Executivo

Quarta-Feira, 07 de Abril de 2010, 22h:44 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

Operação Hygeia

Advogados contestam operação; acusados respondem a 8 crimes

Advogados contestam atuação da Polícia Federal

   Os advogados dos suspeitos de participação num esquema de desvio de recursos da Funasa e de secretárias de Saúde nos municípios contestam a decisão do juiz da 1ª Vara Federal, Julier Sebastião da Silva, em decretar a prisão dos clientes. Sebastião Monteiro e Lucien Pavone, responsáveis pela defesa do ex-prefeito de Santo Antônio do Leverger, Faustino Dias Neto (DEM), e do ex-secretário de Finanças do município, Odil Benedito Antunes do Nascimento, argumentam que as detenções decorrentes da Operação Hygeia, nesta quarta (7), são arbitrárias.

   Segundo eles, Faustino e Odil foram levados para a delegacia sem que fossem informados dos motivos. Eles alegam não ter acesso à cópia do mandado de prisão, embora tenham acompanhado os depoimentos dos clientes. “Não temos nada em mãos que nos diga o motivo das prisões”, reclamou Sebastião. “A falta dessas informações também prejudica os detidos a colaborar com as investigações”, acrescentou Lucien.

   O advogado e parente de Valdebran Padilha, Daniel Padilha, reclama pelos mesmos motivos. Segundo ele, o cliente não tem nada a esconder e poderia ser interrogado sem a necessidade de detenção. “Estava à disposição e, portanto, não se fazia necessário o uso de arbitrariedade no cumprimento da investigação”, criticou. Valdebran é considerado o “lobista” do esquema que envolve contratos superfaturados, notas fiscais falsas, contratação de funcionários fantasmas e serviços não executados.

   As atividades dele favoreceriam a empresa do irmão, Valdenir Padilha, proprietário da Engesan Saneng, também detido nesta quarta. Nas negociatas, Valdebran teria o apoio do ex-prefeito Faustino, que destinaria verbas para as obras. O complexo esquema, com ramificações e núcleos bem esquematizados, contava com a participação de empreiteiras na execução de obras, com servidores da Funasa e entidades sem fins lucrativos, contratadas por municípios para gerir os programas de Saúde Indígena, Saúde da Família (PSF), Serviço de atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e Unidades Municipais de Saúde (UMS).

   Os advogados terão que defender os clientes das acusações de formação de quadrilha, fraudes em licitações, estelionato, peculato, prevaricação ativa e passiva, apropriação indébita, lavagem de dinheiro e corrupção ativa e passiva.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • ANTONI | Sábado, 10 de Abril de 2010, 00h22
    0
    0

    ANTONI , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • José Eduardo Pessoa | Sexta-Feira, 09 de Abril de 2010, 18h25
    0
    0

    Engraçado. é só Faustino e commpanheiros estarem enrrolados. E o Edú? E a Glórinha? Aí tem cheiro de dedo de político. Não concordo com parcialidade.

  • FABINHO FERRARI | Sexta-Feira, 09 de Abril de 2010, 08h54
    0
    0

    GRAÇAS AO BOM DEUS QUE O SENHOR FAUSTINO JÁ NÃO FAZ MAIS PARTE DE LEVERGERKKKKKK VAI COM DEUS PARA LIVRAMENTO AEIXA LEVERGER EM PAZ!!!!!!!!!!!!!

  • Sandra Amorim | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 18h05
    0
    0

    Oi Faustino , tudo bem? E a sua arrogancia já diminuiu? Gostaria de saber quantas caixas de cervejas você ira pagar aos seus puxa sacos lá no Plenarinho assim que voce sair do xilindro, e aí vai andar com os vidros abertos dos seus carrões ou vai continuar no ar condicionado e vidro fumê, quem sabe agora voce aprendera a ser humilde. Não se esqueça tambem dos fogos na sua volta nos aqui estamos esperando tudo isso, do jeito que você gosta cabeça de cotonete, pode ter certeza nos vamos aplaudir, pra todos os efeitos nos somos conterraneos.

  • Tuane | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 17h36
    0
    0

    Romilson, Faustino, Valdebran, Didi, deveriam estar preso mdesde 2004 quando os mesmos fizeram a maior sacanagem com o finado Julio Amorim, eles roubaram a sua eleição e ficaram no poder para fazer oque hoje a população de Santo Antonio já sabia ha muito tempo,se é que os mortos sabem o que se passa aqui na terra lá no céu hoje é festa. O inferno é aqui mesmo tudo que se fez contra o finado aqui mesmo voce esta pagando. A sua vida politica acabooooooooou, pois seus descendentes e puxa sacos, seja feliz atraz das grades.

  • elias | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 16h09
    0
    0

    esse prefeito cassado é a vergonha do leverger....só falta o partido dele o DEM expulsar ele do partido, alo jaime, alo dr. oscar, alo dirigentes do DEM o que vcs vão fazer?

  • Roberto Cavali | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 15h07
    0
    0

    É inocente irão clamar advogados e parentes, para, mais uma vez tentar limpar a já suja, ou melhor, imunda imagem de Fastino. Após uma derrota na justiça foi afastado do cargo jurando inocência. Drs. Sebastião e Lucien não largam do cliente, mas aviso, se estiverem esperando um cheque polpudo, esqueçam, o poço secou!!

  • ALDO | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 14h46
    0
    0

    OS ADVOGADOS DOS ACUSADOS PRESOS NA OPERAÇÃO DA POLICIA FEDERAL,QUE AS PRISOES SAO ARBITRARIA ISSO É UM ABSURDO, QUER DIZER QUE O PADILHA,O FAUSTINOE OUTROS SÃO INOCENTES? ELES DEVERIA ESTAR PRESOS A MUITO TEMPO,ASSIM O POVO SOFRIDO ESTARIA LIVRE.PARABENS DR.JULIER CONTINUE ASSIM.EM TEMPO A CAMARA DE VEREADORES DE CUIABÁ, LIVRAMENTO DEVE APROVAR MOÇÃO DE APLAUSOS AO JUIZ E POLICIA FEDERAL.

  • jose carlos amorim | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 13h05
    0
    0

    jose carlos amorim, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • aroldo | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 11h10
    0
    0

    romilson o faustino e o waldebran padilha ainda estam presos?

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

MAIS LIDAS