procuradora-geral do Estado, Gabriela Novis Neves Pereira Lima, que em novembro recebeu R$ 49,4 mil, com R$ 16,4 mil em deduções, recebeu R$ 33 mil liquído. 

Gcom

Palacio Paiagu�s

Os 100 maiores salários do Estados foram encontrados na Sefaz, CGE, PGE, PM e PJC

Os delegados Luiz Felipe Nascimento de Leoni e Joacir Batista dos Reis são os que receberam os maiores salários em novembro, sendo R$ 57,1 mil e R$ 52,7 mil, respectivamente. Na PJC os salários mais valorizados situam entre R$ 44,2 mil e R$ 57,2 mil. Com as deduções, esses valores corresponderam a R$ 37,8 e R$ 40,7 mil, respectivamente.

Folha e descompaso

O questionamento quantos aos altos salários nas repartições públicas surge no momento em que o governador Mauro Mendes (DEM) foi obrigado a escalonar salários e parcelar o 13º de servidores dos meses de novembro e dezembro. Além disso, o democrata aponta que entre 2003 e 2017 as despesas com pessoal variaram de R$ 1,6 bilhão para R$ 11,7 bilhões. Até por isso, o Executivo decidiu por decretar situação de calamidade financeira e estabelecer diretrizes de contenção de gastos.

