Executivo

Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 17h:09 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Rumo a Copa do Mundo

Agecopa escolhe proposta para demolição do Verdão na 4ª

Adilton Sachetti   A demolição do estádio Governador José Fragelli, o Verdão, ainda vai demorar alguns meses para acontecer. Na próxima quarta (20) acontece a abertura dos envelopes com as propostas das empresas que vão realizar o trabalho. O presidente da Agecopa, Adilton Sachetti, disse que a vencedora fará uma análise de como o trabalho será feito quanto a parte do material seja reaproveitado, conforme prevê a legislação ambiental para reutilização dos resíduos da construção civil.

   No cronograma de trabalho da Agecopa também segue a elaboração de projetos para o início das principais obras a serem feitas para o Mundial que acontece daqui a cinco anos. A maior delas, de acordo com o presidente, é a MT-Leste Oeste, que vai ligar o aeroporto internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande, até a avenida do CPA, em Cuiabá. A segunda grande obra será um corredor exclusivo para ônibus que vai do Coxipó ao centro. A avenida Fernando Côrrea da Costa também está na lista das prioridades, com a abertura de mais uma via, que vai se somar as outras duas já existentes, para fazer a ligação do Trevo do Lagarto até a Miguel Sutil.

   Sachetti disse que a Agecopa tem até junho para formalizar esses projetos. Ele adianta que as intervenções vão demorar muito tempo ainda a serem concluídas porque são ações complexas. Mas, segundo o presidente da autarquia, até o fim de 2010 a Capital será um canteiro de obras da Copa. “No momento, há uma empresa especializada elaborando o plano de mobilidade. Após a liberação dos recursos do PAC da Mobilidade, que ficaram em R$ 460 milhões para Cuiabá, ainda vai levar entre seis e nove meses para dar início aos trabalhos", garante.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • CLEBER OURIVES FIGUEIREDO | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 10h03
    0
    0

    Quero lembrar ao Adilton , que o plano de reaproveitamento de materiais resistentes e servíveis ao Dutrinha, bem como as Escolas Públicas, e outros órgãos do Governo, deve ser feito pela equipe de governo, através de edital a ser lançado , pois os concorrentes devem obedecer tal decisão, e não esperar plano de trabalho de reutilização dos concorrentes, pois a estes cabe o novo plano de construção do NOVO VERDÃO, de acordo com as normas da Copa 2014. Eis a minha opinião técnica...

  • Eduarda Mello | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 08h42
    0
    0

    Hoje o que se discute é a sustentabilidade do nosso planeta, diminuindo o desgaste ao meio ambiente. Então, vocês já pararam pra pensar quantas toneladas de cimento serão jogadas fora com a demolição do Verdão? E ainda, nos tempos atuais as construções são muito mais frágeis. Por que não pegam a experiência do Rio de Janeiro que está ampliando tudo em torno do próprio Maracanã. Acredito que o "custo-benefício", tanto em termos ambientais como econômicos, seria muito maior do que demolindo o VERDÃO. Cada dia que passa chego mais ainda a conclusão de que não temos POLÍTICOS SÉRIOS neste país, pois estão jogando fora com essas toneladas de cimento o nosso dinheiro, pagos com impostos suados. Por isso que a fome dos Governos em aumentar a carga tributária de impostos não para. Hoje a nossa carga tributária gira em torno de 36% e a tendência, se continuar com esses gastos exorbitantes, é aumentar ainda mais. PIOR AINDA, VÃO ACABAR MAIS RÁPIDO COM O MEIO AMBIENTE.

  • Beto Vilela | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 10h54
    0
    0

    Esta ai uma pessoa que só perdeu a eleição em Rondonópolis por não saber ser político ou seja,não soube prometer o impossível e mentir aos eleitores como o atual prefeito fez. Até hoje o Zé esta só na promessa, prometo isso, prometo aquilo e nossa cidade esta um caos. Sem 3º Turno na Saúde, sem Passe Livre para todos os Estudantes, Fornecedores sem receber, funcionários contratos sem receber seus vencimentos, a nossa Coder entregue ao José Riva, sem água e ainda para completar esta apoiando um candidato de outro partido W.S.(PSDB) e ainda reclama que não recebe ajuda do Governador. Parabéns Sacheti, pelo que foi e pelo que ainda será a frente da AGECOPA.

  • Junior | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 09h11
    0
    0

    Bom...o grande Adilton não consegui terminar nem a obra pequena do CEADAS de Rondonópolis, que era pra ser entregue em Dez/2008 na sua gestão, talvez porque já tivesse perdido nas urnas dai entao digamos "to nem ai, to nem ai" como toca a musica...Adilton Sacheti obrigado pela forma que nos tratou...ainda bem que vimos a tempo sua qualidade como politico, ou melhor falta de qualidade...

  • Enio Marcelo Castilho | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 09h04
    0
    0

    Com a demora no início das obras de demolição do VERDÃO, diga-se de passagem uma besteira, pois a nova arena deveria ser construída em outro lugar e o VERDÃO continuar atendendo ao nosso futebol, os clubes da capital, deverão mandar seus jogos bem longe dos torcedores. O problema é que este povo da AGECOPA não sabe nem a cor da camisa do MIXTO, imagina se eles iriam se preocupar com o nosso futebol. Uma lástima....

  • edson | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 08h40
    0
    0

    Acho que tem um erro na digitação desta materia, como pode a avenida Fernando Correa ligar do Trevo do Largarto até a Miguel Sutil, nao seria Rodovia MArio Andreaza?

  • Edu | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 02h42
    0
    0

    Como turismologo e profissional atuante na area, espero de coracao que as escolhas 'tecnicas' sejam realmente de acordo com o perfil buscado, pois e uma chance de ouro que ganhamos e acredito em criterios justos para escolha das pessoas que irao trabalhar em prol da Copa 2014!

  • Camargo | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 21h53
    0
    0

    È.............esta feliz não é............a teta de Rondonopolis secou...........rsssssss Desfrute bem;;;;;;;;;rssss pois a o tio Maggi tb logo secará........kkkkkkkkkk

  • roni | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 18h06
    0
    0

    roni, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Contrato para tocar eventos do TCE

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Guilherme Maluf, fechou um contrato anual com a Infortouch Agência e Comunicação, Eventos e Produtos Alimentícios, aproveitando ata de registro de preços  do Tribunal de Justiça de MT, com adesão-carona num processo de 2019. A empresa vai faturar R$ 376,9 mil para atender demandas do TCE em toda logística de eventos, envolvendo as etapas de planejamento,...

Ação de promotor e volta de restrições

Adalberto Ferreira   O promotor de Justiça Adalberto Ferreira garante que prefeito de Juscimeira Moisés dos Santos não havia editado nenhum decreto endurecendo as regras de restrições à pandemia do coronavírus antes do MPE propor ação na Justiça. Ao falar sobre nota publicada...

Oséas agora está nas mãos de Abílio

oseas machado 400 curtinha   Oséas Machado (foto) conseguiu derrubar Abílio Júnior, a quem denunciou por quebra de decoro parlamentar, e assumiu a cadeira deste na Câmara da Capital. Agora, o cassado se articula para dar o troco. O problema é que ambos estão no PSC. Oséas quer buscar a...

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.