Executivo

Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 11h:06 | Atualizado: 03/12/2020, 16h:27

ELEIÇÃO NA AMM

8 prefeitos vão à Justiça contra reeleição de Neurilan para 4º mandato na AMM

Em meio a polêmicas, a eleição do novo presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) deve ser judicializada. Os 8 prefeitos eleitos pelo PDT vão acionar a Justiça para questionar as mudanças que permitem a reeleição ilimitada de Neurilan Fraga (PL).

O advogado Rodrigo Cyrineu, responsável por ingressar com a petição, questiona ainda a legitimidade e legalidade do regimento interno que mudou a data de escolha, antes em janeiro e agora em 15 dezembro.

Reprodução

Neurilan Fraga

“Uma indignação da maioria dos prefeitos eleitos, particularmente do PDT, e eles me confiaram a missão de contestar a alteração estatutária que foi feita em 2019 e protocolada em 27 de outubro deste ano. Eles podem compor chapa, mas não podem votar”, conta o advogado.

Para ele,  causa estranhamento não só a lacuna entre a alteração e seu protocolo às vésperas da eleição. Questiona o fato de Neurilan ter aumentado o mandato de 2 para 3 anos e deixando a possibilidade do presidente da AMM se reeleger sem um limite de vezes.

“Mesmo sendo uma associação e não um órgão público, a AMM não tem liberdade e autonomia para esse tipo de mudança na eleição interna porque ela é mantida com dinheiro do contribuinte. Esse regimento é um verdadeiro Frankenstein, com partes desconexas”. O orçamento da entidade é de quase R$ 1,2 milhão por ano.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Rafael | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 16h17
    12
    0

    Neurilan, vc vai me desculpe meu nobre, mas vc não tem mais capacidade, competência e argumentos para permanecer a frente da AMM. Vc não representa mais os prefeitos de MT... Está na hora de soltar o osso...

  • DE OLHO | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 15h52
    8
    1

    ADIVINHEM QUE SÃO OS PADRINHOS POLITICOS DO NEURILAN !! SÓ AQUELA TURMINHA NADA CONFIÁVEL.

  • Zeca Valeiro | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 14h46
    9
    0

    As instituições brasileiras estão fracassadas devido às falcatruas de seus membros. Como esse sujeito pode ser presidente se não representa nenhum município do estado?

  • Gutemberg Abreu | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 13h24
    12
    0

    Vale lembrar que a AMM não é uma entidade pública, mas o dinheiro é do povo e portanto deve ser fiscalizado sua aplicação correta, uma manobra vergonhosa que merece o nosso repudio! com a palavra o MPE! chega de maracutaia!

  • Pedro henrique | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 13h17
    14
    0

    Vai trabalhar neurilan, nem prefeito ė mais e quer ser presidente da associação de prefeitos. Vou me candidatar a presidente do conselho de medicina e da OAB. Sou pedreiro com orgulho. Aliás KD a OAB que não vê isto.

  • DICK VIGARISTA | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 12h33
    10
    2

    NÃO CONSTA NO ESTATUTO DA AMM QUE O PRESIDENTE TEM QUE SER PREFEITO COM MANDATO. O QUE FAZ ESSE SENHOR QUE NÃO PREENCHE ESSA PRERROGATIVA DO CARGO. A JUSTIÇA TEM QUE BARRAR ESSE DITADOR QUE MUDA O ESTATUTO A BEL PRAZER. ONDE FICA A CONSTITUIÇÃO. ELE QUER PERPETUAR NO CARGO. FORA NEURILAN.....

  • altair f. da silva | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 11h36
    18
    2

    esse cidadão não é prefeito, tá desempregado e quer mamar nas tetas da AMM, fora aproveitador, vai trabalhar.....

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.