Executivo

Sexta-Feira, 13 de Setembro de 2019, 14h:40 | Atualizado: 13/09/2019, 17h:38

ENCONTRO EM BRASÍLIA

A embaixadores europeus, Mauro defende desburocratização do Fundo Amazônia

O governador Mauro Mendes (DEM) deixou a reunião conjunta dos governadores da Amazônia Legal com os embaixadores da Alemanha, Noruega e Reino Unido otimista quanto a manutenção e fortalecimento do Fundo Amazônia. Para isso, defendeu que a aplicação dos recursos doados pelos países europeus para contribuir com a preservação ambiental seja desburocratizada.

Alex Nunes

Mauro Mendes

Mauro Mendes ao lado do governador Antônio Góes, do Amapá, durante reunião com embaixadores da Alemanha, Noruega e Reino Unido, nesta 6ª

A primeira reunião do dia foi com os embaixadores da Noruega (Nils Martin Gunneng), Reino Unido (Vijay Rangarajan) e Alemanha (Georg Witschel). Ainda nesta tarde, Mauro e os demais governadores da Amazônia Legal se reunirão com o embaixador da França (Michel Miraillet).

“O mundo tem interesse que nós façamos preservação e nós temos interesse que o mundo colabore com a Amazônia para que isso aconteça. Além de preservar, nós queremos construir alternativas de desenvolvimento econômico para toda nossa população”, defendeu Mauro após o encontro realizado em Brasília, na manhã desta sexta (13).

O debate sobre o Fundo Amazônia ganhou força porque no inicio de agosto a Alemanha anunciou a suspensão do financiamento de R$ 155 milhões para projetos de preservação da floresta amazônica, não apenas do Fundo Amazônia, onde o país tinha uma participação menor. Alegou uma “grande preocupação com o aumento do desmatamento”.

Ainda no mês passado, a Noruega, maior financiadora do Fundo Amazônia, anunciou a suspensão do repasse do equivalente a R$ 133 milhões, por discordar das mudanças feitas pelo Governo Bolsonaro nos comitês de gestão do fundo.

Em ambos os casos, o presidente da República Jairo Bolsonaro (PSL) reagiu mal aos anúncios. Para a Alemanha, disse que a chanceler do país, Angela Merkel, deveria usar os recursos para reflorestar seu país. Aos noruegueses, disse que um país que mata baleias e explora petróleo no mar do Norte não poderia dar lições aos brasileiros e divulgou um vídeo nas redes sociais atribuindo ao país uma matança do mamífero aquático promovida pela Dinamarca.

Ao defender a manutenção do Fundo Amazônia,  Mauro lembrou que a criação de um novo fundo com os estados da Amazônia Legal, como chegou a ser cogitado, seria um mecanismo longo e complexo. Entretanto, reafirmou que os recursos devem chegar às populações que vivem nas áreas que precisam ser preservadas.

Eu senti dos embaixadores muita disposição em manter o dialogo com o Governo Federal e com todos nós aqui dentro desse objetivo da preservação ambiental mundial e não só no nosso país

Mauro Mendes

“Como já existe o Fundo Amazônia, é importante reconhecer que seria muito mais rápido se colocar dinheiro nele para que chegue até os estados brasileiros e as realidades das pessoas que vivem na Amazônia. Agora, a maior lição de casa é fazer o Fundo Amazônia funcionar e o dinheiro chegar e produzir efetivamente o resultado para o qual foi concebido”, completou o governador.  

Mauro também defendeu o fim da burocracia para aplicação dos recursos do Fundo Amazônia. Além disso, saiu otimista quanto o restabelecimento da boa relação entre o Governo Federal e os países europeus. “Acabar um pouco com a burocracia tão comum da realidade brasileira. A burocracia existe neste país não só no Fundo Amazônia, tantos outros fundos, tantos outros mecanismos precisam ser descontaminados dessa burocracia tão peculiar do nosso país”.  

“Eu senti dos embaixadores muita disposição em manter o dialogo com o Governo Federal e com todos nós aqui dentro desse objetivo da preservação ambiental mundial e não só no nosso país. Nós temos que fazer da preservação ambiental levando sempre em consideração a contribuição que o nosso país tem que dar ao planeta, mas que todos os países precisam dar. E nessa linha, o diálogo parece que está sendo retomado a bem desse interesse comum”, concluiu.  

O embaixador da Noruega se pronunciou representado os diplomatas presentes na reunião. "Nós não queremos apenas preservar, mas também precisamos desenvolver a região. Temos muitos investimentos aqui. Queremos saber como podemos ajudar nesse desafio de preservar o meio ambiente, pois o Brasil é um parceiro chave", disse Nils Gumeng .

Além de Mauro, participaram da reunião representantes dos governos do Amazonas, Amapá, Roraima, Pará, Rondônia, Acre, Maranhão e Tocantins.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Prefeito coloca secretarias em alerta

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro (foto) colocou em estado de alerta a Defesa Civil e as secretarias municipais de Obras e Serviços Urbanos por causa da chuva torrencial que caiu neste sábado em Cuiabá. Em vários locais, inclusive na região central, como em frente à praça...

Jovem prefeito à reeleição e os Maia

gustavo melo 400 curtinha   Em Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), o mais jovem dos 141 prefeitos mato-grossenses - completa 36 anos no próximo 26 de junho -, está disposto a buscar a reeleição pelo PSB. Mas carrega forte desgaste. O que traz certo conforto para Gustavo é o fato de Maia Neto, que comandou o...

Suposta delação tira sono de Alencar

alencar soares 400 curtinha   A notícia de que o STJ já teria homolagada delação de Sérgio Ricardo caiu como uma bomba. Mesmo depois do ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE vir a público desmenti-la, assegurando não ter motivos para fazer tal colaboração premiada, os efeitos...

SD também deseja Taques ao Senado

pedro taques 400 curtinha   Empolgado com resultado de uma pesquisa interna, na qual estaria bem pontuado, aparecendo entre os preferidos ao Senado, mesmo após deixar o cargo de governador bastante desgastado, Pedro Taques (foto) passou a flertar não só com o Cidadania, conduzido no Estado pelo seu ex-secretário Marco...

Presidente do TJ-MT assume Codepre

carlos alberto tj 400 curtinha   O presidente do TJ-MT Carlos Alberto (foto) foi eleito presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais de Justiça (Codepre) do país. O cargo alça o membro de MT à liderança de discussões nacionais importantes. Dentre as atribuições do colégio...

Brecha pra futuro cassado ir à Justiça

kero kero curtinha 400   Wilson Kero-Kero (foto), ex-SD (socialista) que foi para ex-PSL (direita), anunciou ida para Podemos, mas permanecerá no partido direitista, é o relator do processo de cassação do colega Abílio Júnior, na CCJ da Câmara de Cuiabá. Na Comissão de Ética o...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.