  • Veja a lista dos mais altos salários do Estado em novembro de 2018:
  •  
  • Sefaz
  • Jose Esperidiao Da Costa Marques Filho - R$ 76.255,51
  • Mario Marcio Pereira Lopes - R$ 54.067,61
  • Renivaldo Alves Do Nascimento - R$ 51.902,90
  • Jandira Kekuchi Queiroz - R$ 45.581,59
  • Adriana Roberta Ricas Leite - R$ 42.167,87
  • Jose Americo Fernandes Junior - R$ 42.138,28
  • Irineu Luiz Schultes - R$ 42.138,27
  • Jose Roberto Miorim - R$ 42.138,27
  • Vinicius Jose Simioni da Silva - R$ 41.759,04
  • Wellington Rodrigues Catao - R$ 41.706,30
  • Flavio Barbosa de Leiros - R$ 41.509,68
  • Mara Sandra Rodrigues Campos Zandona - R$ 41.509,68
  • Jose Ortega - R$ 41.509,68
  • Denilson Lemos De Oliveira - R$ 41.509,68
  • Ednilton Brandalise Veras - R$ 40.884,53
  • Anesia Cristina Batista - R$ 40.758,89
  • Fernando Carlos Fernandez Dias - R$ 39.010,36
  • Eleuza Medeiros - R$ 38.626,03
  • Temistocles Carvalho Neto - R$ 38.331,40
  • Dilvan Coelho De Moraes - R$ 38.077,41
  •  
  • CGE
  • Pierre Monteiro Da Silva - R$ 48.627,27
  • Jose Celso Dorileo Leite - R$ 44.264,51
  • Jonas Ferreira Da Silva - R$ 44.201,93
  • Juracy Alves De Oliveira - R$ 43.439,41
  • Wander De Oliveira Lima - R$ 42.691,29
  • Naly Noleto Ramos - R$ 42.622,98
  • Grazielle De Azevedo Fernandes Franco - R$ 41.379,67
  • Tatiana De Lima Piovezan - R$ 41.081,75
  • Jose Alves Pereira Filho - R$ 40.994,31
  • Leliane Ferreira Silva Santana - R$ 40.374,32
  • Marcia Cristina Borges De Souza Okamura - R$ 39.731,02
  • Norton Glay Sales Santos - R$ 39.494,31
  • Sonia Regina Lopes - R$ 39.179,66
  • Nilva Isabel Da Rosa - R$ 38.790,69
  • Emerson Hideki Hayashida - R$ 38.266,50
  • Elba Vicentina De Moraes - R$ 37.876,70
  • Sergio Moura Duarte - R$ 37.876,70
  • Marcio Da Silva Santos - R$ 37.876,70
  • Whats Neyven e Silva - R$ 37.670,56
  • Gislaine Aparecida Miranda - R$ 37.244,31
  •  
  • PGE
  • Gabriela Novis Neves Pereira Lima - R$ 49.484,60
  • Wylerson Verano De Aquino Sousa - R$ 44.587,47
  • Claudio Jose De Assis Filho - R$ 43.919,15
  • Ethienne Gaiao De Souza Paulo - R$ 35.352,66
  • Daniel Gomes Soares De Sousa - R$ 35.124,56
  • Jenz Prochnow Junior - R$ 35.052,95
  • Glaucia Anne Kelly Rodrigues Do Amaral - R$ 35.052,95
  • Olga Geny De Almeida Alves - R$ 34.857,18
  • Luiz Carlos Pinheiro de Souza - R$ 34.746,27
  • Geraldo da Costa Ribeiro Filho - R$ 34.746,27
  • Sueli Solange Capitula - R$ 34.746,27
  • Elisabete Ferreira Zilio - R$ 34.746,27
  • Marcia Regina Santana Duarte - R$ 34.746,27
  • Natalia Maria Pereira Dos Santos - R$ 34.746,27
  • Dilmar Portilho Meira - R$ 34.746,27
  • Monica Pagliuso Siqueira - R$ 34.746,27
  • Marcia Palmiro da Silva e Lima - R$ 34.529,94
  • Claudia Regina Souza Ramos - R$ 33.834,20
  • Waldemar Pinheiro dos Santos - R$ 33.487,81
  • Fernando Cruz Moreira - R$ 33.487,81
  •  
  • PM
  • Benedito Correa da Cruz - R$ 108.043,29
  • Leonardo Teixeira de Oliveira - R$ 104.254,95
  • Helder Galdino Pereira da Silva - R$ 90.874,82
  • Marcos Vieira da Cunha - R$ 46.556,80
  • Jose Roberto Castelo - R$ 45.902,20
  • Jorge Luiz de Magalhães - R$ 41.556,80
  • Heverton Mourett de Oliveira - R$ 41.556,80
  • Edgar Maurício Monteiro Domingues - R$ 41.556,80
  • Wilker Soares Sodre - R$ 41.556,80
  • Henrique Correia da Silva Santos - R$ 41.556,80
  • Victor Paulo Fortes Pereira - R$ 41.556,80
  • Walter Silveira dos Santos - R$ 40.707,60
  • Eduardo Henrique De Souza - R$ 36.811,65
  • Clevison Pinheiro Miranda - R$ 36.811,65
  • Fernando Schulz Galvao da Silva - R$ 36.811,65
  • Roosevelth Fabiano Oliveira Escolástico - R$ 36.750,99
  • Querubino Soares Neto - R$ 36.362,20
  • Gildazio Alves da Silva - R$ 36.362,20
  • Edivaldo Souza Oliveira - R$ 36.362,20
  • Dalton Luiz De Magalhães - R$ 36.362,20
  •  
  • Polícia Civil
  • Luiz Felipe Nascimento de Leoni - R$ 57.171,14
  • Joacir Batista dos Reis - R$ 52.725,88
  • Mikyrony Simão dos Santos - R$ 52.287,38
  • Anamaria Machado Costa - R$ 49.360,72
  • Celso Renda Gomes - R$ 47.404,04
  • Daniel Rozão Vendramel - R$ 47.404,04
  • Delson Rodrigues de Moura Lopes - R$ 47.031,37
  • Luis Fernando Pereira Ramos Arantes - R$ 46.554,13
  • Sérgio Paulo de Oliveira Medeiros - R$ 46.554,13
  • Alexandre Morais Franco - R$ 46.554,12
  • Vinícius Franciscon Prezoto - R$ 45.540,67
  • Roberto Massuo Ohara - R$ 44.802,41
  • Daniel Lemos Valente - R$ 44.720,79
  • Gianmarco Paccola Capoani - R$ 44.720,79
  • Liliane De Souza Santos Murata Costa - R$ 44.720,79
  • Paulo Rubens Vilela - R$ 44.720,79
  • Sergio Ribeiro Araújo - R$ 44.720,79
  • Wylton Massao Ohara - R$ 44.720,79
  • Alcindo Rodrigues da Silva - R$ 44.614,37
  • João Henrique de Brito Santos - R$ 44.226,41
  • *Valores brutos sem considerar as deduções como Imposto de Renda e Previdência. 

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • Elvis Levino | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 17h01
    2
    0

    Se no executivo está dessa forma, imaginem os outros poderes... Alguma mídia se dispõe a informar-nos?

  • Armindo de Figueiredo Filho | Domingo, 20 de Janeiro de 2019, 21h31
    2
    1

    NÃO HÁ O QUE COMENTAR!!!SIMPLESMENTE>>>>>>UMA ABERRAÇÃO, UM DISPARATE, UMA VERGONHA, UM CONTRA SENSO, UM AFRONTA, UM ESCARNIO, UM DEBOCHE aos demais Trabalhadores Assalariados deste Estado e do País.. Fim de Papo .....

  • Roberto | Sábado, 19 de Janeiro de 2019, 12h04
    1
    3

    A polícia militar tem mais gente no administrativo do governo, do que na rua. O governo deveria colocar esse pessoa na rua, para da proteção ao cidadão que paga imposto. Lugar da polícia é na rua...

  • Miriam | Sábado, 19 de Janeiro de 2019, 07h38
    4
    2

    Se um sargento ganha isso imagina um coronel? A questão é que o aparato jornalístico das instituições públicas, inibem, camuflam e até escondem, as reais remunerações dos seus integrantes. Bombardeiam de informações mesmo que irrelevantes os veículos de mídia quando tratam do assunto. Poucos têm realmente conhecimento da situação, basta observar que nem os candidatos cercados de especialistas sabem as verdadeiras condições dessas instituições que tanto enganam o povo, a sua razão de ser. Lastimável.

  • Jose | Sábado, 19 de Janeiro de 2019, 07h22
    6
    1

    A VERDADE É QUE CRISE DO ESTADO FOI CAUSADA PELOS R$20 BILHÕES EM FRAUDES DO GOVERNO TAQUES? Não se pode esquecer de apurar e recuperar todos os desvios e fraudes do desgoverno pedro taques da transformação do estado em caos e roubalheira, os quais juntos já SOMAM $20 BILHÕES. Só para lembrar aí vai a lista detalhada dos $20 bilhões: R$69 milhões em desvios na caravana da transformação; perdão de R$645 milhões em dívida da petrobrás; perdão de R$5 milhões de reais em dívidas da unimed cuiabá; a operação Rêmora por desvio de R$57 milhões na SEDUC; operação Bereré por desvio de R$30 milhões no Detran; operação Grampolândia na segurança pública usada para chantagear adversário; delação de Alan Malouf sobre Brustolin e vários secretários com R$50 mil/mês por fora; mensalinho R$100 milhões por dentro para os deputados; rombo de R$4 bilhões no caixa e desvio de $500 milhões do fundeb; desvio de R$1,2 milhões no fundo de trabalho escravo; desvio e apropriação de R$300 milhões dos municípios; desvio e apropriação de R$300 milhões dos poderes; aumento de $2 bilhões nos Incentivos Fiscais; aumento de milhares de cargos políticos comissionados, aumentou da folha de pagamento pela contratação de mais de 10.000 pessoas; uso da justiça para proteger seus amigos e secretários conforme disse o cabo gerson; delação de Alan Malouf tratando de 12 tipos de corrupção entre elas os $10 milhões de caixa 2 administrados por Alan Malouf e Julio Modesto; licitação irregular de 11 bilhões para transporte interestaduais; desvio de R$58 milhões em pontes na SINFRA; $300 milhões em vantagem cobrada de quem recebeu antecipado no decreto do bom pagador; crédito de R$100 milhões para o primo Paulo Taques; maracutaia com a juiza candidata para ferrar o silval e a familia dele. Além disso, apropriação indébita de R$70 milhões descontado dos salários dos servidores públicos para pagar empréstimos consignados, estouro da folha pagando vantagens para apaniguados políticos que receberam salários acima de R$100 mil, contratação irregular de 2000 cabos eleitorais na SEDUC para fazer campanha para o ex-secretário Mahafon, peculato ao gastar R$10 milhões em telefone por secretaria do estado durante a campanha eleitoral para o governo 2018.

  • Ricardo | Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019, 20h16
    3
    0

    Ricardo , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • José. | Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019, 19h49
    15
    2

    No caso dos PMs, todos eles e olha que são MILHARES,(sodados, cabos e sargentos) ganham em média R$ 5.000,00. Os Oficiais, Tenente pra cima ganham em média R$ 10.000,00(bruto), Coronel em final de carreira uns 28.000,00 - Bruto. Em hipótese alguma estou dizendo que é esse o caso, mas muitas das vezes o servidor é impedido pelos seus chefes ou superiores de por exemplo tirar férias, existem casos que ficam 10 anos sem tirar, ai, com uma ""ajudinha""é claro, porque não é todos que conseguem, " ''ALGUNS""montam processos administrativos e pedem indenizações das mesmas e recebem. Isso geralmente ocorre em final de mandato e .........o resto todo mundo já sabe.....Tem que verem a legalidade, origem, motivação de todo processo administrativo que sopesaram esses pagamentos atípicos e que NÃO REFLETE O VERDADEIRO SALÁRIO DA CATEGORIA.

  • Gilmar | Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019, 19h41
    8
    0

    A cada governo, promessas de acabar com mordomias, enganam o povão, mantendo as atuais e criam novos marajás. É preciso acabar com isso, chega de demagogia. Precisamos reagir.

  • alexandre | Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019, 19h10
    11
    1

    95% dos servidores o salário não passa de 5 mil... bruto..

  • ATA | Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019, 18h55
    4
    2

    Transparências tem q ter mesmo. Afinal quem paga somos nós. O pior se continuar com essas barbáries. Pois os contratos continuam. Estão chamando que trabalhou na gestao anterior. Insubstituiveis. Na Seduc estao todos de volta. Por favor governador. Vigiaaa

Matéria(s) relacionada(s):

Ulysses, ideologia e clima amistoso

Ulysses Moraes curtinha   Entre os 14 deputados novatos, Ulysses Moraes (foto), do DC, é quem assumiu cadeira na Assembleia fazendo o maior barulho. Polêmico líder do MBL em Mato Grosso, ganhou fama devido aos vídeos no Youtube, em que faz críticas ao petismo e a corrupção no Estado. Antes mesmo de...

Max ou Maluf será conselheiro do TCE

max russi curtinha   Até 5ª (21) a Assembleia deve aprovar tanto no colégio de líderes quanto em plenário o nome de Max (foto) ou de Maluf para o cargo vitalício do TCE. Curiosamente, os dois estão nivelados em termos de “problemas”. Maluf se tornou réu. Max responde também a...

Guiratinga dá R$ 900 pra paciente SUS

humberto domingues bolinha curtinha guiratinga   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingues Ferreira, o Bolinha (foto), do PSDB, transformou em lei uma medida considerada rara no Estado, garantindo auxílio de R$ 900 reais a cada paciente do SUS que necessite se deslocar a outra cidade para fins de tratamento médico. Essa...

O retorno e como apresentador de TV

eder moraes curtinha   E ele ressurge depois de ir do céu ao inferno. Eder Moraes, que foi supersecretário dos governos Blairo e Silval, se envolveu em escândalos, ficou preso por alguns meses e carrega condenações, processos e ações sobre os ombros, volta ao noticiário, agora como apresentador...

Condenada por fraudes na equipe de JC

chica nunes curtinha   Jayme Campos (DEM), de volta à cadeira de senador para mais oito anos de mandato, emprega no gabinete não apenas Baiano Filho, que foi vereador por Sinop e deputado estadual. Na lista de 22 nomeados nos últimos 15 dias está outra pessoa que passou pelos mesmos cargos, a ex-deputada e...

Reação do agro por causa da taxação

mauro mendes curtinha   Em solo onde brotam culturas que sustentam Sorriso no ranking de capital nacional do agronegócio e dentro de um círculo tomado por um grupo de produtores rurais, o governador Mauro Mendes (foto), que teve a coragem de taxar o agronegócio, não poderia encontrar um ambiente favorável. Ali, ao...

Selma usa Dilma para ficar no Senado

selma arruda curtinha   Na tentativa de escapar de uma cassação pela Justiça Eleitoral, a senadora Selma Arruda (PSL) invocou, quem diria, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Conhecida por bradar contra o Partido dos Trabalhadores, a senadora traz em suas alegações finais a decisão do TSE que inocentou a...

Deputado presta homenagem a pastor

thiago silva curtinha   Da tribuna da AL, em sessão na quinta, o deputado estreante Thiago Silva (foto) prestou homenagem ao pastor da Assembleia de Deus, Rubens Siro de Souza, que faz aniversário neste sábado (16). Membro da mesma Igreja, Thiago rasgou elogios a Rubens, vice-presidente da Convenção dos Ministros...

Janaina confirma bloco dos 10 na AL

A deputada Janaina Riva (MDB) confirma a construção de um bloco formado por 10 parlamentares. Ela pondera que Ullysses e Xuxu foram convidados, mas que não integram o grupo. Garante que a ideia é atuar na defesa dos direitos dos servidores e que, por enquanto, pautas como as eleições de 2022 ou a presidência da AL em 2020 ainda não são tema de discussão. Sobre o TCE, confirma que o bloco pretende votar unido em um candidato. A...

MAIS LIDAS